Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts do dia 21 maio 2013

Hoje é noite de Confraria

21 de maio de 2013 0

Reprodução

A programação para quem curte literatura está de vento em popa em Caxias do Sul. Depois do ótimo Órbita Literária, realizado ontem, hoje à noite ocorre o encontro mensal da Confraria Reinações Caxias, também na Do Arco da Velha Livraria e Café (Rua Os 18 do Forte, 1.690).


O tema de hoje da Confraria — grupo que se reúne mensalmente para debater literatura infantojuvenil e que está prestes a completar quatro anos — é o livro O Homem de Areia, de E.T.A. Hoffmann. A coordenação dos debates estará a cargo de Germano Weirich.

O encontro começa às 19h30min e vai até as 21h, com entrada franca. Mesmo pessoas que ainda não integram a Confraria (ou que não leram o livro) podem participar.

Lançamento mundial de 'O Silêncio das Montanhas'

21 de maio de 2013 0

Reprodução

É hoje o lançamento mundial de O Silêncio das Montanhas (Globo Livros, 352 páginas, R$ 39,90),  novo livro do escritor afegão Khaled Hosseini, autor de best-sellers como O Caçador de Pipas e A Cidade do Sol — só no Brasil, suas obras já venderam quase 4 milhões de exemplares.


O romance que chega hoje às livrarias traz como protagonistas os irmãos Pari e Abdullah, que moram em uma aldeia distante de Cabul, são órfãos de mãe e têm uma forte ligação desde pequenos. Assim como a fábula que abre o livro, as crianças são separadas, marcando o destino de vários personagens.

Paralelamente à trama principal, Hosseini narra a história de diversas pessoas que, de alguma forma, relacionam-se com os irmãos e sua família, sobre como cuidam uns dos outros e a forma como as escolhas que fazem ressoam através de gerações. Assim como em O Caçador de Pipas (livro que ganhará este ano edição comemorativa de 10 anos), o autor explora as maneiras como os membros sacrificam-se uns pelos outros, e muitas vezes são surpreendidos pelas ações de pessoas próximas nos momentos mais importantes.

Segundo o próprio Hosseini, o novo título “fala não somente sobre a minha própria experiência como alguém que viveu no exílio, mas também sobre a experiência de pessoas que eu conheci, especialmente os refugiados que voltaram ao Afeganistão e sobre cujas vidas tentei falar tanto como escritor quanto como representante da Organização das Nações Unidas. Espero que os leitores consigam amar os personagens de O Silêncio das Montanhas tanto quanto eu os amo”.

A história segue os personagens pelo mundo, de Cabul a Paris, de São Francisco à Grécia, numa trama que fala de vidas partidas, inocências perdidas e o amor em uma família que tenta se reencontrar.