Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Speranzini se mantém entre as maiores do país

03 de abril de 2012 3

A blumenauense Speranzini repetiu o feito de 2010 e está no ranking das 100 maiores construtoras do país em 2011, elaborado pela ITC – Inteligência Empresarial da Construção. Em relação a 2010, a empresa caiu sete posições, passando de 77ª para 84ª, com 158,8 mil metros quadrados construídos. A maior construtora do país é a Gafisa, que ergueu 7,1 milhões de metros quadrados em 296 obras.

A construtora blumenauense está com 21 obras em andamento e 18 no papel. O empresário Nilton Speranzini diz que os problemas do ano passado, especialmente os relacionados à falta de mão de obra, aos poucos vão sendo solucionados. Só a burocracia não é vencida. A tradicional queixa sobre a demora na aprovação de projetos na prefeitura de Blumenau, recorrente entre as construtoras, permanece.

Comente abaixo

comentários

Comentários (3)

  • Daniel diz: 3 de abril de 2012

    Bom dia.
    Pesquisa incompleta. Precisamos saber se o que é construído tem qualidade e se é aprovado pelo consumidor. Dizem que este senhor é muito brabinho…Vale conferir!!!
    Abraço

  • Flavio diz: 3 de abril de 2012

    Termina o ano…inicia o ano… e a queixa sempre é a Prefeitura travando o desenvolvimento da cidade… a Iniciativa privada dá um jeito na questão da mão de obra, sempre consegue da um jeitinho….mas o Poder Público é difícil…sempre dificultando o crescimento e avanço da cidade. É incrível… as empresas realmente tem que partir para outras cidades para direcionar os investimentos onde o processo é menos burocrático e mais rápido.

  • Wilson diz: 3 de abril de 2012

    Pena que essa construção de prédios destroi a história e arquitetura de épocas em Blumenau. Nossa Alameda passa pelo mesmo processo que a Avenida Paulista, já o bom retiro perde seus palácios históricos e de personalidades. Exemplo é a casa de Ingo Hering que está sendo destruida para ser levandado um prédio! Pena perde Blumenau!

Envie seu Comentário