Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Encontrado túnel ao lado do Teatro Carlos Gomes

09 de janeiro de 2015 84

w_ode_p
Fotos: Odebrecht Ambiental, divulgação

Aos que gostam da lenda sobre a existência de túneis no Centro de Blumenau, eis um prato cheio.

Operários da Odebrecht Ambiental que trabalham na obra da Rua Presidente John Kennedy, ao lado do Teatro Carlos Gomes, encontraram um túnel a quase três metros de profundidade, exatamente ao lado da vala que está sendo aberta. Foi na semana passada, em frente à agência do Bradesco, e causou certo burburinho na obra, já que os operários conhecem a lenda.

A empresa registrou em foto, comunicou o Samae e, como a estrutura não prejudicava o trabalho, continuou o serviço. Voltou a ser coberto pela terra e pelos paralelepípedos.

História ignorada

O diretor Operacional da Odebrecht, Cleber da Silva, diz que o túnel segue no mesmo sentido da rua. Segundo ele, tem cerca de 1,5 metro de altura por pouco mais de 50 centímetros de largura. A estrutura não está nos registros da prefeitura, usados para orientar o trabalho da Odebrecht.

No Samae, não houve interesse em investigar o achado. As fotos chegaram às mãos do assessor jurídico da autarquia, José Carlos Oechsler. Como não interferia no trabalho do esgoto, foi orientado para que a obra continuasse normalmente.

w_ode2_p
Obra na Rua Presidente John Kennedy começou no final do ano passado.
Foto: Luis C.  Kriewall Filho, BD, 26/12/2014.

Passado presente

A diretora do Arquivo Histórico da cidade, Sueli Petry, diz que provavelmente trata-se de um curso d’água canalizado no início do século passado. Ela conta que a Rua XV de Novembro tinha vários pontilhões, o que comprova a existência de pequenos ribeirões que chegavam ao rio Itajaí-Açu.

– Merecia investigação. Faz parte da história – comenta.

O historiador e colunista do Santa Viegas Fernandes da Costa também diz que a estrutura deveria ser estudada. Para ele, já é tempo da cidade ter um arqueólogo especializado em arqueologia histórica que estudasse esses casos. Viegas não acredita ser um túnel para a passagem de pessoas:

– Toda grande cidade tem lendas sobre passagens subterrâneas.

Que abram novamente a vala. Não deveríamos perder a chance de conhecer melhor nosso passado.

Comente abaixo

comentários

Comentários (84)

  • Alex diz: 9 de janeiro de 2015

    Pela história da cidade e pela curiosidade da nação, por favor estudem aquele túnel!

  • jaison diz: 9 de janeiro de 2015

    “não atrapalhava as obras” não é bem assim, deveria ser aberto e estudado, parece que não querem que saibamos da nossa verdadeira historia, historia essa que taparam com barro e paralelepípedos, e não se trata de curso d’agua não, tem mais coisa ai…Estão com medo de cavar, Sr. Prefeito, conduza isso de uma forma mais apropriada.

  • Nelci diz: 9 de janeiro de 2015

    Gente, estão falando da historia, historia essa que ha muito tempo é sinal de controversas, por favor, abram o tunel , verifiquem, veja onde vai dar, pode ter muita coisa ali da nosssa historia, Blumenau merece isso…

  • Elis diz: 9 de janeiro de 2015

    Tem que ser aberto sim , chega ser emocionante saber que pode ter mais coisas ali pra gente saber , imagina sabermos mais do passado , eu adoro arqueólogia , e gostaria muito de saber mais histórias de Blumenau ,nossa cidade merece , abram .abram por favor estudem esse achado precioso .

  • Dan diz: 9 de janeiro de 2015

    Pelas istorias que ja escutei de nazista que fugiro pra Blumenau…faria um bom documentario.

  • Pedro Procopio diz: 9 de janeiro de 2015

    isto é uma asneira

  • Paulo diz: 9 de janeiro de 2015

    Interessantíssimo….

    Mas infelizmente é uma obra que tem prazo p ser realizada. O importante é ter registrado essa existencia e com fotos. Qualquer coisa… alguem pode ir lá um dia escavar e pesquisar mais.

  • felipe diz: 9 de janeiro de 2015

    1,50m de altura não passa ninguém em pé.

    50cm de largura não passa ninguém abaixado.

    Mas quem quer acreditar que ali passavam pessoas vai inventar alguma história mirabolante que justifique sua crença.

    Tudo bem né, liberdade de pensamento. Mas por favor não peçam pra gastarem recursos públicos numa brincadeirinha dessas.

  • Jose Carlos diz: 9 de janeiro de 2015

    Aproveitem o tunel para continuar até o outro lado do rio , pois a nossa QUERIDA PONTE DO CENTRO JÁ ERA, ACHO QUE A UNICA SOLUÇÃO SERÁ IMPORTAR O PAULO MALUF PARA BLUMENAU SAIR DO LUGAR , POIS O SORRISINHO JÁ ERA. ALIÁS . ninguem quer carros passando defronte aos seus maravilhos prédios no centro de Blumenau, enquanto isso os pobres contribuintes se escaldam no terrível transito de “nossa” cidade.

  • João diz: 9 de janeiro de 2015

    Esta ai a tal história do túnel q liga teatro carlos gomes,colégio sagrada, hospital sta isabel etc…

  • vanda Girardi diz: 9 de janeiro de 2015

    O cineasta Zeca Pires começou a rodar um documentário sobre o nazismo e o integralismo no Vale do Itajaí. Esse achado seria interessante no documentário.

  • JOse Carlos diz: 9 de janeiro de 2015

    Aproveitem o tunel para continuar até o outro lado do rio, pois pelo que parece, A PONTE DO CENTRO JÁ ERA, ninguem quer carros passando defronte aos seus maravilhos prédios no Centro da Cidade, no entanto os Blumenauenses podem se estorricar dentro dos carros no caótico transito do Centro.
    Em tempo, a ultima vez que contruiram pontes no centro, passava carroça, carro de boi e trens na sua maioria, pelas pontes.
    Aliás, acho que a única solução para Blumenau é o Paulo (rouba mas faz) Maluf pois o Sr.Sorrisinho é só decepção, aliás..já estamos em contagem regressiva para o final do mandato.

  • justiceiro diz: 9 de janeiro de 2015

    Acredito que seja para escoamento de água, pois quando a empresa Casa Royal construiu a passagem da sua oficina para o Posto Royal, executaram escavações sob a Rua Namy Deeke, e foram obrigados a fazerem a construção sobre um antigo túnel no local, e com isso elevaram a Rua. Creio que este túnel na Rua John Kenedy, serve para escoamento das águas que vem lá do parque São Francisco, atrás do Shopping Neumarkt.

  • Valdemir Nicoletti diz: 10 de janeiro de 2015

    Concordo, é um achado. E depois de tanta especulação sobre a existencia de túneis e tal, é de grande valor estudar este achado. Pena que aqui no Brasil, não se da tanto valor a sua e a nossa história.

  • RICARDO diz: 10 de janeiro de 2015

    Infelizmente estamos cercados de indivíduos sem cultura e que perdem uma oportunidade de fazer uma releitura da história e catalogar os eventos e ou monumentos que desapareceram nas areias do tempo!!!

  • Douglas diz: 10 de janeiro de 2015

    teve um cidadão que colocou isso como asneira, mas vamos lá, em qualquer outro canto do mundo quando se acha qualquer coisa , ja param as obras, ja chamam pessoas especializadas e tentam ligar as coisas, e de uma coisa que não tinha sentido algum, se descobre um passado incrivel, sera que esse “tunel” não poderia ser investigado mais a fundo???e dai que realmente for um corrego, pelos menos acaba de vez com as especulações, falaram aqui em não gastar dinheiro publico para mexer no suposto tunel, e dai???quanto dinheiro é gasto em coisas que nem a gente sabe******, ou é tudo um bando de santo?????

  • Shirlei diz: 10 de janeiro de 2015

    Foi dito que o tunel tem 1,50 de altura por 50 cm de largura, ai teve um esperto ali que diz que é pra dar asas a imaginação, que não seria possivel passar ali, pra esse mesmo esperto eu digo: da uma pesquisada e veja os tuneis que os detentos fazem para fugir, é bem menor do que esse ai, na verdade esse ai é um luxo só, pense nisso…..

  • Michel Imme diz: 10 de janeiro de 2015

    Interessante. E não creio que caiba ao assessor jurídico dar a palavra final sobre eventual investigação – o que ele entende do tema? . Concordo com os historiadores entrevistados. Investigação já!

  • Eugênio Alfredo Müller Filho diz: 10 de janeiro de 2015

    Acredito que que pelo formato da construção não indica ser para o uso de escoamento de águas.Mesmo sendo estreito, serviria mais como passagem de “fuga”, numa emergência e por si só, uma passagem “eventual”.Observa-se o capricho da arquitetura.

  • Celso diz: 10 de janeiro de 2015

    O mais interessante é a chamada do ClicRbs! “Encontraram um túnel em Blumenau no Vale do Itajaí”

  • Jose marcos p. castellain diz: 10 de janeiro de 2015

    No tempo em que morei na rua XV, em frente ao teatro Carlos Gomes, ouvi muitas histórias, e uma delas sobre a construção do teatro.
    São duas as principais lendas envolvendo o Teatro Carlos Gomes. A primeira, sobre a parte superior do edifício, que teria sido inspirada no quepe utilizado por Adolf Hitler. Além disso, em visita a Blumenau, o presidente Getúlio Vargas comentou que achava que a estrutura frontal superior do teatro teria sido construída para que Hitler discursasse em uma possível visita. A estrutura, no entanto, é de difícil acesso e serve apenas para que as bandeiras sejam erguidas.

    A outra lenda é que, por baixo do prédio, passariam túneis que ligavam a outros lugares da cidade, o que possibilitaria uma fuga do ditador nazista. Historiadores afirmam que não há nenhuma comprovação histórica. O que pode ter originado a lenda foi a criação de uma galeria pluvial quase na mesma época em que teve início a construção do teatro: Das Histórias que ouvi, um dos túneis vai do teatro ao Rio Itajaí Açu.

  • Charles diz: 10 de janeiro de 2015

    Por muito menos Dan Brown já teria escrito um best seller. Daria um ótimo enredo : Nazistas – Colégio Santo Antonio e Iluminattis, fetos no túnel, ligação com Sagrada Família, Pedro II e quem sabe o túnel não vá até Timbó-Pomerode saindo numa certa piscina com um símbolo no fundo, ligando com o topo do Spitzkopf e o cemitério de gatos, que são na verdade zumbis do submundo blumenauense.

  • Bárbara diz: 10 de janeiro de 2015

    Pessoal, vamos pensar.
    Se fosse para escoamento de água deveria estar nos registros da prefeitura, mesmo sendo antigo algum registro teria.
    Concordo com o que foi falado em relação a historia, pois devemos ter cultura em nossa cidade.
    Mesmo que seja para água, ficaria fascinada em saber que fizeram tuneis altos, com tijolo a vista e com o teto arredondados ainda. Concordo em abrir e investigar o tunel!!!

  • Pessoa Comum diz: 10 de janeiro de 2015

    Se fosse na Alemanha, o túnel não só seria estudado como aproveitado para passagens de carros (lá, seria alargado)para que os motoristas apressadinhos dirigissem seus carros por via subterrânea da Rua XV até o shopping próximo. Seria uma das soluções pontuais para a mobilidade urbana no Centro. Mas, vai…sequer estudam o achado histórico, que dirá pensar em ver o que dá para fazer com ele. Talvez, se pensarem em outro túnel para ¨encurralar¨ os pedestres, talvez repensem.

  • Ermenegildo diz: 10 de janeiro de 2015

    Segundo dizem os mais antigos moradores de Blumenau, EXISTE UMA REDE DE TUNEIS SIM, em Blumenau. Apenas, nao sei pq, nao querem investigar mais a fundo. Isso é história de Blumenau, INVESTIGUEM.
    Segundo os mais antigos, essa rede vai dar lá no Pedro II, e era para FUGA dos nazistas sim. Perguntem aos mais antigos de Blumenau.

  • lis diz: 10 de janeiro de 2015

    Tem muita gente que sabe da verdadeira História… o que acontece???
    estão com medo de falar a real verdade???? hoje não implicaria em mais nada
    meramente historia, ou será que alguém lembra se tiveram que parar o transito pra fazer o túnel de travessia da sete em frente ao shopping?????? Hoje entraria pra história de Blumenau… Acho tudo isso muito interessante…..Onde estão os velhos historiadores dessa cidade?????

  • G. Ballod diz: 10 de janeiro de 2015

    É túnel para escoamento de água, sem dúvida. Com 50 cm de largura, qualquer gorducho ficaria entalado. Mas, como parte da história de Blumenau, deveria ser investigado.

  • Clarice Foster diz: 10 de janeiro de 2015

    É muito simples, basta algum corajoso entrar no túnel com uma lanterna e seguir o seu itinerário para traçar um mapa do mesmo.
    Dessa forma será mais fácil fazer um diagnóstico mais preciso, dos reais objetivos dessa construção.
    Um coisa é certa, caso esteja servindo para a passagem de pessoas, certamente é para ocultar algo, caso contrário, seria muito mais inteligente transitar pela superfície.

  • Lauro Eduardo Bacca diz: 10 de janeiro de 2015

    Concordo com o Viégas, Douglas, Michel Imme e todos os que se manifestaram a favor de uma investigação histórico-arqueológica para esse túnel. Não importa qual seja a finalidade do túnel. Se foi construído, foi com algum objetivo e independente desse objetivo vale a pena ser preservado e mostrado aos estudiosos, curiosos e turistas. Paris, uma das cidades mais turísticas do planeta tem as catacumbas de Paris, abertas a quem desejar visitar, com ossos de milhões de parisienses mortos há alguns séculos, em 2 km de galerias relativamente estreitas e baixas, tudo a mais de 20 metros abaixo da superfície do solo e ao alcance dos olhos e mãos (caso alguém queira tocar) do visitante. Blumenau, claro, com suas outras curiosidades e potencialidades próprias, tem um imenso arsenal de sítios turísticos para todos os gostos. Dizer que não atrapalha a obra e esgoto, toca a obra e ponto final, isso não é digno de quem ocupa um cargo público. Que tal resgatar e/ou aproveitar nossas potencialidades, começando pelo túnel do Carlos Gomes?

  • Luiz Carlos G. Cabral diz: 10 de janeiro de 2015

    Prezados.
    Essa construção não pode ser classificada como túnel,pois não serve como passagem de pessoas, dadas as suas dimensões. No máximo como uma modesta galeria para escoamento de águas.
    Vejamos: 1,5m x 0,50m fornece uma seção que, se totalmente cheia, dá 0,75m² o que, para os dias atuais, é uma galeria de pequeno porte (menos capacidade do que um tubo de 1m de diâmetro).
    Estudar, pesquisar, catalogar e tudo o mais, deve ser feito como registro histórico, mas, por favor, nada de fantasias novelescas de enredo pobre…

  • Ana Regina diz: 10 de janeiro de 2015

    Nossa, achei incrivel. Se foi construido para fuga dos nazistas mesmo, que bem feito e pensado. Acho o máximo descobrir essas coisas de anos atras! Isso merece sim ser investigado, é emocionante saber que onde pisamos hoje, já foi lugar de fuga de pessoas, e etc!

  • Rodrigo Rafael Reinert diz: 10 de janeiro de 2015

    Eu queria dizer porque Blumenau que é uma cidade,colonizada por Alemães,tenta esconder este túnel,que foi criado na 2ºguerra mundial,para os padres e freiras atravessarem a cidade sem ser incomodados,este túnel vai do teatro Carlos Gomes,passa pela rua 7,com saída no colégio Bom Jesus,descendo até o Sagrada Família,e até o hospital Santa Isabel,o bom intendedor vai saber que estou falando a verdade,pois todos os locais citados,tem vinculo católico,eu só acho que esta historiadora,tem que ir mais a fundo nas historias de Blumenau.

  • Emerson diz: 10 de janeiro de 2015

    Sendo um túnel de escoamento, quem garante que ele ainda não é funcional? Se simplesmente cobrirem ele e ele se encher de água? Acho que deveriam estudar, por questão técnica e histórica, reconstruir o que foi quebrado.

  • juçara diz: 10 de janeiro de 2015

    Alguns comentários foram feitos com muito fundamento.
    Os antigos falavam que este túnel era para uma provável fuga de Hitler pelo Rio Itajaí Açú.
    Frequentei muito o Teatro com peças de teatro, ensaios, Festivais e, sempre foi comentado sobre este túnel . A entrada está lá dentro, próximo ao palco, para quem quiser conferir.
    Antigamente, logo após a derrota de Hitler, os alemães de Blumenau foram brutalmente espancados. Aquele que não falasse a língua brasileira era obrigado a beber óleo quente até a morte. Deveriam sim investigar , penso que sabem muito e querem esconder este passado horroroso desta cidade que amo.
    Existem muitos outros relatos originários dos antigos moradores que deveriam ser investigados em respeito a história ,se é que teriam coragem de trazer assuntos como este a tona. Cresci ouvindo dos mais velhos e, acredito que existe fundamento nestas informações e, que deveriam ser investigadas.

  • Renato C.Baptista diz: 10 de janeiro de 2015

    Sabemos até mesmo que no passado Blumenau era conhecida como a pequena Alemanha, sabemos também que foi visitada por autoridades militares nazistas e muitos dos alemães que moravam em nossa cidade poderiam ter feito tais tuneis para fugir de castigos, meu avô me contou que muitas pessoas de origem alemã eram retiradas da antiga Artex levadas ao centro da cidade e onde hoje é a praça Dr. Blumenau eram obrigadas a tomar óleo e voltar a pé para casa como forma de castigo.
    sabemos que na quele tempo existia pessoas de alto nível social em nossa cidade que saíram da Alemanha com medo da guerra a também aqueles que lutaram ao lado dos nazistas quem sabe pode ser mais uma Historia ou não….cabe a Sra. Sueli Petry descobrir…Abraços a todos..

  • Prim diz: 10 de janeiro de 2015

    Se ignoram até o fato visualizado de que a fachada do teatro tem formado de um quepe nazista então…

  • Ervolin diz: 10 de janeiro de 2015

    Só observo…

    “UM POVO SEM CONHECIMENTO, SALIÊNCIA DE SEU PASSADO HISTÓRICO, ORIGEM E CULTURA. É COMO UMA ÁRVORE SEM RAÍZES.”

  • Bruno diz: 10 de janeiro de 2015

    Fala sério… Cade o pessoal da cultura ? Vão deixar o Odebrecht Ambiental colcoar tudo a perder? Como estão fazendo com toda a cidade? Me desculpe a crítica, más é sabido que esta empresa está deixando a desejar e muito, com remendos mal feitos, erros em seus planejamentos e outros deslizes, acho fácinho derrubarem esses túneis com o maquinário pesado! CADE A PREFEITURA???
    O SAMAE não consegue nem resolver os problemas de falta de água muito menos avaliar se há ou não empecilho!

  • Marcos diz: 10 de janeiro de 2015

    Ao invés de comentários e tentar adivinhar do que se trata, é só abrir e olhar onde sai! Merece e deve ser aberto e estudado!

  • basei diz: 10 de janeiro de 2015

    Pesquisem o tunel!! Melhor gastar dinheiro publico com pesquisas do que com falcatruas!!! E olha… eu passo quase em pé la dentro hein!!!

  • Silva Junior diz: 10 de janeiro de 2015

    Amigos, vou levantar outra teoria.. conhecida por mim quando morei em Manaus. Locais com grande concentração de pessoas no passado recebiam sistemas de ventilação alternativos que consistiam em túneis ligando o local a um rio próximo.. era o ar condicionado dos antigos, era bem engenhoso com pás de madeira ligados a um sistema tipo de moinho. No teatro Amazonas o sistema ainda esta intacto, e pode ser visitado.. vale a pena!! Fica a dica… abraços JR-S7

  • Fábio Luis Sucheiski diz: 10 de janeiro de 2015

    Como a maioria aqui colocou, deveria sim ser levado em consideração todas as colocações… e investigar o fato. Sempre gostei das histórias contadas na nossa região e isso com certeza pra quem gosta, nos deixam curiosos!

  • Marcos Aurelio Sbardelatti diz: 10 de janeiro de 2015

    Investigação sim. Mas mês q vem vai se aberto novamente, pode ter certeza. E falando nisto, te q ta demorando para estourarem o asfalto na ponte do Badenfurt. Pensei que em no max duas, três semanas abririam o asfalto p por canalização de alguma coisa…..

  • andrea diz: 10 de janeiro de 2015

    Se todo mundo fazer escandalo no facebook a prefeitura faz alguma coisa porque eles odeiam bafafa na internet. Deve ser investigado sim e se era escoamento de agua como que nao estava em nenhum registro da prefeitura? Perderam na enchete? Eles devem prestar esclarecimentos sim!

  • Luiz Eduardo diz: 10 de janeiro de 2015

    Bom dia a todos leitores, Acredito que a cidade, a história e a população esta perdendo uma enorme chance de conhecer melhor o passado da cidade, indiferente em ser apenas um túnel para passagem de aguá, ou uma passagem secreta. A cidade não deveria perder uma oportunidade dessas, além que daria um excelente documentário, onde deveriam enquanto ainda VIVAS entrevistar as pessoas mais velhas conhecedoras dessas histórias e principalmente que vivenciaram vários fatos pouco conhecidos sobre a cidade suas construções e população. Fico indignado com o descaso que esta se dando a este achado.

  • JAIME KURTZ diz: 10 de janeiro de 2015

    Façam o mapeamento desses túneis, para no futuro serem aproveitados até pela celesc colocar a fiação elétrica . É uma forma de economizar. Já jogaram dinheiro fora até com uma bandeira, então não será muito caro fazer o mapa subterrâneo da cidade. Existe também a segurança pois se esses túneis passam por debaixo da cidade, podem perfeitamente ser usados por criminosos para assaltar um banco.

  • Joao Afonso Boer diz: 10 de janeiro de 2015

    É uma história e tanto. Nos idos de 1981, quando eu o Norton Azambuja, ambos do Santa, fazíamos Assessoria de Imprensa para o Teatro Carlos Gomes, tomei conhecimento da existência de túneis. Circulei por dentro de um deles, embaixo do palco do Teatro, que daria outro acesso à rua. Na época estava trancado com várias portões e grades, correntes e cadeados bem grossos. No local, havia entulhos e restos de mobílias, o que de certa forma dificultava ir mais adiante. De fato, precisa ser investigado esses acessos. É um túnel bem diferente.

  • David Costa diz: 10 de janeiro de 2015

    Se fosse realmente investigado e respeitado, seria uma ótima opção para acrescentar no estudo dos alunos Blumenauenses. Sem contar que seria um grande atrativo Turístico e Cultural.

  • Thiago h Grahl diz: 10 de janeiro de 2015

    Esta ai. mais uma parte da nossa história e Turismo jogado no lixo!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  • Diovan Luidi De Pin diz: 10 de janeiro de 2015

    O túnel não é pra escoamento de água. Tem uma entrada nos fundos de um dos palcos do Carlos Gomes, que foi fechada em uma das reformas. E tem outra no Pedro II, no prédio onde ficava (fica?) a fanfarra do colégio. Eu vi essa entrada no final dos anos noventa, quando participei da fanfarra. Estava fechada com tábuas e sacos de areia. Fica embaixo da escada que leva ao segundo andar da construção. Se fosse pra água, qual o sentido dessas entradas?

  • Marina Luiza Subtil diz: 10 de janeiro de 2015

    Interessantíssimo! Juntar a fala de Getúlio com uma fuga de um nazista baixinho…. dá uma bela história.

  • bfrederico diz: 10 de janeiro de 2015

    Mais um assunto que envolve cultura sobre Blumenau que nao interessa a administracao publica, pois como tantos outros (construcoes antigas etc), sao desprezadas. Cultura eh historia e vice-versa. Abram os olhos enquanto ha tempo.

  • Renato diz: 10 de janeiro de 2015

    A atitude de simplesmente ignorar o achado e continuar a obra, reflete muito bem a “preocupação” do poder público e dos próprios órgãos responsáveis em preservar a história de nossa cidade. Ora, tratando-se de um duto de escoamento, nada mais justo do que ao menos um estudo deveria ser feito, onde vai dar, onde termina, afinal, faz parte da história do município. Me admiro a direção do arquivo histórico dar as costas para isto. Sendo um túnel ou uma tubulação, que ao menos fosse feito um estudo responsável e apropriado para que ao menos as especulações e lendas fossem de vez cessadas. Ou há algo a mais que não querem estudar?

  • Dayane diz: 10 de janeiro de 2015

    Cara, imagina quanto dinheiro que a prefeitura iria desembolsar para estudar este caso. Caso que todos nós estamos curiosos. HISTORIA DA NOSSA CIDADE. Logicamente vão ter que ter uma desculpa, e dessa vez é: ” Como a estrutura não prejudicava o trabalho, continuou o serviço. Voltou a ser coberto pela terra e pelos paralelepípedos.”

  • Lindomar Nunes diz: 10 de janeiro de 2015

    Muito interesante esse tunel e com certeza foi usado na segunda guerra para proteçao de algum fujao.vamos investigar sem corvadia.

  • Igor diz: 11 de janeiro de 2015

    Pra render mais história e a curiosidade aumentar, quando estiverem passando por essa obra, questione os trabalhadores sobre alguns materiais que foram encontrados nesse túnel. Ai ai ai.

  • giovani diz: 11 de janeiro de 2015
  • Janaina diz: 11 de janeiro de 2015

    Se fosse cogitado que nesse tunel era deposito de sacos de moedas de ouro e prata, com certeza cavariam Blumenau inteiro.
    Mas pensando bem, será que não era para isso nesmo?

  • Valdevino pereira diz: 11 de janeiro de 2015

    sou sexagenário e escuto histórias desses tuneis desde o tempo de colegio primario, só tem uma resposta para que a prefeitura não quer estudar estes fatos, é que ela vai mostrar toda sugeira de Blumenau nos tempos idos, e que vai manchar o nome da Loira Blumenau, esta passagem do hospital St Isabel até a Igreja matriz ja ouço a muito tempo.

  • nilma diz: 11 de janeiro de 2015

    se for algo histórico , e parecem ser túneis que pode perfeitamente alguém passar por ali, mesmo que espremido. E Hitler era magro e altura mediana. Eis aí mais uma opção de turismo. quem sabe deixar que os túneis sejam transitáveis em pequenos trechos, limitados a visitação apenas com guias. Dá um certo ar de mistério .

  • Adriano Kupas diz: 11 de janeiro de 2015

    Bem moro perto do trevo da mafisa e lembro quando construirão q acharão uma galeria fluvial q tb ñ constava nos registros!
    http://diariocatarinense.clicrbs.com.br/sc/noticia/2008/10/obras-do-trevo-da-mafisa-ameacadas-em-blumenau-2269516.html
    Enfim a historia sobre uma das entradas no teatro Carlos Gomes seria nas proximidade do palco principal foi até um comentário com minha antiga professora de Historia na escola q até deixou todos os alunos inclusive eu entretidos nas 2 aulas delas.
    Trabalhei com empresa de som e toda vez q fazíamos eventos lá eu sempre andei e ñ achei nada depois descobri e tinha sido reformado ai pensei q tamparão a entrada!
    Mesmo se for um túnel fluvial ou outra coisa em algum ponto em que esse ´TÚNEL´´ passe ñ poderia oferecer riscos? Falarão q o túnel ñ oferece ali perigo algum! Mais no restante dele ñ olharão e como fica???

  • Jones Pierre Zimmermamn diz: 11 de janeiro de 2015

    O grande legado desta cidade…é sua origem pura européia….grandes familias aqui fizeram sua historia…..por lama em nossa cultura nada aceitável.
    Temos nosso valor e nossa historia merece respeito.

  • leandro neri de souza diz: 11 de janeiro de 2015

    O problema é que nossos governates ,preferem esconder nossa historia . Todos ja ouviram pelo menos uma vez na vida a historia do nazismo em nossa cidade .chegou a hora de espor nossa feridas doa a quem doer ;merecemos saber a verdade ,nossa raizes não são só cerveja e musica alemã.temos o direito de saber tudo que aconteçeu , naõ sejamos hipocritas devemos conhecer nossas raizes a fundo!

  • soldado diz: 11 de janeiro de 2015

    Nao se espantem ,daqui a pouco aparecem os pilantras comunistas da comissão da verdade e vão deduzir : este tunel foi usado para tortura e dar sumiço nos corpos de companheiros revolucionarios. OPA.. tem uma saida la no 23 * BI.

  • Rodrigo M. diz: 11 de janeiro de 2015

    É a história da nossa cidade e merece ser muito bem estudada. Se está obra continuar e este achado for ignorado será um absurdo.
    E mesmo que seja um túnel para escoamento de água a prefeitura deveria ter no mínimo mapeada esta rede de galerias e quem sabe até mesmo usufruir das mesmas. E digo outra, não sei se esses túneis entre os colégios possuem ligação, mas estudei no Pedro II e posso afirmar que de fato há um túnel no Ginástico que está lacrado e que deveria ser aberto para verificar o que há lá também.

  • Miguel José Teixeira diz: 11 de janeiro de 2015

    Meu Nobre Neneco,

    Vai ver que é por aí que a loura peladinha, peladinha, que desfila na XV nas madrugadas, escafede-se. . .

  • Osni Valfredo Wagner diz: 12 de janeiro de 2015

    A cidade de fato tem muitas meias verdades de sua história, é muito provável que essa tubulação de 1,5 mt de altura e 50 cm de largura seja mesmo fluvial. Uma pessoa teria dificuldade de caminhar em tão pouco espaço, o fato de não se ter registros é porque deve é uma construção antiga. Quando se diz que a rua XV surge por que uma vaga se perdeu e abriu um trilha e causa estranheza e certamente nesta mesma roça se abriu estradas e essas estradas de uma ainda vila rural por assim dizer nos anos por volta de 1907 a estrada de ferro impulsiona a cidade e onde hoje é a prefeitura era a estação de trem. Penso que analisar melhor a chega de 17 homens é algo que me causa estranheza, já existia seres humanos por essas terras e eram caçados como “bugres” e a estrada de ferro assim como em 1844 tinha mão de obra negra.

  • RAGE diz: 12 de janeiro de 2015

    Não cavem nada não, enterrem tudo, pois do jeto que as coisas eram e ainda são por aqui, é capaz de achar uma suastica aí, ou o proprio cadaver do bigodinho hahaha.. vale nazista!

  • Antônimo Sinônimo diz: 12 de janeiro de 2015

    Eu sou um dos curiosos, por favor investiguem.

  • Isabel diz: 12 de janeiro de 2015

    Vejo uma luz no túnel: será estudado. Desde que o estudo seja planejado e sua aplicação não seja superfaturada, que entre oficialmente para a história de Blumenau. Galeria para escoamento de águas com 1,5 m de altura naquele nível acima do rio!? E quem garante que seus construtores não construíram o túnel para o deslocamento de pessoas ou esconder algo valioso? E se levar a algum tesouro ou…ossos? Façamos um teste: com o túnel reaberto, vamos passar por lá andando rápido, agachados e alternando o movimento das mãos apoiando-as nas paredes para impulsionar o andar. O povo da época era mais magro que o povo de hoje, passariam até por um túnel de dimensões menores. E se foi usado ¨tecnologia¨ alemã (da Alemanha), talvez, no fim do túnel, ao invés de luz, tenha um carrinho de rolimã usado na época para fazer o percurso mais rápido e sem bater a cabeça no teto (hehe).

  • Rômulo Andre Macieski diz: 12 de janeiro de 2015

    Tem uma entrada nos fundos de um dos palcos do Carlos Gomes, que foi fechada em uma das reformas. E tem outra no Pedro II, no prédio onde fica fanfarra do colégio. Eu vi essa entrada no final dos anos noventa. Estava fechada com tábuas e sacos de areia. Fica embaixo da escada que leva ao segundo andar da construção. Entramos depois de muito esforço junto liderando a expedição um professor de História do Pedro II, eu e mais sete alunos, entramos escondidos e tivemos muita dificuldade para chegar até o Carlos Gomes pois avia tres lugares que estava desabado, durante a caminhada podemos observar varias palavras em alemão escritas no túnel segundo meu professor na época o túnel foi feito para receber alemães foragidos da guerra e exigiam um plano de fulga por isso o túnel…esse professor tinha muita documentação que falava sobre isso ele estava fazendo um estudo sobre isso.

  • Sidartha diz: 12 de janeiro de 2015

    que lixo, ninguem se deu ao trabalho de investgar mais afundo!!! LIXO DE GOVERNO!

  • Anderson diz: 12 de janeiro de 2015

    Infelizmente quem mais entende de túnel em Blumenau são presidiários. Não é possível que não tenha surgido o mínimo de curiosidade da pessoa que analisou as fotos.

    Imagina isso no Egito.-Olha, uma tumba, mas não atrapalha a obra, continuem.

  • Erika Stark diz: 13 de janeiro de 2015

    Não ouvi comentário sobre a descoberta no Castelinho que hoje funcionam uma das lojas HAVAM… Está lá …nos porões lembro que comentaram em descoberta de túneis, não foi destruído , eu cheguei a ver enquanto estavam reformando aquela obra , antes de terminar a reforma totalmente era permitido para visitantes tinha várias pessoas la olhando durante a reforma logo após quando o prédio foi vendido num leilão, lembram ? E pelo que se conta na história o Castelinho não tinha nada a ver com religiosidade porém os túneis tem ligação com o Prédio , deve haver alguma explicação para o fato talvez uma necessidade que deveria sim ser estudada a fundo , pois alguma razão tem que ter !Seja lá o que for … OS TÚNEIS EXISTEM resta descobrir para quê serviam ?

  • mario diz: 13 de janeiro de 2015

    Na decada de 70 quando eu estudava no Pedro II, no porao do colegio antigo la no morro , na parte de baixo onde ensaiava a banda, comeca este tunel que leva ao teatro, costumava-se andar dentro, falava-se que foi feito para a visita de hitler, era um tunel de fuga.

  • Ricardo diz: 13 de janeiro de 2015

    Interessante repassar as informações que o Rômulo tem para o pessoal do arquivo histórico da cidade!!

  • Aline Koth diz: 13 de janeiro de 2015

    Deveriam investigar. Se não for nada a acrescentar tudo bem, mas terá uma resposta concreta. Caso for um fato Histórico, pensem, quantas pessoas viriam até Blumenau para visitar. Seria ótimo para o currículo escolar também. Muito interessante.

  • Márcio diz: 13 de janeiro de 2015

    Pessoal eh só acionar o iphan de Florianópolis que eles embargan a obra rapidinho

  • Mirabel Krause diz: 13 de janeiro de 2015

    Certamente com as dimensões encontradas (1,5 x 0,50 mts) não era para escoamento de água pluvial. As medidas são adequadas para passagem de pessoas, e um levantamento arqueológico deve ser feito.

  • Alfredo Seubert diz: 13 de janeiro de 2015

    Pois, tem muito comentário a favor de pesquisas, mas tem muitas brincadeirinhas sem juízo e como se nada possa haver conosco. Seria lógico e muito oportuno a opinião séria de profissionais: historiadores, arqueólogos, e equipamentos que possam entrar por este túnel com filmagens para serem analisadas por pessoas que possam dar uma avaliação mais concisa se vale a pena gastar tempo e dinheiro com isso.Pois como alguns comentaram Historicamente seria muito Rico e pode render a Nossa cidade muitas coisas, mas precisamos saber se vale a pena aprofundar as pesquisas. Com certeza precisamos de Autoridades com visão e com coragem, pois pode não render muito voto, mas coragem para não deixar passar relíquias como esta.

  • Ricardo diz: 13 de janeiro de 2015

    Depois de todas as prosas a favor e contra, os que conhecem e os que desconhecem, já estamos no limiar de um mistério: ” – QUAL É O SEGREDO DOS TÚNEIS DE BLUMENAU”

    QUAIS SEGREDOS OS TÚNEIS DE BLUMENAU ESCONDEM??? Um bom tema para o chamariz da curiosidade dos que nos visitam…e um tempero para aguçar

  • Denise de Souza diz: 14 de janeiro de 2015

    Segundo meu Pai, nascido e residente em Blumenau, 85 anos, este canal foi feito para levar água do morro atrás do Neumarkt.
    Caso tenham interesse, ele é uma enciclopédia viva sobre a cidade de Blumenau.

  • Ricardo diz: 14 de janeiro de 2015

    Denise, os antigos habitantes são verdadeiros arquivos de “História-viva” da cidade. O poder publico deveria destinar menos verbas ao câmara de vereadores e mais para recuperação da historia da cidade. A Prefeitura pegou fogo em 1952 e grande parte da historia da cidade sumiu, em que pese todo o esforço da Arquivo histórico do município, ele carecem de recurso, sempre escasso para a importância que é recuperar/manter a história do municipio

  • Isabel diz: 11 de fevereiro de 2015

    Tenho ouvindo vários comentários de pessoas que querem o Décio Lima de volta. Dizem que o Décio construiu a Ponte do Tamarindo, os terminais de ônibus e deu andamento a várias outras obras, enquanto nos últimos anos o balanço é uma ponte mal terminada e um túnel misterioso. A Terra gira e Blumenau roda…

Envie seu Comentário