Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Focos de Aedes aegypti aumentam, mas doenças estão controladas em Blumenau

21 de abril de 2017 0
Foto: Rafaela Martins, BD,   12/2/2015

Foto: Rafaela Martins, BD, 12/2/2015

O número de focos do mosquito Aedes aegypti em Blumenau aumentou 36% de um ano para cá. Na mesma época em 2016 eram 36 focos na cidade e hoje são 49. Apesar do número maior, a situação das doenças transmitidas pelo inseto (dengue, zika e chikungunya) está totalmente controlada em Blumenau, sem casos registrados no último ano.

Segundo a gerente de combate à dengue da Secretaria de Promoção da Saúde, Eliandra Casani, 90% dos focos da cidade estão em transportadoras ou perto delas. Os caminhões que vêm de todas as partes do país e do Estado acabam trazendo o mosquito para cá.

A prevenção é o melhor remédio e nisso, pelo visto, somos craques. A secretaria tem 1.553 armadilhas espalhadas nos bairros de Blumenau que são monitoradas semanalmente. Além disso, 332 pontos estratégicos têm acompanhamento quinzenal. Isso sem falar nas palestras em escolas e empresas e na distribuição de panfletos.

Ainda assim, nunca é demais reforçar o pedido para evitar água parada em casa. Mesmo aquela de chuva que se deposita em uma tampinha de garrafa pode atrair o mosquito.

Combate difícil

Balneário Camboriú, Brusque, Camboriú, Itajaí, Itapema e Navegantes são os municípios do Vale do Itajaí que estão infestados pelo mosquito Aedes aegypti, segundo a Secretaria de Estado da Saúde. Em toda Santa Catarina, 55 das 293 cidades estão nessa listagem. Com 49 focos, Blumenau não é considerada infestada.

Neste ano foram identificados 4.518 focos em 116 municípios. São 300 focos a mais que no ano passado. Já o número de municípios com focos caiu. No mesmo período de 2016 eram 124.

Comente abaixo

comentários

Bombeiro vai fiscalizar Stammtisch nesta sexta

20 de abril de 2017 0
Foto: Patrick Rodrigues, BD, 23/4/2016

Foto: Patrick Rodrigues, BD, 23/4/2016

Pela primeira vez em 26 edições o Stammtisch de Blumenau, agendado para amanhã na Rua XV de Novembro, tem uma série de exigências feitas pelo Corpo de Bombeiros e que devem ser atendidas pelos 270 grupos que ocuparão a mais importante via da cidade. Todas as barracas com toldo deverão ter pelo menos um extintor de incêndio. As tendas com 25 metros quadrados ou mais devem usar tecido com tratamento anti-fogo e o grupo responsável deve providenciar uma Anotação de Responsabilidade Técnica (ART) assinada por um engenheiro.

De acordo com o organizador do evento, Develon da Rocha, um bombeiro deve passar pelo local no início da manhã de sexta-feira para fazer a vistoria. Mais segurança para as cerca de 25 mil pessoas que devem participar desta edição.

Stammtisch mais tranquilo

Dos 270 grupos, 17 participam do evento pela primeira vez. O controle na admissão de novas confrarias existe e só neste ano resultou na exclusão e recusa de 12 inscrições. Um deles, por exemplo, declarou ter 200 integrantes, o que certamente colocaria em risco o clima ordeiro que tanto se deseja em um evento como esse. Outros grupos foram flagrados vendendo entrada por meio de abadás, camisetas ou pulseirinhas, o que é proibido pela organização.

Trânsito interrompido

Aos desavisados, vale lembrar que o trânsito na Rua XV de Novembro será interrompido a partir das 21h de hoje para a montagem da festa. A via só será reaberta ao trânsito de veículos a partir das 20h.

Comente abaixo

comentários

Sem licitação, não há acesso ao mirante do Frohsinn

19 de abril de 2017 0
Foto: Lucas Correia

Foto: Lucas Correia

Demora, mais um dia sai. O edital para concessão do imóvel do restaurante Frohsinn, no Morro do Aipim, deve ser lançado, “obrigatoriamente”, até maio, garante o secretário de Turismo, Ricardo Stodieck. Enquanto isso, uma das mais belas vistas do Centro da cidade está fora do alcance dos turistas e moradores. Avançar na entrada do terreno só com autorização da prefeitura. Além de evitar visitas indesejadas, o objetivo da restrição é garantir a segurança das pessoas, já que, por enquanto, não há estrutura para lazer no local.

Comente abaixo

comentários

Happy abre loja exclusiva da marca em Blumenau

19 de abril de 2017 0
Foto: divulgação

Foto: divulgação

A novidade está aberta desde a semana passada, mas o coquetel de inauguração será na noite desta quarta-feira, no Shopping Park Europeu. Trata-se da primeira loja exclusiva da Happy, fabricante blumenauense de camisas que neste ano completa cinco anos e atividade.

De acordo com o diretor da marca, Aloizio Souza, a loja própria é a primeira de uma série que devem ser abertas nos próximos anos. Com ela, a empresa espera atrair investidores em outras cidades para firmar parceiras. O objetivo é abrir 10 lojas nos próximos dois anos.

Até então a Happy trabalhava com 20 representantes que vendem para lojistas multimarcas de todo o Brasil. Esses clientes são potenciais parceiros para as lojas exclusivas da marca.

Comente abaixo

comentários

Napoleão se defende de acusações, mas nada prova

19 de abril de 2017 1

z_napo

O primeiro escalão em peso foi convocado para dar apoio ao prefeito Napoleão Bernardes (PSDB) na apresentação que ele fez ontem sobre os detalhes da relação da prefeitura de Blumenau com a Odebrecht Ambiental, antes Foz do Brasil. O objetivo era provar que não há motivos para a Odebrecht ter doado os R$ 500 mil, em caixa 2, para a primeira campanha dele a prefeito, em 2012, como disse um ex-executivo da empresa em delação premiada na Operação Lava-Jato.

Napoleão se apegou a alguns aspectos que pouco ajudam a tese dele. O primeiro diz respeito à eleição propriamente dita. Segundo o delator, as doações em caixa 2 foram feitas a potenciais vencedores. Como Napoleão não aparecia entre os possíveis candidatos para o segundo turno, estaria fora da lista, de acordo com o prefeito. Ora, a eleição tinha apenas quatro candidatos e a Odebrecht afirma ter repassado dinheiro ilegalmente a três deles, que eram os representantes dos maiores partidos do pleito (PSD, PSDB e PT) – R$ 500 mil para cada.

Outro aspecto diz respeito ao que Napoleão chama de postura de enfrentamento da gestão dele em relação à Odebrecht. Ao assumir, o prefeito questionou pedido de reequilíbrio financeiro feito pela empresa que tiraria mais de R$ 200 milhões dos cofres da prefeitura. Provou que não era tanto assim e em vez de pagar a diferença, aumentou o prazo de concessão em 10 anos, elevou a tarifa do esgoto e concedeu outras medidas compensatórias. Ou seja, a prefeitura pode não ter tirado dinheiro do bolso, mas a Odebrecht certamente não ficou no prejuízo. Não dá, portanto, para dizer que o acerto foi péssimo para a empresa, como afirma o prefeito.

Depois da apresentação o prefeito gravou entrevista com alguns jornalistas. Disse que não sabe por que o ex-executivo contou essa história e que é o primeiro a defender a investigação.

É certo que a delação precisa ser comprovada, o que ainda não ocorreu apesar das evidências. Mas também é certo dizer que os fatos resgatados pelo prefeito não são suficientes para derrubar a acusação. A pergunta que ainda não foi respondida é: por que mentiriam os delatores da Odebrecht na Lava-Jato? Investiguem, pois.

Comente abaixo

comentários

Napoleão não sabe por que delator mentiria e afirma confiar em quem controlava o caixa da campanha

18 de abril de 2017 0

napo

O prefeito de Blumenau, Napoleão Bernardes (PSDB), fez na tarde desta terça-feira uma apresentação para a equipe de governo e imprensa com informações sobre o contrato da prefeitura com a Odebrecht Ambiental. O objetivo era deixar claro que não havia motivos, na visão dele, para a empresa doar R$ 500 mil em caixa 2 à campanha dele em 2012. A denúncia partiu da delação premiada de um dos ex-executivos da Odebrecht na Operação Lava-Jato e será investigada.

Depois da apresentação, em que absolutamente nada ficou provado (falarei sobre isso em uma nova postagem mais adiante), e da insistência de alguns jornalistas, Napoleão respondeu a algumas perguntas. Em resumo, disse que não recebeu dinheiro em caixa 2 da Odebrecht, que não controlava o caixa da campanha e que confia nas pessoas do partido que faziam o controle. O prefeito também disse que não sabe porque o executivo mentiria na delação e reafirmou que está 100% tranquilo em relação à denúncia.

Assista abaixo a entrevista completa

Comente abaixo

comentários

Brutus e companheiros precisam de um novo canil

18 de abril de 2017 0

 

Foto: Lucas Correia

Foto: Lucas Correia

São quatro os cães que fazem parte do canil do 10º Batalhão de Polícia Militar em Blumenau. Dois dormem na sede da corporação no bairro Vila Nova, mas como vocês podem perceber na foto, o local onde esses valentes “soldados“ descansam poderia ser maior e melhor. Os outros dois dormem nas casas de soldados que, espontaneamente, se colocaram à disposição para ajudar.

O comandante do batalhão, tenente-coronel Jefferson Schmidt, diz que aguarda verba para providenciar um canil melhor para os animais. O ideal, segundo ele, seria feito com o reaproveitamento de um contêiner. Assim, a estrutura poderia ser levada para onde fosse necessário.

z_cao_santa

Enquanto o dinheiro não vem, ele está disposto a selar uma parceria com a comunidade para melhorar a atual estrutura. Se uma empresa, por exemplo, estiver disposta a dar um upgrade no canil, a conversa é bem-vinda.

Schmidt espera que a visibilidade que o cão Brutus deu à corporação no final do mês passado agilize a vinda de recursos do governo do Estado. O animal foi o protagonista de um vídeo postado na página do batalhão no Facebook. Na ação, ele encontra dois assaltantes, um deles escondido debaixo d’água.

Desde o dia 27 de março o vídeo já foi visto mais de 1,4 milhão de vezes. A postagem gerou 16 mil reações, 33,6 mil compartilhamentos e 3,4 mil comentários. Foi notícia em diversos países como Estados Unidos, Inglaterra, França e Turquia.

O comandante diz que as pessoas paravam para tirar fotos com o cão-herói, mas o que mais enche a corporação de orgulho é o fato de ele ter sido treinado no nosso batalhão.

Confira abaixo o vídeo em que Brutus encontra dois suspeitos

Comente abaixo

comentários

Alerta para falta de água nesta segunda-feira em Blumenau

16 de abril de 2017 0

Se você mora ou trabalha nos bairros Passo Manso, Salto, Salto do Norte, Itoupava Central, Salto Weissbach, Testo Salto, Tribess, Fortaleza, Velha, Velha Central, Velha Grande, Vila Nova e parcialmente os bairros Boa Vista, Centro e Victor Konder é prudente economizar água nesta segunda-feira.

A Celesc fará durante todo o dia uma manutenção na Usina do Salto que vai afetar diretamente a captação de água pela Estação de Tratamento da Rua Bahia.

Comente abaixo

comentários

Rodovias começam a passar por operação tapa-buracos

16 de abril de 2017 1
Foto: Gilmar de Souza, BD, 16/03/2016

Foto: Gilmar de Souza, BD, 16/03/2016

As rodovias estaduais SC-108, na região da Vila Itoupava, e a SC-416, em Pomerode, são as primeiras da região que recebem a partir desta segunda-feira uma operação para tapar buracos e roçar os acostamentos. O trabalho se estenderá depois para outras rodovias na área de abrangência da Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) de Blumenau que engloba também Gaspar, Ilhota e Luiz Alves.

O mais curioso é que no comunicado enviado, a agência do governo estadual pede desculpas pelas condições das rodovias e diz que os serviços nunca foram esquecidos. Desculparemos?

Comente abaixo

comentários

Bolsonaro fará palestra em Blumenau em maio

16 de abril de 2017 5
Foto: André Ávila, Agência RBS

Foto: André Ávila, Agência RBS

O polêmico deputado federal e pré-candidato à presidente da República Jair Bolsonaro (PSC-RJ) estará em Blumenau no dia 19 de maio. Fará uma palestra ao lado do filho e deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSC-SP) e do deputado federal Rogério Peninha Mendonça (PMDB-SC), que organiza a passagem do presidenciável por quatro cidades catarinenses.

Além de Blumenau, Bolsonaro estará em Jaraguá do Sul, Florianópolis e Joinville.

Em Blumenau, o evento aberto ao público será no Eisenbahn Biergarten (Parque Vila Germânica), às 15h.

Comente abaixo

comentários