Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Passarela deve ficar pronta até 15 de novembro

21 de outubro de 2014 1

w_passarela_p
Foto: Gilmar de Souza

Deve ser concluída até o dia 15 de novembro a instalação da passarela sobre a Via Expressa, em frente ao Shopping Park Europeu. Depois de instalada a principal estrutura no domingo, serão colocadas as lajes do passeio, mas para isso não será necessário parar o trânsito no local.

O investimento de cerca de R$ 1 milhão é do shopping e está previsto no Estudo de Impacto de Vizinhança (EIV) da obra. Dois pontos de ônibus serão instalados no mesmo local.

Segundo o secretário municipal de Planejamento Urbano, Alexandre Gevaerd, além dos usuários do shopping e moradores da região, alunos da Escola Adelaide Starke serão beneficiados com a obra.

Vítima da obra parada na margem esquerda

21 de outubro de 2014 10

w_zas_p
Foto: Jandyr Nascimento

Não deu mais para a Zás Color. Depois de ter parte do estacionamento interditado devido ao deslizamento da margem esquerda do Rio Itajaí-Açu, a loja teve, agora, todas as vagas interditadas pela Defesa Civil. O motivo é o mesmo: preservar a segurança de quem frequenta o local.

Com isso, a loja não teve escolha. Deixou o imóvel para ocupar outro na Rua Capitão Euclides de Castro, em frente ao Brueckheimer. Também não tem estacionamento, mas está no Centro da cidade.

Segundo a Defesa Civil, o pátio da casa restaurada só será liberado se obras de contenção forem feitas. Como se não esperassem há meses, comerciantes e moradores da Rua Uruguai, pelo reinício da obra de enrocamento da margem, parada há meses por falta de documentação da empresa responsável.

Litoral aposta nas trilhas para atrair turistas

20 de outubro de 2014 1

w_trilhas_p
Foto: Divulgação

Itapema, Porto Belo e Bombinhas vão lançar no dia 31 um circuito de trilhas para incentivar o turismo ecológico e de aventura na região.

Com ajuda do Sebrae, pequenos empreendimentos das três cidades identificaram 20 trilhas com potencial para atrair turistas que rodam o mundo atrás de locais propícios à prática do trekking. O maior apelo da Costa Esmeralda é a beleza natural, com algumas das mais belas praias do país.

A primeira atividade já está marcada. Nos dias 22 e 23 de novembro, cerca de 600 pessoas são esperadas para conhecer três dos percursos mapeados pelo grupo.

A do Zé Machado, em Itapema, tem quatro quilômetros; a da Tainha, em Bombinhas, dois quilômetros; e a da Costeira, em Porto Belo, nove. A organização está por conta da Corre Brasil, empresa especializada em corridas e trilhas.

Hering tem nova logomarca depois de sete anos

20 de outubro de 2014 0

w_hering_p
Em azul a nova logomarca da Hering. Em preto, a antiga, que foi usada por sete anos.

A Cia. Hering deu uma modernizada no logotipo da mais tradicional marca da empresa. Depois de sete anos, resolveu tirar a elipse que envolvia os dois peixinhos e mudou o tipo da letra na inscrição “Hering”.

Também fez mudanças quase imperceptíveis nos dois peixinhos, principal elemento da composição que representa os dois irmãos fundadores, Bruno e Hermann.

A nova logomarca já foi usada na primeira loja da marca Hering for you , inaugurada no início do mês em São Paulo.

Veja abaixo algumas das logomarcas já usadas pela Cia.Hering ao longo de mais de 130 anos.

hering velha

Cartazes da Pomerana enaltecem tradição

20 de outubro de 2014 0

w_cartaz_p

Por falar em Festa Pomerana, já estão prontos os cartazes de divulgação da festa. O material foi desenvolvido pela agência Penso, de Blumenau, e pela primeira vez tem três versões que valorizam a música, o chope e a comida servida no evento, tudo tipicamente germânico. Todas as imagens formam um coração.

A festa será de 16 a 25 de janeiro de 2015.

Schornstein é o chope oficial da Festa Pomerana

20 de outubro de 2014 0

W_chope diego redel 26062010_P
Foto: Diego Redel, Divulgação

Boas notícias na Festa Pomerana. Pela primeira vez o tradicional evento da cidade mais alemã do Brasil – meses mais antigo que a Oktoberfest – terá a Schornstein como fornecedora do chope oficial.

A fábrica de Pomerode deve recorrer à filial de Holambra (SP) para dar conta do recado. Na unidade paulista, a capacidade de produção será ampliada em 40% até novembro. A ideia é atender a demanda de verão e a Festa Pomerana, que ocorre em janeiro.

Os produtos da cervejaria pomerodense já estão à venda em 18 estados e no Distrito Federal por meio de 30 distribuidores.

Nova cerveja

A Schornstein deve lançar em breve uma nova cerveja. Foi desenvolvida em parceira com uma cervejaria italiana durante o Festival Brasileiro da Cerveja deste ano e tem características especiais.

O líquido descansa em barris de carvalho americano que já armazenaram o uísque Jack Daniel’s. Segundo o diretor Maurício Zipf, semanalmente é feita uma degustação para verificar se a bebida está no ponto ou não.

Novo restaurante mexicano em Blumenau

17 de outubro de 2014 11

w_mex_p
Foto: Gilmar de Souza

O muro pintado com um belo grafite multicolorido na Avenida Martin Luther é o sinal de que Blumenau vai ganhar mais um empreendimento gastronômico. No local onde antes estava a Cachaçaria Água Doce será inaugurado no próximo mês o Rosa Mexicano. Investimento de Marco Merini, do quase vizinho Mortadella.

O empresário promete surpresas no cardápio, especialmente para os que esperam apenas os conhecidos nachos, burritos e quesadillas. Vai mesclar o tradicional com outra parte da gastronomia mexicana pouco explorada por aqui, com carnes nobres e peixes grelhados.

Eisenbahn será o chope oficial da Oktoberfest

16 de outubro de 2014 15

w_eisenbahn_pUm dia depois de conquistar, em licitação, o posto de cervejaria oficial da Oktoberfest pelos próximos seis anos, a Brasil Kirin anunciou a Eisenbahn como marca oficial da festa. A decisão foi confirmada por meio da assessoria de imprensa.

A escolha da marca blumenauense contraria expectativa do mercado, que apostava na Schin, produto com maior capacidade de produção e de maior apelo popular.

Segundo o presidente do Parque Vila Germânica, Ricardo Stodieck, quem define a estratégia de divulgação das marcas e de venda de bebidas é a Brasil Kirin. Há regras a serem respeitadas. A empresa deve, por exemplo, oferecer chope sem álcool nos pontos de venda e 20% do volume total oferecido deve seguir a lei de pureza alemã.

O fato de a Brasil Kirin dar à Eisenbahn o título de chope oficial da Oktoberfest não a impede de oferecer em maior quantidade e menor preço outro chope mais popular, como o Schin ou Devassa.

Foto: Divulgação

Brasil Kirin ainda vai definir as marcas da Oktober

16 de outubro de 2014 7

w_kirin_p

Reviravolta no cenário das próximas edições da Oktoberfest. Quando todos imaginavam que a Ambev venceria uma vez mais a licitação para escolher a cervejaria oficial da festa pelos próximos seis anos, eis que a gigante cervejeira decidiu retirar o time de campo e, aparentemente, entregar de bandeja a festa para a Brasil Kirin.

Sim, a fabricante da cerveja Schin, que também controla outras marcas como Eisenbahn, Baden Baden e Devassa, será a cervejaria oficial da Oktoberfest de Blumenau de 2015 a 2020 e da Sommerfest de 2016 a 2021. Pelo direito de vender as bebidas na festa, a empresa vai pagar R$ 1,5 milhão por ano, 36% mais que os R$ 1,1 milhão estipulados pelo Parque Vila Germânica.

A Brasil Kirin também será a responsável pela decoração da festa no período e terá que erguer, até setembro do ano que vem, o Setor 4, novo espaço de do Parque Vila Germânica que será construído onde hoje é montado o Biergarten, ao lado do Setor 1. A empresa poderá batizar por seis anos o espaço com o nome de um das marcas que controla e vai explorar por 10 anos um restaurante no novo setor, onde também terá a exclusividade na venda de bebidas em eventos que lá ocorrerem, menos o Festival Brasileiro da Cerveja.

Marcas indefinidas

Os representantes da Brasil Kirin que participaram da licitação não deram detalhes de como a empresa vai explorar a festa. O gerente regional de eventos, Marcelo Hidalgo Gonçalez, disse apenas que a empresa ainda vai definir, por exemplo, qual será a marca do chope oficial da festa e qual das marcas será usada para batizar o Setor 4.

Ouvindo especialistas da área, a maior parte aposta na marca Schin para chope da festa, por ser um produto de entrada e com maior capacidade de produção. Há quem aposte na Devassa. Para batizar o Setor 4, a Eisenbahn, por motivos óbvios, seria a mais indicada.

Brahma explica

Ontem, no fim da tarde, a Ambev emitiu uma nota oficial explicando a ausência dela na licitação deste ano. Leia a seguir:

“A companhia tem orgulho em ter apoiado há mais de três décadas a Oktoberfest em Blumenau. Ao longo desta parceria contribuímos com o desenvolvimento e expansão da festa, e sabemos do legado deixado para o público blumenauense. Este ano, inclusive, trouxemos para o público nove diferentes tipos de líquido e o resultado tem sido muito positivo. Vamos continuar promovendo a Oktoberfest no Brasil com o patrocínio de outras festas, como a Oktoberfest de Igrejinha. Infelizmente não estaremos dentro da Oktoberfest Blumenau, a partir de 2015, mas certamente o nosso trabalho para a valorização das tradições alemãs continua”.

Por que a Ambev abriu mão da Oktoberfest?

15 de outubro de 2014 15

w_ambev_p

Ainda não há manifestação oficial da Ambev, mas tudo indica que a gigante cervejeira não participou da licitação que definiu a cervejaria oficial da Oktoberfest pelos próximos seis anos por achar a conta alta demais.

Fontes ligadas a empresa dizem que o cálculo feito pela empresa chegou a um investimento aproximado de R$ 24 milhões, entre o que seria pago ao Parque Vila Germânica, a construção do Setor 4, a decoração da festa pelo período e outros investimentos de menos valor. Pesando custos e benefícios, teria a Ambev decidido ficar de fora.

Entre os profissionais, tanto os que trabalham diretamente na Ambev como os que prestam serviço para ela, o sentimento é de espanto e perda. Pessoas se envolvem emocionalmente com a causa e, claro, especialmente os de marketing, querem ver a marca vinculada ao maior evento do gênero das Américas.

Havia no corredor do terceiro andar da prefeitura — onde está a sala de licitações — pelo menos dois representantes da Ambev com toda a papelada necessária para participar da licitação. Há um minuto do prazo para a entrega das propostas, uma delas disse ao presidente do Parque Vila Germânica, Ricardo Stodieck, que eles não participariam, sem dar explicações.

Entregaram de mão beijada seis anos de Oktoberfest para a Brasil Kirin, única participante da licitação.

Em breve a Ambev deve publicar um comunicado explicando a escolha de se afastar, pelo menos oficialmente, da Oktoberfest de Blumenau pelos próximos seis anos.