Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Com novo calendário da CBF, Catarinense 2016 deve ter fórmula alterada. FCF trabalha na comercialização do campeonato

27 de agosto de 2015 0

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou terça-feira o calendário do futebol nacional para 2016. Com os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, sobrou para os estaduais. O número de datas diminuiu de 19 para 18, com início em 31 de janeiro e término em 4 de maio. Assim, é praticamente garantido que a forma de disputa do Campeonato Catarinense seja alterada. Até porque pelo que vimos nas arquibancadas do Estadual nos últimos dois anos, a fórmula não empolgou muito o torcedor.

Crédito: Ricardo Wolffenbüttel/Agência RBS

Crédito: Ricardo Wolffenbüttel/Agência RBS

Um dirigente da Federação Catarinense de Futebol (FCF) ouvido pelo blog antecipou que a entidade não descarta aumentar o número de datas, como fez este ano ao ampliar das 19 previstas pela confederação para 21. Ainda não há uma data definida para o congresso técnico que vai abordar o tema, principalmente por causa da indefinição sobre a Copa Sul-Minas, que foi sumariamente limada pela CBF no calendário apresentado.

De olho no Estadual de 2016, a FCF trabalha na comercialização do campeonato. Duas empresas, uma do Rio de Janeiro e outra de São Paulo, têm em mãos propostas para compra dos “naming rights” das três divisões. A intenção da federação é repassar parte do dinheiro do futuro patrocinador aos clubes da Série A e subsidiar as taxas de arbitragem da competição, nas três séries.

Comente e compartilhe

comentários

Envie seu Comentário