clicRBS
Nova busca - outros

Região

31 jan14:57

Restaurante Popular de Tapejara recebe 50 pessoas por dia


Cerca de 50 pessoas são recebidas por dia no Restaurante Popular, um projeto da prefeitura de Tapejara desenvolvido pelo departamento da Assistência Social em parceria com a paróquia nossa Senhora de Lurdes.

O restaurante fica na gruta Nossa Senhora de Lurdes e visa atender trabalhadores de baixa renda e desempregados que residem no município. No local é servido almoço com o custo de R$ 1 por refeição e as cozinheiras recebem mensalmente curso e acompanhamento nutricional sobre a melhor preparação dos pratos.

Com informações da Assessoria de Imprensa de Tapejara

Comente aqui
31 jan11:30

Ibiraiaras investirá em obras nas estradas de acesso ao município

A administração de Ibiraiaras, através da Secretaria de Infraestrutura, dá continuidade às obras de melhorias nos acessos municipais.

No momento, estão sendo realizadas obras na estrada de acesso às Comunidades de São Brás e Nossa Senhora da Saúde, iniciando na ERS-126 até a divisa com o município de Muliterno.

Fazem parte das obras de melhoria, a ampliação, cascalhamento, britagem, colocação de boeiros, abertura de valas e limpeza da estrada.

Comente aqui
30 jan11:25

Ametista do Sul, Iraí, Planalto e Rodeio Bonito têm candidatas ao Garota Verão

As cidades de Ametista do Sul, Iraí, Planalto e Rodeio Bonito já têm suas candidatas ao Garota Verão. A seleção foi realizada na Evolution Eventos, em Ametista do Sul, com a presença de cerca de 600 pessoas.

Conheça as vencedoras:



Rodeio Bonito
Tainara Troian, 15 anos, manequim 38 e 1,75m de altura

Iraí
Laura Dellegravi, 17 anos, manequim 36 e 1,70m de altura

Ametista do Sul
Taís Zeida, 14 anos, manequim 36 e 1,62m de altura

Planalto
Drieli Chies, 15 anos, manequim 38 e 1,72m de altura

Comente aqui
30 jan11:09

Idosos de Serafina Corrêa recebem aulas de hidroginástica gratuitas


Em Serafina Corrêa, há 14.253 habitantes, segundo o IBGE 2010, e destes 1.756 pessoas são idosas, acima dos 60 anos. Os sintomas do envelhecimento aumentam quando há falta de atividade física, pois leva a perdas nos sistema cardiovascular, na força e no equilíbrio. Para melhorar a vida dos idosos serafinenses, a Prefeitura tem desenvolvido projetos voltados à inclusão e qualidade de vida, com aulas de informática, integração, Grupos de Convivência, dança, ginástica e, durante o verão, a hidroginástica.

Surgida na Alemanha, a atividade pretendia ser praticada por idosos, evitando o sedentarismo e promovendo saúde. Os benefícios gerados pela prática da hidroginástica em idosos são muito significativos, pois é uma atividade realizada na água, auxiliando na execução dos exercícios, de menos impacto. É segura, diminuindo o risco de lesões, e os exercícios aeróbicos e localizados auxiliam no alongamento e relaxamento.

A Prefeitura está oferecendo aos oito Grupos de Convivência de Idosos aulas de hidroginástica gratuitas, sendo oferecido também o transporte. As aulas estão sendo realizadas na sede campestre do Clube Gaúcho, interior do município, durante os meses de janeiro e fevereiro.


Cerca de 130 idosos estão tendo a oportunidade de usufruir dos benefícios da hidroginástica, que vão desde músculos mais fortes, menos impacto, menor frequência cardíaca, desintoxicação das vias respiratórias, aumento da agilidade e força, melhoria do equilíbrio e coordenação, até o aumento da autoestima, socialização e reintegração. A alegria e a disposição tomam conta das aulas que acontecem às segundas-feiras. Os idosos cantam, brincam, falam em “talian”, língua co-oficial, dos descendentes italianos, melhorando aspectos físicos e emocionais.

Para Maria Alice Casagrande, 85 anos, moradora da Capela Aparecida, as aulas são ótimas.

- Minha família diz que eu devo aproveitar e eu adoro – destaca ela.

Para os coordenadores do projeto, a hidroginástica quer promover a qualidade de vida dos idosos para que possam viver melhor, retardando os aspectos do envelhecimento, com alegria, integração e saúde.

Com informações da Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Serafina Corrêa

Comente aqui
29 jan18:09

Regularização de imóveis beneficia 125 famílias em Lagoa Vermelha


A Prefeitura de Lagoa Vermelha promoveu a entrega dos certificados de regularidade fundiária para 125 famílias. O ato ocorreu na noite desta sexta-feira (27), junto a escola municipal João Protásio da Luz, no bairro Ernani Dias de Morais.

O governo municipal executou o recadastramento e os projetos de desmembramento de áreas, permitindo que as famílias encaminhassem o pedido de escritura e posterior registro dos imóveis. Todo o processo teve custo zero para as famílias.

Com informações da Assessoria de Imprensa de Lagoa Vermelha

Comente aqui
29 jan11:23

Família de empresário é feita refém durante assalto

Atualizada às 17h30min

Marielise Ferreira | marielise.ferreira@zerohora.com.br

Uma família foi feita refém durante a madrugada deste domingo em Marau. Três homens armados invadiram a residência de um empresário na localidade Colônia Gobbi, interior do município.

Eles anunciaram o assalto e mantiveram o proprietário da casa, a esposa e filhos dele sob revólveres durante uma hora. Depois de recolher joias, dinheiro e armas da casa, no valor aproximado de R$ 25 mil, os homens fugiram.

Ninguém foi ferido. A Polícia Civil abriu inquérito para investigar o caso.

Comente aqui
27 jan11:57

Amora preta terá este ano primeira safra em Lagoa Vermelha


A produção de amora preta já é realidade em Lagoa Vermelha. Neste ano, no mês de dezembro, deverá ser colhida a primeira safra da fruta, cultivada por seis produtores rurais do município, numa área total de 3,25 hectares.

O incentivo ao cultivo da amora preta iniciou em 2011, através de parceria entre a secretaria municipal de Agricultura e Meio Ambiente, Emater e empresa Morangos Rizzotto, de Vacaria. Antes de começar o processo, a Administração Municipal e a Emater, reuniram os agricultores para explicar algumas das vantagens de cultivo do produto. Em seguida, foi realizada visita aos pomares e a setor de produção da empresa. Do total de interessados, sete famílias decidiram investir na nova opção de renda da propriedade rural.

A secretaria Eronita Dalazen explica que a produção de amora faz parte do programa da atual administração, que incentiva a diversificação de produção das propriedades rurais. Entre as vantagens do programa está a assistência técnica permanente, baixo custo de produção, alta lucratividade e contrato que garante a compra de toda produção.

Conforme a secretaria municipal de Agricultura e Meio Ambiente, o cultivo da amora preta em Lagoa Vermelha deve render aproximadamente 20 toneladas por hectare. As primeiras mudas foram plantadas em julho de 2011 e alguns frutos já colhidos no mês de dezembro. Após o desenvolvimento da planta a produção total nas seis propriedades deverá ser de aproximadamente 60 toneladas. O preço médio do quilo pago ao produtor está cotado a R$1,20. O produto será utilizado pela empresa Morangos Rizzotto para produção de polpa in natura.


Com informações da Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Lagoa Vermelha

Comente aqui
27 jan09:38

Homem morre em acidente de trânsito na região

Um homem morreu na noite de quinta-feira, depois de perder o controle da moto que pilotava, em Iraí. O acidente foi na Avenida Flores da Cunha.

Juraci Antoninho Folle, de 60 anos, chegou a ser levado ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos.

Comente aqui
26 jan17:48

Secretaria de Saúde de Ibiraiaras realiza coleta de pneus para reciclagem

A Secretaria de Saúde de Ibiraiaras, através da Vigilância Ambiental, realizou na segunda-feira uma coleta de pneus através do convênio mantido com a RECICLANIP. Material é enviado para Nova Santa Rita (RS), onde é reciclado.

O trabalho é realizado pela agente de campo do município, junto às borracharias da cidade, para que os pneus fiquem acondicionados de tal forma que não ocasionem a proliferação dos mosquitos, em especial, da dengue.

Com informações da Assessoria de Imprensa de Ibiraiaras

Comente aqui
26 jan17:32

Tio Hugo acelera obras de pavimentação no interior


A rodovia Tio Hugo
–Carazinho (BR-386) já está com 1,3 quilômetros de pavimentação. O total da obra, que representa 3,6 quilômetros de calçamento em pedras poliédricas, conta com recursos estaduais, através do Departamento Autônomo de Estradas e Rodagem (DAER), mais contrapartida do município, totalizando R$ 363 mil.

Além de garantir mais segurança e acessibilidade no escoamento da produção agropecuária do município, a obra dará acesso a imóveis público e empresas situadas naquele trecho de pavimentação, bem como a entrada ao distrito industrial situado ao lado da rodovia.

Comente aqui