Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Paul McCartney passa som no Beira-Rio

07 de novembro de 2010 5

Sir Paul McCartney já está no Beira-Rio. O astro chegou ao local do show desta noite por volta das 16h15min. Logo após a chegada, o ex-beatle foi realizar uma passagem de som com a banda.

Durante o trajeto para o Beira-Rio, ele pediu ao motorista para reduzir a velocidade para abrir o vidro do carro e cumprimentar um ciclista que o acompanhava ao lado.

Veja o vídeo do ex-beatle saindo do hotel em direção ao Beira-Rio:

Confira a cobertura em tempo real:

Paul McCartney deixa o hotel em direção ao Beira-Rio

07 de novembro de 2010 1

O astro Paul McCartney deixou o hotel Sheraton às 15h56min e embarcou em uma camionete Toyota preta com placas de Novo Hamburgo em direção ao estádio Beria-Rio, para o qual sua banda já havia se dirigido cerca de 1h antes.

Pouco antes de entrar no carro, escoltado por motos e viaturas da Brigada Militar, Paul fez uma breve parada à frente das portas do veículo e acenou para a multidão que o esperava à frente do hotel.

Durante o trajeto para o Beira-Rio, ele pediu ao motorista para reduzir a velocidade para abrir o vidro do carro e cumprimentar um ciclista que o acompanhava ao lado.

Acompanhe a movimentação em frente ao Sheraton neste domingo

07 de novembro de 2010 13

Os fãs de Paul McCartney não resistiram à maratona de aguardar por uma aparição do ídolo durante a madrugada. Apenas duas meninas compareceram nesta manhã de domingo antes das 9h em frente ao hotel onde o músico está hospedado. Em seguida, mais fãs começaram a surgir, como casais vindos de outros Estados para o show. Pouco antes das 15h, a banda de Paul saiu do hotel com destino ao Beira-Rio para nova passagem de som.

Pouco depois, batedores da Brigada Militar chegaram ao Sheraton, no que poderia indicar uma nova saída de Paul do hotel.

Voltaremos com o link da transmissão ao vivo assim que possível.


Quatro décadas depois do fim, os Beatles continuam gerando notícias

07 de novembro de 2010 1

Mesmo 40 anos depois do fim dos Beatles, o fenômeno da beatlemania continua. Como explicar que a coletânea 1, lançada em 2000, tenha sido, ao final de 2009, o disco mais vendido da década nos EUA, com 11,5 milhões de cópias?

No princípio, era a histeria. Hoje, é a obsessão: é impossível ter tudo, mas vá convencer um beatlemaníaco disso.
Uma rápida pesquisa por “Beatles” na loja virtual Amazon. com indica mais de 31 mil itens (entre eles, 5
mil discos e 4,5 mil livros).

E assim a banda se reinventa – ou é reinventada. Depois de estimados 600 milhões de álbuns vendidos na história, os rapazes chegaram também ao videogame. O jogo The Beatles – Rock Band, lançado em 2009, superou em quatro meses a marca do primeiro milhão de unidades vendidas. Para marcar o lançamento, a empresa Harmonix, responsável pelo jogo, criou controles que imitam os modelos de instrumentos usados por eles, como o baixo Hofner (de Paul McCartney), as guitarras Rickenbacker (John Lennon) e Gretsch (George Harrison) e a bateria Ludwig (Ringo Starr). Além da seleção de 45 músicas, estão disponíveis extensões com os repertórios dos álbuns Rubber Soul (1965), Sgt. Pepper’s Lonely Hearts Club Band (1967) e Abbey Road (1969).

O game acompanhou o lançamento do catálogo completo dos álbuns remasterizados, o maior projeto de recuperação do som original das gravações desde 1987. Ao contrário da primeira versão em CD, criticada pela suposta perda de riqueza com relação aos LPs, o trabalho foi um esforço meticuloso de técnicos do lendário estúdio
londrino Abbey Road. Resultado: 5 milhões de unidades vendidas (200 mil no Brasil). Na ocasião, surgiram rumores de que as canções dos Beatles passariam a ser disponibilizadas também para download pago pela internet, mas até agora não houve acordo entre a gravadora EMI, a Apple Corps (que cuida do catálogo dos Beatles) e a Apple Inc.,proprietária do distribuidor de músicas iTunes.

A cada pacote, a história da banda é retomada. Em 1995, foi ao ar o documentário Anthology (posteriormente
lançado em DVD), acompanhado por três CDs duplos que tinham como carro-chefe uma gravação inédita, Free As a Bird. O material deu origem a um livro homônimo de 2000 (lançado no Brasil no ano seguinte), com a história da banda contada por meio de depoimentos em primeira pessoa do quarteto e de pessoas ligadas a ele.

Desde então, a sequência de novidades tem sido vertiginosa. Em 2003 saiu Let it Be… Naked (reedição do álbum sem os controversos arranjos do produtor Phil Spector). Em 2005, foi a vez da biografia da banda escrita por Bob Spitz, que se tornou referência, e no ano seguinte apareceu o álbum Love, remixagem de diversas músicas que serviu de trilha para um espetáculo do Cirque du Soleil.

Mas o apetite dos beatlemaníacos é insaciável. O presidente do fã-clube paulista Revolution, Marco Antonio Mallagoli, guarda raridades como um baixo autografado por Paul no show de 1993 em São Paulo e fotos assinadas pelos quatro integrantes:

– Para mim, tudo que tenho é raro e foi difícil de conseguir. Não tenho, e nem quero ter, ideia de valor, pois não vou vender nada. Recebo sempre e-mails e ligações de pessoas que precisam de dinheiro e resolvem vender algo
da coleção dos Beatles. Entendo a posição delas, mas por que não vendem os discos dos Rolling Stones, do Eric Clapton etc.?

Após tantos lançamentos, que novidades ainda estão por vir? O engenheiro de áudio Marcos Abreu aponta o formato SuperAudio CD, que representaria uma evolução em fidelidade de som semelhante à do Blu-ray em comparação com o DVD. – Existem gerações inteiras de fãs consumindo Beatles a cada novo lançamento – observa Abreu.

Estão voltando ao mercado, em edições remasterizadas, as coletâneas 1962 – 1966 e 1967 – 1970 (conhecidas como“disco vermelho”e“disco azul”), além de trabalhos das carreiras solo de Paul McCartney (o álbum Band on
The Run, de 1973, com a banda Wings) e de John Lennon (diversos álbuns e a John Lennon Signature Box). Há pouco menos de um mês,a EMI Brasil começou a investir em merchandising oficial dos Beatles, como camisetas, chaveiros e canecas oficiais. A vida é breve, mas a beatlemania é eterna.

:: Envie sua foto e mostre que você é fã de Paul McCartney

Banda de Paul McCartney sai do hotel para passar o som no Beira-Rio

07 de novembro de 2010 3

Nova passagem de som na agenda de Paul McCartney, mas desta vez apenas a banda participa.

Os músicos da banda de Macca saíram por volta das 14h30min desta tarde de domingo do hotel Sheraton em direção ao estádio Beira-Rio para passagem de som. Simpáticos, abanaram para as dezenas de fãs concentrados em frente ao hotel e em seguida entraram no carro que os conduziria pela Capital até o Beira-Rio.

SAIBA MAIS

:: Acompanhe a movimentação na frente do Sheraton em vídeo ao vivo
:: Veja como foi a saída de Paul McCartney no sábado para a passagem de som
:: Músicos tiram fotos dos fãs em frente ao Sheraton
:: Tire suas dúvidas antes de ir ao Beira-Rio hoje
:: Galeria de fotos da chegada do ídolo a Porto Alegre

Fãs poderão levar presentes a Paul McCartney hoje à noite

07 de novembro de 2010 4

Cartas, ursinhos de pelúcia, doces e tudo quanto é tipo de presentes costumam ser levados pelos fãs para seus ídolos em espetáculos ao vivo. Hoje não será diferente:  caixas espalhadas nas entradas do estádio Beira-Rio vão permitir que as pessoas depositem presentes endereçados a Paul McCartney. O material será levado a ele depois da apresentação.

Esse é um procedimento realizado em todos os shows do músico na turnê Up and Coming Tour, que já foi apresentada em 25 shows entre América do Norte, América do Sul e Reino Unido.

Previsão é de temperatura agradável durante o show de Macca

07 de novembro de 2010 0

O domingo ensolarado e com temperatura amena antecede uma noite agradável e sem vento em Porto Alegre. A previsão indica que durante o show de Paul McCartney no estádio Beira-Rio os fãs do beatle vão poder aproveitar a apresentação com tempo seco e termômetros na casa dos 23ºC.

:: Público se protege do sol forte durante a espera nas filas do Beira-Rio

A amplitude térmica continua sendo uma marca nos próximos dias, a exemplo do que tem ocorrido desde sexta. As manhãs serão frias, com temperatura na casa dos 12ºC. Já durante a tarde, com o predomínio do sol, o calor volta a dominar o cenário dos gaúchos.

:: Leia mais sobre a previsão do tempo em zerohora.com

A sombrinha que ajuda a dar informações aos fãs

07 de novembro de 2010 0

Sabe quando você chega em algum lugar meio perdido sem saber onde é o fim da fila? O que se faz habitualmente é perguntar para alguém onde termina a espera. Pois imagine responder à mesma pergunta várias vezes por hora. A empresária Marinês de Quadros resolveu poupar esforço: na manhã deste domingo, ela aguardava na fila do estádio Beira-Rio a abertura dos portões.

Constantemente indagada sobre onde é o fim da fila de seu setor, ela resolveu deixar um recadinho bem claro para os demais fãs que se aglomeram em frente ao estádio.

Todo esse esforço sob o sol forte tem um nome que não é Paul, e sim Leonardo, o filho beatlemaníaco de 15 anos (acima na foto com a mãe). Ele pediu de presente de aniversário o ingresso. Ou seja, Marinês estava na fila apenas para acompanhar o filho enquanto os portões não abrem.

- Vou comprar uma camiseta dizendo “estive NA FILA do Paul McCartney” – brinca.

RECADO AOS FÃS: não é permitido entrar no show portando sombrinhas ou guarda-chuvas.

Guardas-chuvas salvam público do sol forte no Beira-Rio

07 de novembro de 2010 2

O sol não dá trégua nesta manhã de domingo para quem aguarda a hora da abertura dos portões no Beira-Rio para o show de Paul McCartney. Quem já está nas filas se protege como pode: vale papelão na cabeça, busca por uma sombra enquanto o amigo guarda lugar ou até mesmo apelar para a compra de guarda-chuvas grandes.

Um dos ambulantes que aproveita o calor para vender seus produtos é Afonso Celso Trindade. O guarda-chuva preto como o que se vê na foto acima foi batizado pelo vendedor de “sombrero” (chapéu típico mexicano). O preço é salgado: R$ 15.

- Apertando cabem 3, até 4 pessoas aí embaixo. É para a família toda – propagandeia Afonso.

O vendedor ficará até as onze da noite no entorno do Beira-Rio vendendo seus protetores solares improvisados. Quando o sol baixar, o produto muda: ele vai vender camisetas.

ATENÇÃO: não é permitida a entrada com sombrinhas ou guarda-chuvas no show.

LEIA MAIS
:: Público aguarda desde cedo no Beira-Rio

Casal veio do Nordeste para ver Paul em Porto Alegre

07 de novembro de 2010 2

Gente de todo o Brasil viajou a Porto Alegre para prestigiar o espetáculo de Paul McCartney nesta noite de domingo. Um exemplo é a história deste casal de Fortaleza. Igor Borralho, 26 anos, vendedor, veio com sua esposa, Silvania Borralho, 25 anos, técnica-admistrativa, para conferir o beatle de pertinho.

Ambos estiveram durante todo o sábado em frente ao hotel Sheraton esperando por um aceno do ídolo. A foto tirada da aparição de Paul não ficou muito boa, portanto hoje eles resolveram voltar ao local de manhã.

Tanta dedicação ao ídolo tem sua explicação romântica: ambos se aproximaram na época do colégio devido aos Beatles. Silvania pediu a Igor um livro emprestado sobre o grupo. A paixão pelo quarteto rendeu o início do namoro e, há seis anos, resultou no casamento.

- É inacreditável estar aqui vendo o cara que nos uniu – diz Igor.

O casal vai embora do Rio Grande do Sul na segunda-feira, levando na bagagem as memórias do show e contatos com outros beatlemaníacos de vários Estados conhecidos durante o acampamento em frente ao hotel de Paul.