Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Goleada expõe as limitações do Avai

13 de março de 2016 6

O Avai foi nem sombra de outros jogos da temporada diante do Metropolitano e acabou sofrendo uma goleada desconcertante em Jaraguá do Sul. O futebol apresentado não deixa dúvida que o time está no limite do rendimento.

Desatento desde o início , o Avai deu espaços aos jogadores rápidos do ataque do Metrô e sofreu as consequências. Em 10 min o placar já estava 2 a 0.

Sem reação, o Avai não conseguiu produção ofensiva pela fragilidade no meio-campo e ficou exposto aos contra-ataques. O terceiro gol saiu ainda no primeiro tempo.

Depois do intervalo o goleiro Renan defendeu um pênalti, evitando o quarto gol, o Leão descontou, mas o Metrô não demorou para fechar a goleada e dar o troco da derrota no turno.

Uma derrota que deixa o Avai longe do sonho de surpreender no returno e tranquiliza o Metropolitano na luta contra o rebaixamento.

Comentários (6)

  • Valter Dias diz: 13 de março de 2016

    Extra ! Extra ! Metrô atropela leão em Jaraguá do Sul. Os jogadores do Metropolitano foram cruéis com o leãozinho. Agora urra leãozinho ! Dá lhe Furacão malino !!!

  • Emir diz: 13 de março de 2016

    Foram poupados no jogo pela Sul/Minas,comeram,dormiram e esqueceram de acordar para o jogo contra o Metrpolitano.É o que da muito descanso.

  • Deba diz: 13 de março de 2016

    A dupla chegou no fundo do poço, ETA.
    Imagina se os novos proprietários da RBS vão deixar uma turminha ficar falando de duas tranqueira.
    Agora vai ter que ter retorno financeiro, caso contrário acabam com a alegria de uma minoria.

  • Edemilson diz: 13 de março de 2016

    Felizmente no turno o Avaí conseguiu aproveitar que alguns times estavam em formação e passando por maus momentos e fez uma boa pontuação. Já no returno qdo os times já estão mais estruturados, infelizmente o Avaí começa a mostrar sua fragilidade. Defesa fraca, meia cancha inexistente e um ataque de dá nos nervos.
    Ainda bem que fez boa pontuação no turno, senão era forte candidato a cair.

  • João Lídio Sprada diz: 13 de março de 2016

    Foi um desastre. O que deveria ter sido feito era deixar a gurizada jogar para pegar experiência e os novos contratados deixar para estrearem nas rodadas finais do estadual.Resolveram misturar tudo e agora para consertar vai da mais trabalho. Mas, particularmente acredito nos jovens jogadores.

  • Bruno diz: 15 de março de 2016

    Confira aí, PAULO!

    Escalação do Figueira:

    - Gatito Fernandes.
    - França,
    - Nem
    - Dener,
    - Jocinei,
    - Luan,
    - Bady,
    - Caucaia,
    - Jefferson,
    - Elicarlos,
    - Ferrugem

    Um time completo só de volantes, símbolo da maior desorganização já vista na história do clube.
    Tinha que mandar prender esse Cleber Giglio.

Envie seu Comentário