Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Posts do dia 8 maio 2016

O título da Chape

08 de maio de 2016 9

A Chapecoense não deixou o Joinville carimbar sua grande campanha e confirmou o título com autoridade na Arena Condá , apesar de sofrer em alguns momentos.

Chuva

A chuva impediu a bola de rolar no primeiro tempo. A partida , que não deveria ter começado pelas condições do gramado, foi interrompida por 11 min. Não havia como jogar.

Movido por chutões , faltas , reclamações e paralisações o jogo se arrastou até o Joinville abrir o placar em cobrança de escanteio. Pereira bateu e Diego Filipe fez um belo gol de cabeça, único caminho que tinha o Joinville para finalizar.

Antes, o Joinville já havia mudado duas vezes. Juninho foi substituído por Willian Paulista,
uma opção do treinador e Naldo, que estava tonto, saiu para a entrada de Kadu.

Goleador

O gramado em melhores condições facilitou o toque de bola depois do intervalo e permitiu o melhor futebol da Chapecoense.

O domínio era amplo, as chances apareciam, mas a bola não entrava. Foi preciso, então , acionar o goleador do campeonato e maior artilheiro do clube para resolver.

A Chape tinha tomado um susto dois minutos antes- quando Pereira perdeu a chance de ampliar- de Bruno Rangel receber a bola na esquerda, aos 24 min , e tocar no tempo certo para fazer o gol de empate. O título estava assegurado.

O restante do jogo teve festa da torcida e a Chape em campo administrando a vantagem. Título irretocável do melhor time do campeonato em tudo.

Destaques

Diego Filipe, enquanto teve força , comandou o Joinville e fez o gol.

Agenor, fez boas defesas e soube jogar como líbero.

Bruno Rangel, em pouco tempo fez o gol e entrou para a história do título.

Cléber Santana, melhor em campo, comandou a Chape emocionalmente e com ótimo toque de bola , apesar da chuva.

Tático

Hemerson Maria fez o Joinville resistir grande parte do jogo , mas parou nos desfalques e limitação ofensiva. Quando precisou atacar não sabia como. Mérito pela luta.

Guto Ferreira não conseguiu fazer o time se adaptar ao gramado com água e sofreu com as jogadas aéreas, mas quando o gramado ficou melhor ele soube usar os lados do
campo e fazer as substituições que levaram ao título.

Apito

Apesar de conversar demais em alguns momentos e dar início ao jogo sem o gramado ter condições,Sandro Meira Ricci fez boa arbitragem.