Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Posts do dia 25 maio 2016

Sem atacar, Joinville perde a primeira na Série B

25 de maio de 2016 1

O placar foi apenas de um a zero, mas em nenhum momento o Jonville indicou que tinha alguma chance de , ao menos, empatar a partida na Fonte Nova.

O goleiro Agenor ainda fez alguns milagres , mas não teve como evitar o gol de Ernane e a primeira derrota na Série B.

A falta de produção ofensiva, problema que vem desde o ano passado, é o ponto que continua tirando o equilíbrio do Joinville.

Chapecoense deixa escapar vitória no final

25 de maio de 2016 0

A Chapecoense conquistou mais um ponto fora de casa e manteve a invencibilidade, mas sai de Volta Rodonda lamentando o empate por dois gols com o Flamengo.

É que além de ter jogado bem , a Chape ficou com um jogador a mais boa parte do segundo tempo e vencia até o último minuto.

O jogo foi marcado por dois pênaltis que não existiriam e foram confirmados pela arbitragem. Bruno Rangel empatou o jogo em lance que ele caiu na área, mas não foi tocado. Hyoran cobrou falta no ângulo e virou o placar. Um belo gol.

No último minuto Alan Patrick cobrou pênalti inventado pelo árbitro e empatou para o Flamengo.

Mas uma boa partida da Chapecoense, mas não soube cuidar dos detalhes para garantir a vitória.

Mais um empate do Figueira

25 de maio de 2016 7

O Santos dominou o primeiro tempo, o Figueirense mandou no segundo e jogo terminou empatado com a participação da arbitragem.

Rafael Moura

A posse de bola foi quase toda do Santos antes do intervalo, mas, embora o domínio, foram poucas as vezes que o Peixe envolveu a defesa e conseguiu finalizar.

Com a marcação muito recuada no meio-campo, o Figueirense deixava os volantes Renato e Thiago Maia soltos para rodar a bola no ataque e não conseguia avançar.

Em rara jodada ofensiva, o estreante Airton deu bom passe para Rafael Moura mostrar sua qualidade na conclusão e ele não falhou.

A vantagem foi embora na sequência com um pênalti bobo cometido por Ferrugem. Victor Bueno empatou.

Pênalti

Com Dudu no lugar de Guilherme Queiroz, o Figueira voltou melhor e quase fez o segundo gol em cabeceio de Jaime, mas o zagueiro foi mal no lance seguinte e fez pênalti. Joel virou o placar.

O Figueira tentou pressionar e reclamou de pênalti de Thiago Maia em Ferrugem.

Aos 21 min o Santos ficou com um a menos , depois de falta violenta do zagueiro Gustavo Henrique em Dudu.

O Santos não atacou mais e a bola ficou só com o Figueirense até cair no pé de Ermel , depois de cruzamento de Dudu. Um golaço aos 46 min.

Quase perdeu , quase ganhou , mas no final outro empate que trava o time na tabela.

Apito

Wagner Magalhães acertou ao marcar os pênaltis para o Santos e na expulsão de Gustavo Henrique, porém prejudicou o Figueira ao não marcar pênalti em Ferrugem.

Figueira mira primeira vitória contra o Santos

25 de maio de 2016 0

O empate com o Cruzeiro e a evolução apresentada pelo time , animam o Figueirense para o jogo com o Santos no Orlando Scarpelli.

A repetição da equipe é uma tendência, embora Ermel pode começar o jogo, depois de ter ficado no banco em Minas.

É uma partida com características bem diferentes dos jogos com a Ponte e o Cruzeiro. O Santos, apesar dos desfalques de Lucas Lima, Ricardo Oliveira e Gabigol, é um time mais ajustado e que gosta de jogar no ataque em qualquer lugar.

Há necessidade de atenção redobrada na defesa, sem deixar de tomar a iniciativa e buscar o gol com o apoio da torcida.

Depois de dois empates, vencer agora evitaria pressões nas rodadas seguintes.

Tigre mostra bom futebol na vitória diante do Goiás

25 de maio de 2016 0

O Criciúma aproveitou o fator local, adiantou a marcação e pressionou o Goiás desde o início do jogo no Heriberto Hülse e mostrou que está forte para o início da Série B.

O gol saiu cedo e facilitou o caminho do Tigre. As jogadas aéreas estavam funcionando e Gustavo aproveitou a primeira, Nathan a segunda , dando tranquilidade ao time. O Goiás quase não atacou.

No segundo tempo o Criciúma continuou envolvendo o Goiás e não teve dificuldade para fazer o terceiro com Élvis, encaminhando a vitória. O Goiás descontou no final e não assustou.

Um bom início do Tigre , que faz sete pontos diante de três adversários fortes. Venceu o Náutico e o Goiás e empatou com o Joinville.