Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

O risco da morte

28 de setembro de 2007 3

Como as pessoas se dispõem a fazer rachas dentro da cidade? O risco que se corre. Os acidentes no trânsito estão aumentando a cada dia na Capital.

Ontem, a PM e a EPTC apreenderam e autuaram dezenas de motoristas para prevenir que mais mortes ocorram.

Enquanto isso, estou pedindo para que a população gaúcha doe seus órgãos. É comovente como cresce a fila de espera para o transplante. Milhares e milhares de pessoas aguardam.

Comunique sua família que você quer ser doador. Doe seus órgãos. Salve vidas.

Para finalizar, uma poesia de Lupicínio Rodrigues. Confira o trecho no vídeo da minha participação no Jornal do Almoço de hoje.

 

Postado por Sant`Ana

Comentários (3)

  • JOSE CARLOS DOS SANTOS DAMIAN diz: 28 de setembro de 2007

    Me sinto feliz e ao mesmo tempo emocianado de ter condições de ver e ouvir seus comentários, aqui na longincua, Cuiabá. Tive a satifação de um dia encontra-lo à muito tempo, na velha e conhecida Gruta Azul, numa das poucas passagens que tive por POA. Parabéns p/ coerencia das tuas palavras. Abraço

  • Jacinto Santos de Souza diz: 30 de setembro de 2007

    Está havendo rachas de motos constantemente na Avenida Protásio Alves, esquina com a R. Amadeu F. de Oliveira Freitas. Além de perturbar o silêncio, esses irresponsáveis colocam em risco suas vidas e as dos pedestres. Detalhe: retiram as placas das motos para não serem identificados. Geralmente ocorrem às 2h da madrugada, mas vejo pequenos “pegas” às 17h, sendo o semáforo usado como largada. Será que será necessária uma tragédia para que algo seja feito? nossa BM e a EPTC pouco aparecem por estes lados.

  • Carlos Antônio da Cruz diz: 29 de setembro de 2007

    Amigo Paulo Sanntana gosto muito de seus comentários pela enfases que tu fazes quanto ao assunto ligado aos pytbuls, ajudei um vereador fazer um projeto para proibir a circulação deles no município, hj ele é secretário da administração e não faz nada para proibir esta barbarie

Envie seu Comentário