Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Terapia de casal

18 de janeiro de 2008 1

Ilustração: Bebel
Marido e mulher, meus amigos, procuraram um psicanalista e pediram para fazer o que se chama de terapia de casal.

No consultório, o psiquiatra pediu à mulher e ao marido que cada um arrolasse 10 queixas contra o respectivo cônjuge, frente a frente. O psiquiatra iria anotar as queixas e depois cada um deles faria uma análise de mérito, decidindo quem tinha razão e qual a conduta do cônjuge errado dali por diante.

Foram desfiando suas queixas o marido e a mulher, o psiquiatra anotando e dando opinião sobre elas.

Em dado momento, depois de 50 minutos de sessão, os outros casais que estavam na ala de espera passaram a ouvir gritos e barulhos de socos e pontapés, uma briga generalizada vinda de dentro do consultório.

Até que a porta se abriu e saíram de dentro do consultório o marido, a mulher, mais o psiquiatra, todos mostrando as roupas rasgadas e ferimentos.

Tinha acontecido o seguinte: em meio ao questionário do psiquiatra, às respostas dos cônjuges e às opiniões do terapeuta, estabeleceu-se uma rixa física entre os três.

No decurso da briga, virulenta e barulhenta, o psiquiatra conseguiu um milagre que nem um advogado de Direito de Família poderia ter conseguido com aquele casal: marido e mulher entraram em acordo, mas para agredir o psiquiatra a socos e pontapés.

Marido e mulher passaram envergonhados pela sala de espera onde estavam os casais postados na fila para serem atendidos.

O psiquiatra, também constrangido e sangrando no nariz, descabelado pelos tapas e chutes que recebera do casal, enfrentou assim mesmo os casais da sala de espera: %22Quem é o primeiro?%22, perguntou.

Um marido baixinho que estava ao lado de sua mulher respondeu imediatamente: %22Chegamos todos juntos!%22.

Postado por Sant`Ana

Comentários (1)

  • José diz: 18 de janeiro de 2008

    Muito boa essa!

Envie seu Comentário