Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Isto não vai ficar assim!

01 de novembro de 2008 51

Refletindo sobre a morte do amigo Renato Sirotsky, filho do seu Semi e sobrinho do seu Maurício, tão moço, tão entusiasmado, tão gremista, tão cheio de planos, tão cheio assim de cuidados com seus filhos, cheguei à conclusão de que sou um reencarnacionista.

Ou seja, a vida só tem uma lógica garantida se não for única, se se constituir meramente em apenas uma etapa, uma passagem, uma estação, a qual sobrevirão outras vidas, outras passagens, outras estações.

 

Fiquei sabendo pelo livro A Nova Ciência e a Fé, recentemente lançado, de autoria do porto-alegrense Mário Costa de Araújo Lima, que os grandes filósofos gregos Platão e Sócrates, duas das inteligências mais luminosas da humanidade, eram reencarnacionistas.

A reencarnação é a idéia segundo a qual os espíritos em seu processo evolutivo vivem muitas vidas, em diferentes corpos, assumindo portanto distintas personalidades.

 

Eu só posso admitir a idéia de um Deus bom, de um Deus justo, de um Deus misericordioso e acima de tudo de suprema lucidez e sabedoria, se concluir que não há uma vida única, que as pessoas que se tornam mártires, que vivem em extremo sofrimento, ou sobre as quais se abateram as injustiças e os tormentos, terão em outra vida recompensas que restituirão à sua vida um plano de justiça e lógica de proporcionalidade.

Como eu escrevi em outras colunas, isto não vai ficar assim.

Não pode Deus ter criado ao mesmo tempo uma besta e um filósofo, um rico e um miserável, um cruel e um bondoso, um feio e um bonito, um dotado de raras virtudes, outro pleno de todos os defeitos.

Uma só passagem pela vida, pela efemeridade em que ela consiste, pela incompletude das experiências que se desenrolam para um só indivíduo em particular, pela exigüidade do seu campo de desenvolvimento, será insuficiente para torná-lo apto a ser considerado um ser que tenha absorvido todo o húmus da existência e ter encerrado seu ciclo.

Não me resta dúvida nenhuma de que aqui na Terra estou vivendo apenas uma etapa da minha evolução e que outras missões me serão confiadas em vidas futuras, até que minha formação como espírito ocorra para que eu ganhe talvez para a eternidade um lugar na planície de Deus, quando então me reencontrarei com todos aqueles com quem compartilhei a ocasião maravilhosa da vida.

 

Não há céu nem inferno depois de uma só única vida. O que há é um inferno parcial, do qual o homem escapará por seu mérito, subindo os degraus da justiça através de muitas vidas, no rumo do aperfeiçoamento.

Não há também dúvida de que estamos sendo testados, estão sendo pesadas as nossas boas obras e as nossas maldades, num lento e progressivo andar pela vida, numa sucessão de várias vidas em que o Criador nos dá oportunidade de exercitá-las em situações absolutamente distintas uma das outras, com a finalidade de nos completarmos como seres dignos da criação, agarremo-nos ou não a uma religião ou crença, o que importa é que atinjamos um grau de bondade e dignidade a ponto de que sejamos considerados – e nos consideremos – justos.

 

Não faz sentido que Deus – ou qualquer outra força superior e reguladora que contenha o conteúdo desse nome – nos jogue aqui na Terra e nos faça néscio ou sábio, faminto ou regalado, oprimido ou poderoso, saudável ou doente, desde o nosso nascimento, tornando-nos assim tão facilmente condenados ou premiados.

Nada disso, isso é apenas um dos inumeráveis ciclos de vida a que temos de nos submeter.

Até nossa “formação”, muitas e muitas gerações e séculos vão suceder a este átimo de existência que nos cerca.

Não foi só esta vida que nos esperava.

Isto não vai ficar assim. Seria profundamente injusto.

 

*Texto publicado na página 51 de Zero Hora dominical

Postado por Paulo Sant`Ana

Comentários (51)

  • Geferson diz: 2 de novembro de 2008

    Em todas as opiniões abaixo sempre vem a verdade absoluta e seus donos. Mas do tema podemos apenas divagar , pois o conhecimento pleno do assunto ainda não nos é dado, virá no devido tempo …. Que cada un faça o seu melhor acreditando ou não rm Deus e seus propósitos, mas que apenas sinta no seu coração a verdade e tenha a perspectiva da certeza . Bom seria saber o Santana reencarnado como colorado , seria castigo do sofrimento gremista em vida passada ,ou glória de campeão do mundo FIFA ?

  • Rafael M. Bald diz: 1 de novembro de 2008

    Com o avanço da idade e a inevitável aproximação do fim indistinto a que o destino reserva a todos, até os mais descrentes irão agarrar-se às crenças religiosas ou espirituais.
    Em algumas pessoas a fé desperta somente na hora da morte. Da terra nós viemos e é para lá que nós vamos voltar.

  • marcelo diz: 2 de novembro de 2008

    Certamente…

  • vinicius strack diz: 2 de novembro de 2008

    manchete clicrbs: “Mário Sérgio diz que torce por título do Grêmio no Brasileirão”.
    CAMPEONATO IMORAL ESTE. o figueirense vem ao olimpico entregar o jogo comanandado por um cara que ainda recebe salários do gremio. é um complo nacional para o gremio ser campeão com este time ridículo. CAMPEONATO IMORAL!!!!!

  • danilo ughini diz: 2 de novembro de 2008

    sempre lucido nos teus comentários
    como poderia ser negada uma nova oportunidade
    esta clareza de pensamento facilita a vida da
    pesoa, parabens Santana

  • gelson luiz bertolazzi diz: 2 de novembro de 2008

    Querido Santana, procuro aprender contigo todos os dias. Sou reencarnacionista, contra o aborto, menos quando a mãe corre perigo de morte e a pena de morte.
    Fico feliz em saber que de certa forma, na próxima existência, aprenderei contigo todos os dias.
    Afetuoso abraço

  • Gerson Ombudsman diz: 2 de novembro de 2008

    Santana,meus respeitos pelo teu sofrimento pela morte de um amigo.Porém não sou reencarnacionista.Analisando isso nesse pequeno espaço,entendo que o reencarnacionismo é na verdade um processo de adiamento de responsabilidades.A Bíblia não fala nisso,a distorção de sua interpretação sim.Devemos nessa única vida fazer o melhor.Errar sim, mas buscar consertar,o verdadeiro perdão.Pensar que sempre teremos outra vida é muito cômodo.Deus nos dá a eternidade da alma e uma vida para fazermos o melhor!

  • danilo ughini diz: 2 de novembro de 2008

    se não existisse reencarnaçao Deus ficaria
    comovido com tua coluna e instituiria a
    reencarnçao

  • fatima barella diz: 1 de novembro de 2008

    qualquer horário, qualquer direção, o motorista não passa de 20 Km por hora, e ao reclamarmos, eles mandam o passageiro descer e pegar outra….Que OUTRA, para a Anita só temos esta…não existe concorrência….Levam passageiros em PÉ(de 4 a 5), destratam os passageiros…Aí vc liga para a EPTC como eu fiz, bem aí como a saga, vc só pode reclamar da atitude do MOTORISTA, para reclamar dos horários vc precisa falar com o responsável pela empresa.

  • dante diz: 2 de novembro de 2008

    Ola meu irmão Santana,realment fico muito triste quando leio algo assim so bre reencarnação de uma pessoa tão culta como voce.
    Bem amigo posso te provar veja bem o que estou dizendo PROVAR com todas as letras se te interessar que INFELISMENTE meu amigo o inferno existe, e nem por um momento duvide disso,poi estarás arriscando a tua eternidade neste teu projeto sem qualquer respaldo.
    Se te interessar as provas estão aqui comigo. Se quiser maiores esclarecimentos que tal ler a BIBLIA??????

  • fatima barella diz: 1 de novembro de 2008

    Paulo…mandei por aqui meu pedido de ajuda sobre a Lotação Mont`serrat, pq não achei teu mail…

  • Daniel Correa diz: 1 de novembro de 2008

    O homem é assim: sempre quer que Deus se adeque as suas exigencias.
    abraço

  • jhon the best diz: 1 de novembro de 2008

    No triste mares da vida refúlgia minha alma.embusca de um ultimo respiro.na volta imponente da ninha paixão pela vida.deicho um labáro de estrelas a brilhar.neste instante ao embarque a outra vida outróra por meu entes querido neles encontrarei a minha morada.pois a minha estrela não vai parar de brilhar.porque sempre tem alguem a me esprerar.simples poesia deste teu amigo que partiu no embarque que levou com ele o tiquet de ida e te deichou um pedacinho da passagem no trem da ultima viagem.

  • Silvia diz: 1 de novembro de 2008

    Parabéns Santana por tão brilhante raciocínio lógico!
    Abraços

  • Derly Perugorria Couto diz: 1 de novembro de 2008

    Mas há uma outra coisa na ressurreição. Pois de que vale viver por todo o sempre num corpo velho e fraco e debilitado. Não tem graça, não eh? O ideal seria que envelhecêssemos apenas no conhecimento, acumulando sabedoria, mas com o corpo em plena forma e saudável.
    Há uma promessa neste sentido, com respeito aos “velhos” lá em Jó, cápítulo 33:25, onde diz: “Torne-se a sua carne mais fresca do que na infância. Volte ele aos dias do seu vigor juvenil”. Não são maravilhosas e lógicas as promessas?

  • Leninha Ramos diz: 2 de novembro de 2008

    Eis um assunto que me fascina e qual muito acredito.
    Pablo, compartilho da mesma opinião tua.
    Beijos

  • José Henrique Patricio Gomes diz: 2 de novembro de 2008

    Pablo.Confesso que muitas vezes neguei a leitura de sua coluna por não compartilhar algumas idéais e ideais e o principal deles é a de torcer por clubes diferentes e é por isso que acho que nós gaúchos temos a maior rivalidade clubistica do mundo.Veja isso,deixo de ler sua coluna muitas vezes por vc.não torcer pelo clube que amo.Mas hoje felizmente li essa que talvez umas das melhores,pois demonstra o grau de racionalidade que vc.possui e concordo plenamente.A vida é inesgotável.PARABÉNS

  • Adilson Minossi diz: 2 de novembro de 2008

    Caro Sant`Ana, não me resta mais nenhuma dúvida de que és um iluminado e que viestes ao Mundo para ensinar. Uma só vida, sem re-encarnações seria uma baita sacanagem do Criador com os aleijados, os pobres, os cegos, etc. Outros nascendo ricos, belos e perfeitos…Falo há mais de 40 anos que tem que ter a volta e essa volta são as vidas futuras…
    Belo texto para refletir nesse dia de Finados….

  • Eliane diz: 2 de novembro de 2008

    Paulo Santana…semprer leio tua coluna e já senti vontade de mandar um recadinho…hoje fiquei admirada e emocionada até! Acredito em reencarnação e também tenho a convicção de termos outras oportunidades de viver…sou espírita e antes de tudo acredito em Deus, em Jesus e em Maria de Nazaré, bem o melhor é q muitas pessoas vão refletir a partir do q escreveu, que viver é isso mesmo inumeráveis ciclos,onde teremos evolução moral, fé, amor e caridade conosco e com o próximo, começando por ai..

  • Rogério Forcolén diz: 2 de novembro de 2008

    Querido Santana, por isso que sou teu fã, tu já és um esperito iluminado com suas fraquezas, suas dificuldades mas com uma missão extraordinária. Eu como Espirita Kardecista fiquei orgulhoso de ti ao ler tua coluna.Eu convivi pessoalmente contigo,e tu sempre uma pessoa amável como era o Renato, por isso fui ao velório dele tranquilo por tudo que escreveste. Como disse Chico Xavier, “quando o homem descubrir todas a potencialidades da física quântica, descobrirá a fala com os espiritos” Abração!

  • Dé diz: 2 de novembro de 2008

    adorei o que escreveste.

  • Simone Luft diz: 2 de novembro de 2008

    Respeito muito aqueles que acreditam em reencarnação, mas como ninguém neste mundo pode realmente comprovar qualquer crença, acredito que só nós, os seres humanos, é que somos deuses e diabos. Fazemos a pobreza e a riqueza, infligimos dor e alegria, justiça e injustiça. Conferimos tudo a um Deus ou a um demônio para nos esquivarmos de nossas responsabilidades, amenizarmos nossos temores diante do desconhecido. Somos seres muito frágeis emocionalmente, para mim essa é a única certeza!

  • Getulio diz: 2 de novembro de 2008

    Há muito tempo não leio um comentário tão lúcido sobre a sucessão de existências.
    Parabéns Santana pois tb compartilho em gênero , número e grau com tuas palavras. Se Deus existe e eu creio que sim, seria profundadmente injusto que sòmente em uma vida iríamos adquirir méritos par ir para o céu ou para o inferno por toda a eternidade.

  • Bruno diz: 1 de novembro de 2008

    O céu e o inferno estão aqui mesmo, Sant´ana! Acho uma ilusão quase infantil acreditar com tanta veemência na tal reencarnação. Me admira tu, um pensador, te agarrar num conceito tão sem evidências, assim como quem acredita em Papai Noel. Procure mais informações reais e questione o quanto essas tuas afirmações são utópicas. Deus é um delírio coletivo, meu caro!

  • Tamy diz: 4 de novembro de 2008

    Belíssima colocação. Deus é infinitamente justo e bom, mas as vezes não sabemos compreender seus desígnios.

    Estes ciclos de vida (reencarnação) são necessários para nossa evolução intelectual e espiritual. Os mesmos ciclos foram necessários para que nós (a humanidade) deixássemos as cavernas, parássemos de achar bonito jogar cristãos aos leões…estamos evoluindo. Lentamente, sem apressar a natureza.
    E com certeza reencontraremos aqueles que nos são queridos, seja na vida espiritual ou aqui me

  • numerovinte diz: 3 de novembro de 2008

    eu concordo comtigo tem logica teu comentario,tem que haver sentido nesta vida
    eu acredito só en DEUS os outro saõ espitos como nos evoluidos, estamos ainda no primario, mas chegamos la.

  • milena diz: 3 de novembro de 2008

    realmente Santana o homem é sempre assim faz tudo errado …tudo…. depois culpa DEUS é muito comodo, que DEUS perdoe a todos!Ès especial SANTANA te admiro ,sabes que es formador de opiniao cuida pois o que escreves!Nos temos livre arbitrio portanto donos de nossos atos…Mas a mao de DEUS esta sempre estendida a nos, sempre….vivamos aqui e agora com dignidade pois a vida é uma só! Abraços.LEIA A BIBLIA!

  • Álvaro diz: 2 de novembro de 2008

    Caro Paulo Sant`Ana,
    Também sou reencarnacionista e acredito que nosso espírito está em constante evolução, tanto para o bem como para o mal, o que explica a diversidade de personalidades.
    Mas também acho que só sobrevivem os espíritos fortes porque os fracos sucumbem no meio do caminho, devido as vicissitudes da vida.
    Portanto, isto não pode ficar assim, mas aproveitemos a vida enquanto ela nos sorri e procuremos repensá-la quando nos for adversa.

  • Renata diz: 1 de novembro de 2008

    O que não faz sentido é acreditar num deus que faz propositadamente a indecência de testar seus ditos “filhos”, num joguinho insano e chantagista. Que pai é esse, que castiga com requintes de crueldade em vez de tão somente mostrar o caminho através do amor? Ah, por favor, me poupem dessa fantasia chamada DEUS!!!

  • Juliana Freitas diz: 3 de novembro de 2008

    Maravilhoso Paulo Santana! Sábias palavras!!

  • carlos henrique nunes diz: 1 de novembro de 2008

    Recomendo a leitura do livro “O problema do Sofrimento”, de C.S.Lewis. Entre outras questões relevantes, o autor ensaia sobre por que sofremos? Se Deus é tão bom e todo-poderoso, por que permite que suas criaturas sofram? A aflição faz parte do plano divino para nosso aperfeiçoamento ou é simplesmente um capricho divino? Deverá ser útil, desde, é claro, que você admita a premissa cristã como algo crível, viável e pleno de significado… Boa leitura!

  • José Antonio diz: 2 de novembro de 2008

    Para ser inteligente como tu, só vindo de milhares de reencarnações.É pelas mesmas que nosso Espírito tem a oportunidade de adquirir o progressom e é ai que se pode ver a infinita bondade de Deus, que quer o bem para todos os seus filhos. A única diferença que existe entre nós dois: sou colorado. Abraço fraterno!!!!!!

  • Mauricio Todeschini diz: 1 de novembro de 2008

    Alguma coisa além há de ter, para fazer sentido. Ao menos espero que tenha, pois nada garante, e pode não fazer sentido algum. O simples fato de existirmos já é uma benção de Deus, pois poderíamos não existir. Não sei se existe reencarnação, só que não adianta voltarmos para outra vida, sem sabermos de nada, novamente. Não adianta vivermos 1.000 vidas, sem noção do fundamento que nos sustenta. Será mera quantidade. O que interessa é termos contato com o que está além de nós.

  • fatima barella diz: 1 de novembro de 2008

    Manchete da Zero Hora de Domingo :120.000 TORCARAM O ONIBUS PELO CARRO…nos últimos 5 anos…Porque será ????Eu posso responder pq estou indo de carro novamente, Não que antes tudo fosse perfeito, mas tínhamos para quem reclamar….Mas como é que a Prefeitura do NOSSO QUERIDO FOGAÇA,quer que as pessoas saiam de ônibus ou lotação????Será que ele já levantou de sua cadeirinha e pegou já uma Lotação?Sugiro para seus NERVOS ele teste pegando a Linha Mont`Serrat Anita.

  • fatima barella diz: 1 de novembro de 2008

    Ok…aí vc pergunta, qual o telefone, e-mail ou endereço da empresa….Eles não dão por telefone, vc entra na Lotação e pergunta quem é o responsável pela empresa de Lotações Mont`serrat…não podem dizer…Afinal, deve ser uma sociedade SECRETA, pois não temos como reclamar e ninguém nos escuta….E aí …Como ficamos????

  • André diz: 2 de novembro de 2008

    Provaste, indelevelmente, o gênio que és. Orgulho de ter nascido, nesta encarnação, gaúcho e gremista como tu. Meus Parabéns. És “o” cara!

  • Ivo Alfredo Kath diz: 3 de novembro de 2008

    Prezado Santana,
    Um único reparo é o nome do autor do livro que citas, que é Moacir de Araujo Lima enão Mario como escreveste.
    No mais parabéns, reafirmas mais uma vez o que já dissestes há bastante tempo quando lhe enviei um texto a respeito da reencarnação e também te posicionastes a favor desta lei.
    Pela reencanrnação percebemos a justiça e a perfeição das leis de Deus.
    Muito bom.
    Valeu…
    Abraço.

  • rosangela margarete diz: 3 de novembro de 2008

    Prezado Sant`Ana, tiveste muita inspiração ao escreve tua coluna de d0mingo, Deus é divinamente misericordioso que nos dá o direito de escolha, nos fez livres e inteligentes, e nos dá todos os dias a oportunidade de melhorarmos, e para quem cre Nele o conforto necessário para proseguirmos nossa caminhada aqui na Terra, sem a companhia de nossos amigos queridos.
    Abraços.
    Rosangela

  • AIRTON ORO diz: 2 de novembro de 2008

    PARABÉNS PAULO SANTANA PELO SEU COMENTÁRIO, FOI MUITO BOM LER O QUE VC ESCREVEU!

  • Inês Marta Cafrune Gosch diz: 3 de novembro de 2008

    AAAALELUIA, AAAALELUIA, até que enfim Santana! Espero que esta luz, que brilhou agora em tua mente, seja aproveitada com estudo e busca de esclarecimento a respeito, não somente sobre reencarnação, mas de todas as leis reveladas por Kardec. Teus leitores, certamente merecem este carinho da tua parte.

  • André Moura da Rosa diz: 2 de novembro de 2008

    Senhor Paulo Santana, sou fã dos seus comentários, mas me obrigo a discordar de ti, pois na Palavra de Deus diz assim no livro de Hebreus 9:27″E, como aos homens está ordenado morrerem uma só vez, vindo, depois disso, o juizo”.Então ai cai por terra a as filosofias do homem pois disse o Senhor Jesus”passarão os céus ea terra, mas minhas palavras não hão de passar”.

  • Guilherme diz: 3 de novembro de 2008

    Então um rico ou um bonito possuem estas qualidades por méritos passados? Seria um bonito mais evoluído? Estaria um rico mais perto da “planície de Deus”?

    Pergunto não como crítica, mas como incentivo ao pensamento.

    Pense em um Deus amoroso e gracioso. Tão gracioso que não conseguimos entender essa “graça” e tentamos pagá-la com boas ações.

    Abraço!

  • Derly Perugorria Couto diz: 1 de novembro de 2008

    Sant`anna, respeito os outros mas creio nas Escrituras. E na palavra de Deus não há menção de reencarnação. Ao invés disso, a Palavra de Deus fala de Ressurreição.

    Perdão, mas a reencarnação não faz sentido, porque para onde vai toda a nossa memória e o nosso aprendizado e crescimento pessoal que acumulamos em nossa vida? Deus Jeová é um Deus de vivos e não de mortos. Como podem Abraão, Isaque e Jacó, reencarnarem em outros corpos e sem memória do que fizeram??

  • fatima barella diz: 1 de novembro de 2008

    Continuamos indo de Carro para o Centro???? Andar de lotação na Vigário e na Rua da Praia, é um teste de NERVOS, pois da 7 de setembro até à Rua da Praia a Lotação Mont”Serrat leva exatos 23 minutos… as pessoa andam no meio da Rua…ONDE ESTARÃO OS AZUIZINHOS, ACREDITO QUE SÃO TODOS FANTASMINHAS

  • fatima barella diz: 1 de novembro de 2008

    E o povo que se dane…Para quem deveremos reclamar???Fiscalização com certeza não existe, o motorista desce da Lotação compra espetinho, lê o jornal dirigindo descendo a Independência….E a FISCALIZAÇÃO…????É de chorar…viver neste CAOS que se tornou Porto Alegre…

  • Carlos Alberto de Souza Silva diz: 2 de novembro de 2008

    Caro Santana!
    Parabéns pelo comentário de domingo.Realmente Sócrates e Platão eram reencarnacionistas e isso se evidencia no Evangelho Segundo o Espiritismo.
    A justiça divina d-a-se por esse processo e fico feliz mesmo ao ler,e reler,teu cometário.Quiçá tenhamos,com isso,entre nós,com novas oportunidades, o nosso Garrincha,não é mesmo?Talvez não como jogador de futebol,mas como um homem simples e bom de coração,o que está faltando nessa humanidade.
    Fica na paz.Fica com Deus.

  • JorgeEduardo diz: 2 de novembro de 2008

    Os evangélicos de plantão citam a Bíblia como a palavra de Deus. A Bíblia foi escrita por seres humanos e manipulada pela igreja, naquilo que era conveniente para ela. A Bíblia é a história de Israel, nada mais do que isso, que adoravam um Deus único e achavam que este Deus os protegia e privilegiava em relação aos demais povos. Mas isso, era coisa da crença deles. Agora, achar que era a vontade de Deus Saul e David fazer as matanças que fizeram é dose. Que Deus protegia um único povo, é dose.

  • Crista Stege diz: 3 de novembro de 2008

    Gostei muito do comentário, mas só quero acrescentar um pequeno detalhe que considero importante: vida é uma só, temos muitas existências (estamos num corpo, mas nosso espírito é). Um grande abraço.

  • Acimar Menegon Junior diz: 3 de novembro de 2008

    Infeliz a sua colocação santana.
    O homem sempre querendo achar justificativas para sua demência e sua ilariante vontade.
    Querer viver mais de uma vez é querer se igualar à Deus,e Deus mesmo disse, ao homem cabe viver uma só vez.
    te faço uma pergunta:
    Já não chega uma vida para se cometer tantos erros????
    ou será que teu amigo era O perfeito.
    Deus não é injusto e nos dá a oportunidade do perdão, de graça. Apenas precisamos querer seu perdão e assim viver após a morte com Ele, no eterno.

  • Luciane Girardi diz: 4 de novembro de 2008

    Querido Santana,
    Sou sua fã e te admiro muito, pois vejo que te questionas e buscas respostas para as grandes questões da humanidade.
    A tua coluna de domingo me deixou muito feliz, pois aguardava o dia em que chegarias a estas conclusões. Sem dúvida estás no caminho certo para encontrar as respostas que procuras para entender os mecanismos que rejem a humanidade.
    Peço que analises a questão da pena de morte dentro deste contexto.Somente quem dá a vida pode tirá-la.
    Um abraço.

  • Derly diz: 1 de novembro de 2008

    Tá na cara que não reencaranarão. Não há a mínima lógica nisso. Como serão recompensados??? Onde estará a lembrança do que fizeram??? Na ressurreição, sua memória será restaurada, sua conscìência será restabelecida para que ele tenha plena noção do que fez, e no caso de ele ter sido um transgressor em sua vida, a ressurreição será uma oportunidade que ele terá para aprender o conhecimento de Deus e ajustar sua conduta a fim de obter a vida eterna.

Envie seu Comentário