Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Na correria...

27 de março de 2010 2

A semana foi agitada. Fiquei, assim, meio longe do blog. Na quinta-feira, participei do Coffee Break, da Band News, e na sexta pela manhã, foi a vez do programa do Lauro Quadros, na Rádio Gaúcha, o Polêmica. À noite, estive na “crônica falada”, do Camarote TV Com, com a Kátia Suman. Os temas? Aniversário de Porto Alegre e crise na cultura, entre outros.


Na terça-feira, a convite da Profa. Judith-Martins Costa, palestrei no Pantheon da Faculdade de Direito da UFRGS, no seminário sobre História do Direito, promovido pelo Programa de Pós-Graduação e pelo Centro Acadêmico. Também integraram a mesa A Profa. Viviana Kluger, da Universidade de Buenos Aires, a doutoranda Roberta Dreher de Miranda e o Mestrando Guilherme Carneiro Nitschke. Para mim foi uma honra falar no salão nobre dessa que é uma das mais importantes faculdades do País. Foi gratificante perceber o auditório lotado de estudantes interessados e muito bem articulados, capazes de formular excelentes perguntas. É notável o trabalho que a Profa. Judith tem feito na Faculdade de Direito, estimulando os alunos a compreenderem que o Direito não é disciplina meramente técnica, mas possui interfaces poderosas com a Filosofia, a História, a Literatura, o Cinema…


Na quarta-feira fui a Cachoeira do Sul. Conferenciei no auditório da Ulbra sobre os fundamentos da cultura contemporânea, no âmbito do projeto Ciranda Cultural. A iniciativa é das coordenações dos Cursos de Pedagogia e Letras da ULBRA, campus Cachoeira do Sul, através das professoras Sílvia Barreto dos Santos e Lisane Félix Veloso, em parceria com o Núcleo Municipal da Cultura, dirigido por Mirian Ritzel, e a Associação Cachoeirense de Amigos da Cultura – AMICUS, presidida por Eliane Schuch. Fui lá carinhosamente acolhido por estas ativistas da cultura local. Mais uma vez, tive a grata surpresa de encontrar um auditório cheio e capaz de formular ótimas perguntas. Fiquei encantado com o projeto, que se empenha em promover estes debates. Feliz do Município que pode contar com um time tão competente de ativistas da cultura!

Comentários (2)

  • Mirian Ritzel diz: 27 de março de 2010

    Atividades como a Ciranda Cultural ganham sentido quando possibilitam às comunidades que estão distantes da capital o contato com especialistas como Gunter Axt. Obrigada, Gunter, por abrir com tamanho brilhantismo a série de discussões sobre o papel da cultura e do conhecimento na contemporaneidade.

  • Lisane Félix Veloso diz: 28 de março de 2010

    O projeto Ciranda Cultural nasceu da parceria entre pessoas amigas que unem esforços em prol da cultura para “pôr na roda” discussões maravilhosas como a que vivenciamos por meio das reflexões de Gunter na ULBRA de Cachoeira do Sul. Obrigada Gunter…até a próxima!

Envie seu Comentário