Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Adriana Calcanhoto, em Florianópolis

11 de setembro de 2011 0

Um vento besta veio empecer a gloriosa herança do dia de ontem aqui Florianópolis, quando o céu de azul envolvente serviu de moldura para o sol que banhou a tudo, brilhante e tépido. Ao cair da noite, uma lua generosa prateou o mar, coroando o afastamento do espectro da chuva torrencial que nos castigou aqui toda a semana.

Melhor ambiente para o show que Adriana Calcanhoto fazia na cidade não poderia haver. O show de seu novo CD, micróbio do samba, não poderia estar mais lindo. Belas canções, bem arranjadas e entoadas com sutileza, com delicada técnica e pungente emoção. Adriana é tão suave, que cada pequeno gesto torna-se grandiloquente, cada vibração de sua voz encerra um mundo. Em meio a essa paz, temperada por técnica apurada, doçura e repertório de grande qualidade, insinua-se, num crescendo muito bem posto, um humor cativante, cotidiano. Com jeitinho dos anos 1980, Adriana traz para o palco objetos do dia-a-dia – xicrinhas, um prato, uma faca, uma caixinha de fósforos, um secador de cabelos… De cada um, tira um som inusitado, que ilustra a história que permeia a canção. Um espetáculo elaborado, de uma grande intérprete e compositora.

Por essas coisas da vida, há muitos anos não conseguia assistir a um show da Adriana. E ainda guardo na memória, com carinho, a lembrança das noites que eu e alguns amigos passávamos ouvindo-a cantar, com um banquinho e um violão, no pequeno palco do Bar Fazendo Arte, na Cidade Baixa, em Porto Alegre. Lá se vão uns bons 26 anos…

Bem, estou de volta ao Brasil e retomando o blog. Passei uns dias fora. Estava super precisado de férias. Então, até da Internet me desliguei. Foi ótimo! Assim, a medida em que for colocando meus compromissos e minha agenda em dia, vou publicando um ou outro post por aqui.

Envie seu Comentário