Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Desafio das Américas

14 de setembro de 2011 4

Nada melhor do que um jogo entre Brasil e Argentina. Mesmo que não se busque jogadores no Exterior.
A cidade argentina de Córdoba vai assistir esta noite ao grande clássico sul-americano. É a velha Copa Roca, que durante muito tempo foi extremamente valorizada, pelas dificuldades que existiam de deslocamento e comunicação. Era uma outra época.
Mas nem por isto o superclássico deixa de ser interessante. Quando dois rivais históricos vão duelar, sempre estão as razões da rivalidade colocadas em campo. O primeiro jogo será nesta noite. Brasil e Argentina, sempre uma grande partida. Vale a pena ouvir e assistir.

Preferências

Mário Fernandes deve jogar. Kleber deve ser o lateral-esquerdo. No ataque, Damião forma o setor mais atrevido, famoso e competente da Seleção. Ele, Ronaldinho e Neymar formam um trio de ouro.
Claro que se espera muito mais de Neymar, que, em seleções, só foi bem na sub-20.
Ronaldinho é um retorno que precisa ser mais provado. Contra Gana, foi contra dez, havia muito espaço, ficou muito fácil para ele. Contra a Argentina, o buraco é mais embaixo. Mas se Mano conseguir recuperar Ronaldinho para a Seleção, seu trabalho já estará justificado.

D’Alessandro

O craque argentino do Colorado está suspenso mais uma vez. Ele faz muita falta ao time do Inter, mas seu sistema de controle é muito precário.
Quando se invoca com a arbitragem ou com as porradas que leva durante os jogos, fica injuriado e reclama até receber cartão amarelo. A quase totalidade dos que lhe são mostrados, é devido a tais reclamações.
É o temperamento do jogador, uma questão difícil de resolver, mas que traz prejuízos grandes e sistemáticos ao Internacional.

Você sabia?

* Que o Estádio Centenário, do Caxias, está completando 35 anos?
* Que o construtor do estádio grená foi o grande presidente, já falecido, Francisco Stédile, um dos maiores empresários da história do Rio Grande do Sul?
* Que Francisco Stédile é o nome oficial do estádio do Caxias?
* Que o Grêmio busca sua quarta vitória consecutiva no Brasileirão neste final de semana, e o Inter, a terceira?

Comentários (4)

  • Ademir S Ledermann diz: 14 de setembro de 2011

    Puxa vida, se o D’Alessandro lembrasse do Nilmar, o quanto ele apanhava em campo sem reclamar, se sentiria constrangido. E o guri e craque…A diretoria tem que dar um ultimato a ele…

  • silvio jaime fernandes diz: 14 de setembro de 2011

    Olá Pedro:….Sou mais radical em analisar os “bobos cartões amarelos” do D’Alessandro e de outros jogadores no Brasil afora.
    - primeiro porque prejudica o time inteiro e isto não é preocupação deles
    - segundo, ganham muito e não estão nem aí para as competições e que se danem os torcedores
    - terceiro, porque os Clubes estão de rabo preso com os empresários/mercenários/aliciadores
    - Portanto não há forma de disciplinar estes “jogadores”. Antes da Lei Pelé, o Clube tinha autoridade para punir atletas com mal comportamento. Hoje basta um deles dizer que está “infeliz” e é cercado de todos os mimos. Raramente temos visto jogadores REALMENTE PROFISSIONAIS. A MAIORIA BEIRA AO MERCENARISMO.
    - Será que o torcedor não entende que jogador de futebol é produto vendável e lucrativo para os Clubes e que se não estiverem na vitrine, o prejuizo é grande?….

  • Pedro Oli Bandeira diz: 14 de setembro de 2011

    Pedro Ernesto (chará):
    Gostaria que me dirigir a ti para fazer uma reclamação do que imprensa vem incutindo na opinião pública ja faz um bom tempo. Grande parte diz que a torcida do Grêmio (sou gremista), só aplaude e gosta de jogadores que dão carrinho, que gostam somente dos brucutus, etc…, etc. Mas quero dizer que isto é simplificar demais o sentimento da maioria da torcida do GREMIO. Gostamos sim, é de jogadores de qualidade que sibam tocar a bola redondinha. O que não toleramos é jogador perder a bola, ou dar passe errado e ficar esperando que seu companheiro resolva a situação. Queremos que ele se esforce para retomar a bola. Aplaudimos quem dá balão quando há perigo na área, quem joga pra lateral para não se complicar, quem mata no peito e sai jogando, e principalmente quem faz jogada de efeito com o objetivo de fazer o gol. Não queremos mais ouvir a balela de que a torcida do GREMIO só aplaude que dá carrinho. OK? obrigado

  • Roberto Schweitzer diz: 15 de setembro de 2011

    Pedro Ernesto, só existe uma coisa mais ridícula que aquele teu “demaaiiiisss”; é a tua babação de ovo com o Damião. É verdade que ele é um bom jogador, mas aquela lambreta que tanto falaste hoje na Gaúcha, o Fábio Baiano já fazia quando jogava no Grêmio e tu náo o achavas um gênio. Além disso, porque não disseste que o Damião perdeu um gol cara a cara com o goleiro? Que parcialidade!!!

Envie seu Comentário