Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Goleada

21 de fevereiro de 2013 13

Mexidos na sua autoestima, os jogadores do Grêmio foram bravos, lutadores, guerreiros. Mas, além disso, tiveram também alta técnica. Barcos, André Santos, Cris, Fernando, entre outros, foram monumentais na goleada histórica construída pelo Grêmio. O Fluminense foi humilhado dentro do Engenhão. Levou goleada histórica e ouviu a torcida do Grêmio gritar olé dentro do Engenhão.

Além disso, o Huachipato também levou chinelada do Caracas lá no Chile, e no Grupo 8 está tudo rigorosamente igual. Curiosidade: nenhum mandante conseguiu vencer nesse grupo. Todos os que mandaram os jogos em casa foram derrotados.

A estupenda vitória do Grêmio no Engenhão valoriza o clássico Gre-Nal.


Umidade

O Grêmio jogou ontem no Engenhão com o gramado impecável. Vanderlei Luxemburgo reclamou muito do gramado da Arena depois do jogo contra o Huachipato, na tentativa de explicar aquela derrota surpreendente. Mas tem um fato que é importante: a umidade que está presente no Estado, com o calor sufocante, é extremamente propícia para o crescimento da grama. Como o Grêmio enfrentou o time chileno no dia 14 e só jogará contra o Caracas no dia 5, essa distância de 20 dias deve melhorar sensivelmente o gramado da Arena. Mas que fique claro, o Grêmio não perdeu para o Huachipato por causa do campo. As razões são bem outras.


Alagados

Estava em deslocamento para o Engenhão e acompanhava pelo celular as notícias das dificuldades dos porto-alegrenses em se movimentar na cidade no final da tarde. Uma chuvarada, temporal daqueles típicos de verão, deixou a cidade um caos. Não é a primeira vez que isso acontece. É preciso atacar com urgência esse problema, comum em todas as grandes cidades. Em São Paulo, acontece o mesmo. Teremos uma Copa do Mundo em 15 meses. Imagina o papelão caso uma chuvarada deixe turistas ilhados?


Você sabia?

- Que o Flamengo efetivou a compra em definitivo do centroavante Hernane junto ao Mogi Mirim?

- Que o jogador custou R$ 1,5 milhão parcelados e teve comprado 60% dos direitos federativos?

- Que Paulo Pelaipe acredita que ainda serão necessários seis ou sete jogos para Carlos Eduardo estar pronto?

Comentários (13)

  • Paulo Jomar Torres de Freitas diz: 21 de fevereiro de 2013

    Pedro, parabéns pela narração do jogo com o Flu. Mas ainda continuo chateado com o tratamento dado a Arena por uma quantidade grande de pessoas que nunca entraram num campo de futebol. Interditar o espaço da geral é de uma incoerência inaceitável. Aliás, a Arena é tratada de maneira diferenciada por estas pessoas porque o Grêmio dá Ibope. Se acontecer alguma coisa no “campo de futebol” do Caxias domingo, quem vai explicar? Alguém já foi a jogo lá? E o Engenhão? E os demais estádios são bons? Tem que parar os campeonatos em todo o Brasil. Os dirigentes do Grêmio não podem aceitar estas imposições só pra Arena. Mais uma vez Pedrão, eu pergunto: qual é o parâmetro de estádio?

  • mika diz: 21 de fevereiro de 2013

    Lamento muito seu comentário com o sub-título “Alagados”. Na sua opinião só têm problema se a cidade ficar alagada na copa do mundo, “vamos fazer um papelão”. Ora, se coloque no lugar de milhares de pessoas que sofrem horrores a cada chuva mais forte. O imposto pago diariamente não é só pra evitar um “papelão” em 2014. Por favor!!!

  • Pedro Antonio diz: 21 de fevereiro de 2013

    Ontem,pela primeira vez vi o Gremio histórico em campo. Jogando assim como jogou ontem, combativo, interessado, atento, o Gremio torna-se um time duro de ser batido. Aquele que perdeu semana passada não é o Gremio, é um time qualquer, sem brios e sem história.

  • Fabricio diz: 21 de fevereiro de 2013

    A vitória foi fantástica! Belo jogo! mas não podemos nos enganar, precisou o KOFF ir ao vestiário e botar ordem na casa. O Luxa não é copeiro! Ainda dá tempo de sermos campeões, tragam o Mano!

  • fabio diz: 21 de fevereiro de 2013

    OLÁ PEDRO,GOSTARIA DE COMENTAR SOBRE O JOGO DA MAQUINA TRICOLOR ONTEM O GRÊMIO RELEMBRO O VELHO E IMORTAL TRICOLOR,GOSTARIA DE FALAR DE BARCOS MAS NÃO PELO JOGO MAS SIM PELO PROFISSIONALISMO QUE TEVE PERDER UM FAMILIAR QUERIDO ELE PODIA TER PEDIDO DISPENSA MAS NÃO E OLHA O QUE ELE FEZ,PODE TER CERTEZA ELE JÁ É IDOLO PELO CARATER ALÉM DE JOGAR MUITO,E COMO SEMPRE SUA NARRAÇÃO FOI DEMAISSSSSSSSS,VALEU PEDRO E DOMINGO SERÁ A VEZ DOS VERMELHOS ABRAÇO.

  • Gilberto diz: 21 de fevereiro de 2013

    A vitória do Grêmio no Engenhão apenas confirma o que está acontecendo em quase todos os jogos de início de temporada: nessa época em que os times ainda estão se organizando, é sempre melhor estratégia jogar fechado, no contra-ataque, explorando os erros dos adversários. Time que joga em casa quase nunca consegue impor seu futebol e encurralar o seu adversário nessa época, porque faltam o fôlego e o passe preciso, ambos decorrentes do estágio de preparação física em que os elencos se encontram. E o Inter, se for esperto, pode tirar proveito de jogar todas as partidas fora de casa neste ano, ao atuar sempre assim: fechadinho e em contra-ataque. Poderia começar pelo GRENAL de domingo…

  • LAERT diz: 21 de fevereiro de 2013

    Caro Pedro, um resultados desses obtido contra o campeão brasileiro, em sua casa, é algo que merece uma comemoração duradoura.
    Há muito tempo que um time gaúcho não ganha de 3 a 0 de um campeão e com direito a olé. Ficou claro que o Fluminense, após a derrota surpreendente do Grêmio, dentro de casa, substimou o time gremista.
    Já eram favas contadas. Mas futebol não é assim. Primeiro tem que se ganhar de um time para depois tripudiar sobre o resultado. O Fluminense e o intragável Abel já consideravam o jogo ganho, mesmo antes de acontecer. Mesmo considerando que o primeiro gol foi contra e que o segundo foi impedimento, não se pode tirar o mérito do domínio gremista durante os 90 minutos. Esse é um Grêmio cheio de artilheiros. Isso faz a diferença. Ter zagueiros artilheiros, meio campo artilheiro e ataque artilheiro, faz uma grande equipe. Kleber e Marcelo Moreno não chegam nem perto de um ataque com Barcos e Vargas e mais André Santos. E Dida é melhor que Marcelo Grohe, sobretudo nas bolas altas. Dida tem mais estatura e isso é fundamental para um goleiro. Acho que o Grêmio devia investir tudo na Libertadores e deixar o gauchão de lado, escalando os reservas, pois afinal de contas, não se investiu milhões para ser campeão gaúcho, mas sim pela Libertadores. Já pensou lesionar Barcos no grenal?

  • Gustavo diz: 21 de fevereiro de 2013

    Incrível, mas ninguém está comentando que o André Santos ESTAVA COMPLETAMENTE IMPEDIDO no 2º gol. Se marcado, talvez o Flu ainda reagisse!!

  • valentim diz: 21 de fevereiro de 2013

    Olá, Denardin

    - Vamos controlar a emoção depois de uma boa vitória. Ainda precisamos ver o comportamento da equipe em outras situações. O fluminense foi erradamente escalado e se ferrou. Precisamos ainda ver o “dida” trabalhando o próximo grenal será um bom teste. Abraço.
    .

  • heloisa diz: 21 de fevereiro de 2013

    Pedro!…Uma perguntinha: até quando o Barcos vai comemorar gol que não faz?…Desse jeito ele logo, logo, ultrapassará os 28 gols na temporada!…

  • heloisa diz: 21 de fevereiro de 2013

    Pedro!…Outra perguntinha: o Barcos não vai jogar o grenal por que ainda está de luto pelo cunhado, ou por que está com vergonha de se encontrar com o árbitro Jean Pierre Lima por causa da presepada da “mãozinha”?…

  • Jeferson GG diz: 22 de fevereiro de 2013

    heroísa vai cuidar do teu remendo br deixa o BARCOS comemorar junto com os Gremistas os seus pseudo gols, lá no final o que vale é o que o juiz coloca na sumúla. Vai cuidar dos bichados coloridos enquanto nós jogamos libertadores vcs tem que subir serra para jogar gauchão cuidado com a altitude do salto alto dos jogadores coloridos. KKKKK Não tem preço ver a cara de bunda do Sóbis queridinho dos coloridos a beira de campo fazendo beicinho de choro, parece um guri cagado que caiu do caminhão de mudança. Narração do Pedro Ernesto é imbatível ela é demaaaaaiiisss.

  • Jeferson GG diz: 22 de fevereiro de 2013

    Sr. Pedro Ernesto, como jogaram com fibra esta partida contra o Flu os jogadores Gremistas merecem um descanso nos próximos dias mas só depois de garantir uma classificação as quartas de final do gauchão, é um campeonato sem muito atrativo mas que para o torcedor tem importância sim não viu os sci o ano passado não chegou nem perto da LA, nem do CB mas se contentaram com o gauchão que viram atrás da moita, e isso é o que importa.

Envie seu Comentário