Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Enderson, dirigentes e alguns jogadores perderam o crédito no Grêmio

02 de maio de 2014 10

Toda a tensão criada em torno da manutenção do departamento de futebol e da comissão técnica do Grêmio após a eliminação a Libertadores não tem razões localizadas nesta competição. Por mais que o Presidente Fábio Koff, com algum atraso, tente diminuir o Gauchão, foram os Gre-Nais que desestabilizaram a vida gremista. Houve um decréscimo de qualidade na equipe desde a derrota no clássico da Arena, mesmo com atuação destacada após isso em Medellin. Veio, porém, a goleada sofrida em Caxias.

O crédito do técnico, dos dirigentes e de alguns jogadores se foi. Não houve uma partida reanimadora desde então. Falar em trocas se tornou lógico. Não mudar é uma opção de convicção que valoriza a boa campanha no torneio sul-americano, mas que mantém muita gente na alça de mira.

Raposa

A passagem do Cruzeiro às quartas-de-final da Libertadores teve traços de heroísmo com gols no fim do jogo e jogador a menos. Tudo isso  na casa do Cerro Porteño. Seria normal apostar no campeão brasileiro como favorito daqui para a frente. Mas a campanha deixa dúvidas.

O desempenho visto até agora é bem inferior ao do Brasileirão. A classificação na primeira fase foi chorada. O grupo qualificado e a tradição copeira podem ser fatores para o otimismo mineiro. Jogar em casa a decisão contra o San Lorenzo também ajudará.

Enrolação

Mais uma para a coleção de atrasos que ronda a Copa em Porto Alegre. O centro de distribuição de ingressos que seria aberto hoje não tem aprovação do Corpo de Bombeiros e segue fechado. Parece piada, e de mau gosto. Depois de enxurrada de discursos e promessas, nada fica pronto. Nenhum prazo foi cumprido, e o jogo de empurra campeia solto.

Porto Alegre não está muito diferente das outras sedes, mas isso não pode ser consolo aos gaúchos. O Brasil, a cada dia, dá prova de incompetência. A Seleção do Felipão e a galera nos estádios é que terão que salvar a grande festa.

 É demais!

Baita notícia para o futebol gaúcho a vitória do Novo Hamburgo sobre o J.Malucelli na Copa do Brasil. Ontem, no Estádio do Vale, fez 1 a 0. Mesmo que a vantagem seja mínima, o empate classifica no jogo de volta semana que vem.

É importantíssimo ter outros clubes do Estado no cenário nacional. Essa competição é boa para isso. O melhor exemplo foi o Juventude.

Comentários (10)

  • Paulo Freitas diz: 2 de maio de 2014

    Pedro, os “entendidos” de futebol pedem saída de treinadores, demissão em massa, sugerem jogadores, táticas, etc. e o nosso futebol continua de mal a pior. Exaltam resultado de um jogo como se fosse definitivo e com isso atrapalham o planejamento a longo prazo. Tudo isso é feito com muita normalidade no Brasil e o futebol continua péssimo em todos os sentidos. Não resolve os palpiteiros. Então onde deverá estar o problema? Só nos clubes? Na organização? E os “fazedores de opinião”? Responsabilidade é fundamental para todos os envolvidos nessa “decadência” nefasta, inclusive a mídia. Senão a “amostragem ilusória” do campeonato carioca continuará sendo parâmetro. É o que é mostrado na maioria das vezes (transmitido) para todo o país. Ninguém está fora do barco de casco rachado.

  • Renato diz: 2 de maio de 2014

    Concordo em parte com as críticas ao Barcos. entendo também que deveria ser mais efetivo. Porém, é difícil no Grêmio a vida dum centroavante. Durante os 93 minutos do jogo contra o SL, não tivemos nenhuma jogada de cruzamentos da linha de fundo feita pelo nosso lateral direito e uma ou duas pelo nosso??? lateral esquerdo. Se não temos este tipo de jogada e insistimos e não ter, parece óbvio que temos que mudar o estilo dos atacantes. Não é modelo para o Barcos ou qualquer outro centroavante. Um meia adiantado faria melhor efeito. Mas o melhor mesmo seria tirar logo o Pará e colocar um treinador que faça o time ter jogadas preparadas para isto. Ontem até o time do Cuiabá apresentou jogadas que nós não temos. Treinadas e ensaiadas. Parece que isto está faltando ao time do Grêmio. Sugeriria ao Enderson que olhasse gravações do time do Tele Santana e do Felipão quando treinaram o Grêmio. Ele iria aprender muito sobre este assunto.

  • Jesus diz: 2 de maio de 2014

    Senhores,
    Não é possível o que acabo de escutar no rádio…

    Alguns torcedores estão fazendo coisas acima da linha da racionalidade.
    O jogador Barcos está sendo abordado na rua, inclusive com sua filha de colo por torcedores. O mesmo relatou que teve seu veículo balançado por cinco torcedores.

    NÃO PODEMOS NOS TORNAR UM NOVO CORINTHIANS!!!
    Precisamos nos mobilizar para mudar outra coisa… O jogador é contratado pelo clube, ele não tem hoje nem 50% da culpa pelos resultados ou a falta deles, ao longo de mais de 10 anos. A culpa é da Direção!!!

    Elano e Marcelo Moreno, que ainda são jogadores do Grêmio, têm seus salários repartidos conosco e o clube onde estão jogando. Isto está correto? Tá louco, é uma calamidade! E os jogadores do Grêmio que estão em Porto Alegre e que ganham dinheiro de caminhão todo mês?

    Precisamos mudar a maneira como o Futebol do Grêmio é dirigido.
    Hoje no Grêmio, temos o Deputado Odone, que torce diariamente para o fracasso de Koff e sua Equipe. Ele é bem mais novo que o atual Presidente, e isto significa que ficará “mamando” nas tetas do Grêmio, por pelo menos mais 15 ou 20 anos. Digo isso, porque ele não ganha nada nunca, e é sempre lembrado, para com sua pujança, assumir a Presidência. O Grêmio não é propriedade de ninguém! Ele é nosso, de todos nós…

    Quero que o Grêmio faça URGENTE o que o Inter fez e resultou em duas Libertadores e um Mundial… MUDOU COMPLETAMENTE O CENÁRIO DE SEU QUADRO DE CONSELHEIROS.

    Deram um Choque de Gestão… Gerou bate boca, mostraram cofres vazios na TV e botaram a cara a tapa, mais pessoas passaram a votar nas eleições do clube, pessoas que queriam GANHAR e virou um time do povo. Fizeram vários fiascos nacionais… Aceitaram a exposição, para lá na frente, poder ganhar. Até “gato”, com a rede de fios na energia elétrica, foi detectado no Beira Rio. Salas do estádio, que por pouco não virou propriedade de terceiros por usucapião. E daí? Depois deu no que deu… Ganharam títulos! Chega de quase alguma coisa. Todo o ano, QUASE GANHAMOS alguma coisa.

    A MUDANÇA TEM DE ACONTECER NA ESTRATÉGIA E NAS PESSOAS QUE DECIDEM! E não tem nada a ver com o tal do Departamento de Futebol, trata-se de algo muito maior…

    Mas, caros amigos, acima de tudo… NÃO DEIXE QUE ATAQUEM OS JOGADORES PELA DERROTA! Precisamos realizar coisas dentro de limites da racionalidade, e que tem nos tornado no estado Gaúcho, um modelo cultural ao país em muitas oportunidades.

  • Marco Marcola de Marco diz: 2 de maio de 2014

    E sobre o empate em Cuaiaba? e sobre os melhores nada? Abelão, Wiliann tudo mil maravilhas não é…sei que pra ti, ver a frustração dos Gremistas é bem maior que qualquer vitória ou derrota do time do coração. Te delicie Pedrão.

  • silvio jaime fernandes diz: 2 de maio de 2014

    Olá Pedro:…..
    Até agora não vi minha postagem da manhã……
    Infeliz o comentário do “marco marcola de marco”…..
    Entretanto, os comentários do Jesus – Renato e Paulo Freitas, são sensatos.
    Ainda bem que de vez em quando leio algum comentário que preste nestes blogs. 99% são críticos pela crítica. Adoram fazer “terra arrasada” – ofender jogadores e/ou treinador. Até passam dos limites …..
    O furo nos Clubes é mais embaixo. Os dito comentaristas do “nobre esporte futebolístico” adoram riscar o fósforo e deixar pegar fogo. AH:….e assim conseguem “vender” mais…..Nunca leio uma reportagem e/ou comentário que seja investigativo. Que possua propriedade, conteúdo…..Por que se omitem em denunciar os tais “empresários/mercenários/aliciadores que com a conivência das Diretorias, são donos dos “direitos federativos” dos jogadores desde as Categorias de Base ???……Que treinador consegue desenvolver um resultado a médio e longo prazo, tendo que “escalar” quem previamente é determinado por esta corja ???….Apenas um exemplinho:….O todo poderoso Grupo Sonda…..Quantos apelos foram feitos para colocar o Cleber no banco ???….Agora acabei de ler que este “Grupo ?!” está tentando ajudar o INTER a contratar Aránguiz mas colocam reticencias quanto a idade do jogador (pasmem:…25 anos) e ainda afirmam que estão atrás de um atacante “ideal” para o Clube.
    Gente…atrás de um teclado qualquer um é “entendido” ….qualquer um diz o que quer…O duro é encontrar alguém que questione os bastidores…..

  • neni diz: 2 de maio de 2014

    olha criticar é uma coisa mas quebrar vidros no estádio olimpico e confrontar jogador com sua filha é o fim pedro pra mim tá tudo errado no grêmio mas não justifica esses absurdos.

  • Jack Summer diz: 2 de maio de 2014

    Marco Marcola de Marco, mimimimimimi……
    CHORA PERDEDOR BI-REBAIXADO, CHORA !

  • Farias diz: 3 de maio de 2014

    Muitos falam que falta jogadas para o Barcos, que devia haver cruzamentos vindo da linha de fundo para a cabeçada do Barcos. Mas o que não estão vendo, é que nem chute de fora da área está havendo. Preferem irem tabelando até o goleiro, com isso perdemos gols infantis, tem de parar com essa mania de quererem fazer o “gol da equipe”, primeiro ganhem o jogo depois façam as firulas que quiserem.

  • Laisa diz: 4 de maio de 2014

    Oi,Pedro Ernesto,
    Vocês,colorados, sempre veem o Inter maravilhoso e criticam demais o Gremio. O Grêmio jogou e joga duas partidas por semana, viaja nos intervalos e ninguém vê isso!!
    Nossos jogadores são melhores que muitos ….que estão por ai. Será que eles perderiam do Cuiabá? Sem querer desmerecer esse time! O Gremio todos os anos está bem na tabela das competições. Sempre na Libertadores, ai, um colorado me diz com a garganta entalada: “Mas não ganha!!” Bem, mas está lá! Tem gente que precisa olhar de binóculos. No segundo jogo do Brasileirão, os comentaristas colorados gritavam:”Mais uma vez o Gremio não ganha!!!!”Nos intervalos deveriam bater palmas e mandar “mandinga” para o nosso Gremio!! Xo, colorados!!!
    Um abr gremista pra ti, Pedrão
    Laisa

  • Sinceramente diz: 6 de maio de 2014

    QUAL BOA CAMPANHA? Ser eliminado nas oitavas não é boa campanha. É fracasso retumbante, que demonstra que todo o resto foi enganação. E os grenais escancararam o pior: time sem alma, sem qualidade, sem brio, sem vontade, sem raça…e técnico prostrado e sem inteligência.

Envie seu Comentário