Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts com a tag "Copa do Mundo"

Inter recomeça o Brasileirão com mudanças no meio

15 de julho de 2014 24
 Fernando Gomes / Agência RBS

Fernando Gomes / Agência RBS

Abel Braga montou seu time no primeiro semestre com os quatro tenores no meio-campo e só um volante. Com a repetição dos jogos, ele se deparou com a dificuldade de ter todos os jogadores em campo. Para o jogo de quinta, não terá Aránguiz, que voltou lesionado da Copa, e Alex, que convalesce de lesão muscular. Neste caso, precisa mudar muito. Pode ser João Afonso ou Cláudio Winck, uma proposta bem mais defensiva para encarar o Timão no Itaquerão.

Felipão
Fez muito bem o treinador brasileiro em deixar a Seleção. Quem toma 10 a 1 no curto espaço de quatro dias tem que pegar o boné e se mandar. Felipão, com seu passado glorioso e de grandes títulos, estava sendo ridicularizado pela imprensa do país com seus discursos tentando defender o indefensável. Ele é um homem riquíssimo. Vai perder muito dinheiro que não fará nenhuma falta. Agora estou curioso para saber quando o treinador voltará ao futebol.

O retorno
A Copa do Mundo já é passado. Estamos de volta à realidade com o Brasileirão e a Copa do Brasil neste segundo semestre. Os clubes tiveram 40 dias para fazer a chamada intertemporada. Olhando de longe, penso que o Grêmio aproveitou melhor. Sua direção fez quatro contratações e seu diretor de futebol entende que o time está em condições de disputar o título.

O Inter foi mais modesto nas contratações – talvez por não precisar por já estar com o grupo pronto, mas seus amistosos foram terríveis. Perdeu para o Metropolitano e para o Novo Hamburgo. Claro que sei qual a atitude dos jogadores em amistosos e a diferença quando estão nas partidas oficias. Mesmo assim, o torcedor fica preocupado. É um recomeço. Espero que a Dupla Gre-Nal tenha bom desempenho.

Sempre Messi e sua tradicional arrancada

02 de julho de 2014 8

O mundo se preparava para assistir às cobranças de pênaltis no enfrentamento entre Argentina e Suíça. Os jogadores suíços tiveram enorme precisão na marcação do supercraque da Argentina durante todo jogo. Tiraram-lhe o espaço e quase lhe tiraram a respiração. Mas para Messi não precisa muito.

Um minuto antes de terminar a prorrogação, um pequeno e fatal descuido dos suíços. Messi deu sua arrancada tradicional deixando dois marcadores para trás. Mas, como outros dois se apresentaram na marcação, o craque empurrou a bola para Di Maria. Ele ficou pifado e concluiu com precisão. A Argentina conseguiu, num jogo difícil, classificação para as quartas de final. A Argentina tem o papa Francisco e o atual deus do futebol. Messi, sempre Messi.

Consequências
A forte marcação feita pelos zagueiros chilenos sobre Neymar trouxe duas consequências importantes. A primeira é que entre as seleções que já ganharam título mundial, a única que se classificou nos pênaltis para as quartas de final foi a Brasileira. A outra consequência está nas pernas de Neymar. Bateram muito no grande jogador brasileiro. Ele não consegue treinar na granja Comary.

Os médicos garantem que ele estará em campo na sexta-feira aqui em Fortaleza. Por certo, terá prejuízos na sua impossibilidade de se manter treinando com seus companheiros. E nós sabemos que, sem Neymar, as chances de sucesso da nossa Seleção despencam num precipício.

Demmmaaaiissss
Segundo a Secretaria de Turismo do Rio Grande do Sul, o número de turistas no Estado nos dias dos cinco jogos da Copa do Mundo em Porto Alegre foi 350 mil. Muito acima da expectativa. Gastaram mais de R$ 1 bilhão. Os hotéis tiveram ocupação de 80% num raio de 200km de Porto Alegre. Some-se isso à visibilidade que a cidade ganhou com a competição e veremos que a cidade ganhou muito. E o povo foi espetacular. Porto Alegre é demais.

De menos
Os desentendimentos acontecidos nos estádios não chegam a ser muito preocupantes, mas são a nota ruim da Copa. A Fifa vende ingressos sem estabelecer locais das torcidas. A proximidade de torcedores leva alguns exaltados a discussões que atrapalham o espetáculo. Mas como não existe a presença de torcidas organizadas, nada vai além de bate bocas e empurrões.

Adversário
Parei para pensar qual seria o melhor adversário para o Brasil na semifinal, admitindo a vitória sobre a Colômbia na sexta-feira, aqui em Fortaleza. Não consegui chegar a qualquer conclusão pela verdadeira paridade das seleções. Não há o bicho papão, o grande favorito. Nesse caso, volto a tratar das dificuldades que teremos contra a Colômbia. A Seleção Brasileira precisa jogar mais.

Carpideiras
Em 2002, a imprensa resolveu chamar a Seleção Brasileira de família Scolari. Era a certeza da forte influência do treinador sobre os jogadores. Este ano, Luiz Felipe não consegue dar à Seleção um bom rendimento.

E os jogadores choram na hora do Hino Nacional, choram antes dos pênaltis, choram depois dos pênaltis, com a emoção de uma classificação dramática. Choram muito. Estamos diante das carpideiras do Felipão. Espero mais futebol e menos choro na sexta-feira.

Clic do dia

AFP

AFP

Copa do Mundo, além do futebol, é alegria e integração dos povos. Ontem, a classificação argentina para as quartas de final, obtida em São Paulo, foi comemorada com muito bom humor pelos hermanos que estavam nas areias de Copacabana, no Rio.

 

Júlio César foi o grande acerto do Felipão

30 de junho de 2014 30

Júlio César salvou o Brasil. No jogo e nos pênaltis.  Felipão apostou neste goleiro quando todo o Brasil mandava contra depois do fracasso na África do Sul.  Este o grande acerto do treinador Luiz Felipe Scolari. No resto fica difícil elogiar o treinador. A Seleção Brasileira não consegue jogar sequer razoavelmente. Não tem triangulações, não tem jogadas ensaiadas, não tem nada no seu conjunto. São quatro jogos na Copa um pior do que o outro. Parece ter perdido a energia, a força, o jeito Felipão de ser. Esta muito distante do treinador que já aplaudimos.

 

Deficientes

Por não ter um jogo coletivo de qualidade as individualidades brasileiras sucumbem. Jogadores que são protagonistas no seu clube não conseguem jogar na seleção. Problema que o treinador deveria resolver. Daniel Alves,  Oscar, Fred, entre outros, são insuficientes e nada contribuem para o time.  Mas o técnico não os retira do time. Não da para pensar numa melhora importante e nem para prever até onde vai o Brasil nesta Copa.

 

Treinamentos

Os reportes que trabalham junto a Seleção Brasileira na Granja Comary denunciam alguma semelhança com a preparação feita  a Alemanha.  Entra parente de jogador, entram meninos, entram reportes com uma emissora sendo beneficiada. Felipão da notícias exclusiva para esta emissora e as outras ficam por fora. Dunga não fez isto. Arrumou muita bronca mas foi justo. Felipão lembra Parreira. Treina pouco e permite muita festa.  Isto pode ajudar a explicar o mau desempenho nesta Copa do mundo.

 

Demaaaaiiisss

Júlio César fez uma despesa espantosa no segundo tempo. Um chute mortal de Aránguiz.  Nos pênaltis fez duas defesas maravilhosas.  Foi o grande protagonista numa tarde que nem Neymar jogou.  Ele tem a maior contribuição para a dramática classificação brasileira. Suas lágrimas na entrevista final são justificadas pela volta por cima que ele conseguiu dar. A aposta do Felipão funcionou até agora.

 

De menos

Fred da todos os ares de ex-atleta. Meio gordo, distante das jogadas , facilmente marcado e contribuição beirando o zero.  No seu lugar Felipão bota Jô. O que era ruim fica ainda pior. Temos a séria crise de centroavantes no futebol brasileiro.

 

Colômbia

O próximo adversário brasileiro não é nenhum grande time, mas joga em alta velocidade. Como os times Sul-americanos, padece de começo de inferioridade em relação ao Brasil. Mas jogando como está, qualquer jogo contra a Seleção Brasileira é uma grande encrenca. Não ouso afirmar que somos favoritos. Acho que o jogo de Fortaleza será um novo grande drama para o torcedor brasileiro.

Vida ou morte: a Seleção Brasileira não pode perder

28 de junho de 2014 12

Terminou o recreio. A primeira fase é suave. Dá para perder, empatar e ainda classificar. Nela, os adversários são quase sempre mais fracos. Neste sábado, começa a fase de oitavas de final. O jogo é contra o Chile, que tem uma seleção muito respeitada pelo técnico Luiz Felipe Scolari. Só que o maior problema é ser este um jogo eliminatório. Qualquer erro, qualquer descuido, um erro de arbitragem pode ser fatal. E será assim daqui para a frente. O campeão do mundo terá de passar por quatro jogos eliminatórios. Será preciso ter competência e boa dose de sorte. Adiante Brasil.

Mistério

A substituição de Paulinho por Fernandinho está sendo considerada certa. O mistério montado por Luiz Felipe está na lateral direita. No treino realizado na granja Comary, o primeiro tempo foi de Daniel Alves. Depois foi a vez de Maicon, que errou tudo e até gol contra marcou.

Neste caso, o mistério pode ser por dúvida real. Daniel tem jogado muito mal e Maicon tem treinado pior ainda. Só uma hora antes do jogo que saberemos quem joga.

Clausura
A seleção chilena está concentrada na Toca da Raposa, local de treinamento e concentração do Cruzeiro. Só abre por regulamento da Fifa, que exige a presença da imprensa por 15 minutos. Daí em diante, tudo é fechado. Um processo de clausura, no qual os jogadores colocam foco na necessidade de fazer história. Este é o perigo que corre a Seleção Brasileira.

Que o Chile recupere a autoestima saindo da condição de freguês para buscar um fato histórico. Para isso, Jorge Sampaoli é um mestre.

Semelhança
A Copa do Mundo remete a semelhanças impressionantes com a Copa Libertadores. Nesta competição, os campeões, os famosos, os mais ricos, foram eliminados. Até o Bolívar continua na competição, mas os brasileiros, por exemplo, investindo milhões, estão eliminados.

Na Copa, alguns campeões de mundo foram eliminados na primeira fase dando lugar para Costa Rica,  Colômbia, México, entre outros. A conclusão é que não adianta gastar muito quando não se tem bom critério e que camisa não ganha jogo.

Demmmaaaiiissss
A Copa do Mundo é um espetáculo tão emocionante que faz as pessoas disputarem um ingresso a tapas. Os cambistas estão vendendo ingressos a R$ 5 mil para o jogo deste sábado. E o que mais surpreende é que, apesar do preço astronômico, não faltam compradores. Por falta de espaço nos estádios, a Fifa criou a Fan Fest, que também se tornou um grande sucesso.

De menos
A Copa do Mundo de 2022 pode sair do Catar. São muitas denúncias informando que esse pais tenha gasto mais de US$ 11 milhões (perto de R$ 25 milhões) de propina para dirigentes da Fifa. Um escândalo que precisa ser consertado sob pena de o produto futebol perder muito em credibilidade.

Já não são poucos os rumores de interferência de patrocinadores no futebol. Claro que muito é viagem das pessoas, mas essa questão da Copa do Catar precisa ser resolvida.

Click do Dia

AFP

AFP

Um jovem torcedor brasileiro conseguiu driblar a segurança e abraçar o meio-campista da França Moussa Sissoko, no treino de sexta-feira, no Estádio de Santa Cruz, em Ribeirão Preto.

Punição da Fifa a Suárez foi cruel

27 de junho de 2014 14

Porto Alegre vai rever mais uma seleção campeã do mundo. Mais uma grande festa para nossa Capital. Os alemães são colonizadores do Rio Grande do Sul. Até hoje temos muitas pequenas localidades onde as pessoas só sabem falar em alemão. As cidades firmadas por estes imigrantes são limpas, graciosas, gostosas de se visitar. Receber a seleção da Alemanha tem um significado cultural da maior importância. E o time alemão é candidato ao título, o que encaminha a certeza de mais um grande jogo.

Exagero

Achei uma crueldade da Fifa com a punição a Luis Suárez. Claro que ele protagonizou uma grosseria mordendo o zagueiro italiano. Mas Neymar deu um cotovelaço num croata e só recebeu um cartão amarelo. Não seria o caso do Comitê Disciplinar ter intervindo neste caso e aplicar a punição merecida? Em todo caso, a entidade deixou claro que não vai admitir mais indisciplina na Copa do Mundo. Os velhinhos pegaram muito forte no caso Luis Suárez.

Trocas

Fernandinho por Paulinho era uma certeza. O jogo contra Camarões deu motivos de sobra para Luiz Felipe Scolari promover a alteração. Pela deficiência de Paulinho e a eficiência de Fernandinho. Na lateral-direita, Felipão colocou Maicon no segundo tempo e retirou Daniel Alves. O treinador faz mistério, mas é provável que ele mude aí também. Quando um time joga pouco, as alterações são impositivas. Todo treinador sabe disso.

Primeira fase

A fase de grupos da copa do mundo foi encerrada ontem. A Rússia, de Fábio Cappelo, não passou da primeira fase. Em 2018, a copa será lá. Espanha, Itália, Portugal e Inglaterra fizeram parte do fracasso europeu. Costa Rica, México, Uruguai, Chile, Estados Unidos e Colômbia representam o sucesso das Américas. Agora é mata ou morre. Amanhã, teremos o Chile pela frente.

De menos

Cristiano Ronaldo passou por sua terceira Copa sem chamar atenção e muito distante do grande jogador que sabemos que ele é. Pode ser que tenha se esgotado demasiadamente nos jogos finais da Champions League, da Europa. Inclusive, teve uma lesão importante que quase o tirou do primeiro jogo do Mundial. Mesmo assim, o mundo esperava mais do grande craque que foi eliminado com Portugal.

Demais
Comovente a forma como a Argélia conseguiu sua classificação contra a Rússia. Saiu perdendo, foi atrás do empate e conseguiu. Por consequência, confirmou uma classificação heróica. Joga na segunda-feira em Porto Alegre e deve ser eliminada pela Alemanha. Mas o time entrou na história indo para as oitavas de final.

Clic do Dia

Nelson Almeida/AFP

Nelson Almeida/AFP

Aconteceu pela segunda vez nesta Copa. Depois do meia belga Witsel, agora foi a vez do volante alemão Schweinsteiger beijar sua namorada, Sarah Brandner, após a partida de ontem, diante dos Estados Unidos.

Espero que o Brasil volte a jogar bola

23 de junho de 2014 9

Espero que o Brasil comece a jogar um bom futebol hoje aqui em Brasília. Espero que nossos laterais - Daniel Alves e Marcelo - consigam atuar como em seus poderosos clubes. Espero que Paulinho tenha se lembrado dos bons jogos que realizava no Corinthians. Espero que Hulk volte a ter a intensidade que mostrou na Copa das Confederações.
Espero ainda que Fred tenha aproveitado o tempo depois das duas péssimas atuações que teve e consiga marcar algum gol. Do Neymar espero apenas que seja o Neymar de sempre. Se tudo isto acontecer, o Brasil faz goleada em Camarões e segue com confiança na Copa do Mundo.

Uma nota só
Quem assistiu aos jogos do Brasil e da Argentina viu uma semelhança muito forte entre as duas seleções. No Brasil tudo passa por Neymar, e na Argentina tudo passa por Messi. Isso é suficiente para a primeira fase. Apesar de jogarem muito, pouco conseguem ir levando.
No entanto, logo depois tem a fase eliminatória e adversários mais qualificados. Vão precisar mais. Muito mais. As duas seleções estão preocupando seus torcedores.

Porto Alegre
Nós porto-alegrenses não podemos nos queixar. O terceiro jogo entre Argélia e Coreia do Sul era encarado como o patinho feio dos cinco jogos da Copa do Mundo no Beira-Rio. Dentro do campo de jogo foi um espetáculo. Uma partida de seis gols, de muita movimentação, que, inesperadamente, foi de muita qualidade. Ainda temos dois jogos. Ou seja, muitas emoções ainda estão reservadas para a capital gaúcha.

Risco
O número de argentinos que vai estar em Porto Alegre ninguém sabe precisar. Todos concordam que não será menor do que 50 mil, podendo passar dos 100 mil torcedores. A maioria sequer tem ingresso. A Fifa sabe que é jogo de alto risco entre Argentina e Nigéria.

Teremos o reforço de 600 policiais para cuidar de tudo. Para se dar uma ideia do que é esse reforço, ele é igual ao número de policiais de um Gre-Nal. Não é pouco, mas o risco de desordens é muito grande.

Demais
As seleções sobre as quais pouco se esperava têm sido a nota marcante desta copa. Costa Rica é o maior de todos os destaques. Bateu forte no Uruguai e na Itália. A Colômbia faz grandes festas com 40 mil torcedores e dentro do campo despacha seus adversários.
O Chile, segundo os próprios chilenos, tem a melhor geração de jogadores da história. E ainda tem Jorge Sampaoli, um treinador revolucionário e inquieto. Pode ser adversário do Brasil. O Irã encarou a Argentina, Gana empatou com a poderosa Alemanha. Até onde vão, não sei. Mas que estão surpreendendo isso é verdade.

De menos
O grande problema da Copa está localizado nas arbitragens. O nível é desesperador. Não cabe aqui enumerar os erros por não haver espaço. Em quase todos os jogos são cometidos equívocos inaceitáveis. Me dá saudade até do Gaúchão. Posso afirmar que os árbitros gaúchos erram muito menos do que seus colegas da Fifa, que comentem absurdos na competição mundial.

clic-do-dia-pedro

AFP

Clic do Dia
Na Copa do Mundo há espaço também para o romantismo. Que o diga o meia belga Witsel que, terminada a partida entre a sua seleção e a russa, correu em direção ao público e comemorou com um beijo em sua namorada.

Temos chance de chegar ao título

21 de junho de 2014 8

Costa Rica
O futebol muitas vezes esquece a lógica e nos apresenta momentos surpreendentes. A Costa Rica é o modelo da hora. Foi sorteada no grupo da morte contra três seleções que já foram campeãs mundiais. O grupo é tão complicado que foi denominado como grupo da morte.
Ninguém imaginava o que está acontecendo. Depois de ganhar com folga do Uruguai, conseguiu passar pela Itália em outra vitória surpreendente. Seus jogadores estão fazendo história. No país, a festa, segundo os jornais de lá, é completa. Todos na rua festejando os dois grandes feitos. A modesta seleção da Costa Rica é o maior fenômeno da Copa até aqui.
Autoridade
Mais do que ganhar destes dois campeões mundiais, a seleção da Costa Rica mostrou muito futebol e alguns jogadores de qualidade. Contra o Uruguai, o show ficou por conta do centroavante Campbel, que voou em cima dos zagueiros da Celeste. No jogo de ontem, o grande herói foi Bryan Ruis. Ele marcou o gol da vitória e foi o grande comandante da equipe. E ainda teve um pênalti claro sobre Campbel não marcado pela árbitro. Sobrou futebol nos dois gols.

França
Outra seleção que faz um bom caminho na Copa é a França. Começou ganhando de Honduras em Porto Alegre e ontem fez goleada de 5 a 2 na Suíça. O grande nome do time é Benzema.
O selecionado francês estava em dívida com seu país porque na Copa da África protagonizou um fiasco estupendo. Foi eliminado na primeira fase, em meio a uma crise lamentável entre treinador e jogadores. Este ano parece que vai longe.

Colombianos
O que se viu aqui em Brasília, onde estou esperando a Seleção Brasileira para seu jogo de segunda-feira, foi um dos maiores espetáculos desta Copa. Segundo o Luciano Périco, eram 40 mil torcedores. Era como se fosse no El Campim em Bogotá. E está valendo a pena. São duas vitórias e a certeza de que vai à frente.

Pessimismo
Concordo com a maioria das críticas que são feitas em relação à Seleção Brasileira. Mas não participo da ideia de que não temos chance de chegar ao título. Certamente, o treinador Luiz Felipe saberá ajustar o time e torná-lo mais competente. Temos time para enfrentar qualquer Seleção que esta na Copa. O jogo contra Camarões deve ser tranquilo para elevar a auto-estima de jogadores e torcedores.

Demaissss
Tecnicamente, esta Copa nos enche os olhos. São jogos muito disputados, com grandes jogadas e muitos gols. Uma outra constatação é que para cada jogo ruim temos cinco ou seis jogos de grande qualidade. Fazia tempo que não via um conjunto de partidas tão interessantes.

De menos
A Inglaterra voltou a fracassar. O milionário futebol inglês consegue ter na sua liga grandes clubes porque investe fortunas na contratação de jogadores estrangeiros. Resulta que, quando precisa montar uma seleção, sempre decepciona. Futebol se faz, também, com a formação de jogadores. A riqueza dos ingleses os fez esquecer esta máxima

Click do dia

00a1c879
As vitórias e o futebol apresentado pela Costa Rica estão emocionando os seus torcedores.

Não dá para esperar muitas mudanças na Seleção Brasileira

20 de junho de 2014 7

Esta lindo de ver o espetáculo das torcidas nesta Copa do Mundo. Difícil saber qual a melhor. Os colombianos falam em 40 mil torcedores. São alegres, extrovertidos, ruidosos. Um espetáculo à parte. Os chilenos são 30 mil. Já viram duas grandes vitórias da sua seleção.

Os mexicanos também são 30 mil. Chegaram em Fortaleza para o jogo contra o Brasil por água, terra e ar. São maravilhosos. Os argentinos são milhares. Se diz que poderemos ter 50 mil em Porto Alegre no jogo contra a Nigéria. Ainda tem os americanos que compraram 200 mil ingressos.

Os europeus tem destaque nos holandeses, que maravilharam os porto-alegrenses. A media de torcedores supera 50 mil expectadores por partida. Está bom demais.

Mudanças
Não dá para esperar muitas mudanças na Seleção Brasileira porque Luiz Felipe Scolari é um técnico conservador. Imagino que ele tire Paulinho e coloque Hernanes ou Fernandinho no lugar, e traga Hulk de volta ao time. Não acredito em nada mais do que isso.

Fred deve continuar no time porque o treinador sempre viveu com este sistema. Acho que não me engano, pelo menos observando o histórico do Felipão.

Evolução
Na entrevista coletiva de ontem, o goleiro Julio Cesar concordou com Felipão sobre a evolução do time brasileiro. Claro que ele não iria discordar de seu comandante. Eu não consegui detectar essa evolução. E, o que é mais estranho, Luiz Felipe afirmou que a evolução foi de 10%. Tomara que ele tenha razão e que a nossa Seleção jogue muito mais nas próximas partidas.

Luiz Suarez
A grande capacidade de conclusão desse atacante determinou a reabilitação do Uruguai na Copa. Depois da derrota na estreia para a Costa Rica, veio a recuperação sobre a Inglaterra. Os ingleses estão com um pé e meio na cova. Só uma monstrenga combinação de resultados pode salvar. É o segundo campeão do mundo que sai da Copa. O primeiro foi o time espanhol.

Demais
Quem você escolheria para enfrentar o Brasil nas oitavas de final ? Holanda ou Chile? Vejo perigo nos dois casos. Os holandeses têm jogadores de grande qualidade. Os chilenos têm no conjunto e na capacidade do seu treinador, Jorge Sampaoli, as suas maiores qualidades. Os dois times estão muito bem na Copa.

De menos
A invasão de torcedores chilenos na sala de imprensa do Maracanã foi um episódio isolado, mas serve de aviso aos homens que trabalham na segurança da Copa. A Fifa considera o jogo da Argentina em Porto Alegre de alto risco. As redes sociais informam que barrabravas estariam fazendo estripulias em represália ao fato de companheiros seus não terem conseguido entrar no Brasil.

Clic do dia

marfim
Na Seleção Brasileira, Julio César, contra a Croácia, e Neymar, diante do México, não resistiram à emoção de ouvir o Hino Nacional. Ontem, o volante Serey Die, da Costa do Marfim, foi muito aplaudido no Mané Garrincha pelo choro, durante a execução do hino de seu país.

Felipão precisa responder por que o Brasil está jogando tão pouco

18 de junho de 2014 12

No primeiro jogo, a vitória veio com um grosseiro erro de arbitragem. Ontem, a vitória não veio pela fragilidade técnica. Um time comum, mal estruturado, faceiro e cujo resultado significa uma pobreza franciscana. O México é um time médio, distante das melhores seleções que estão se apresentando nesta Copa. Neymar precisa ser privilegiado por uma condição tática que torne possíveis suas jogadas. Ele não pode ser mistura nesta junção de comuns. Neymar é uma ilha de talento. E só. Se ele não jogar, o Brasil padece.

Ochoa

Este é o estranho nome do goleiro que o México apresenta nesta Copa. Ele fez quatro defesas monumentais. Duvido que alguém repita um fato tão espetacular nesta competição. Este é o momento em que o goleiro pode ser a grande estrela de uma partida de futebol. Ele foi o melhor em campo. E este é o único elogio que se pode fazer para a Seleção Brasileira. Os quatro arremates foram o que de melhor aconteceu. Nada mais.

Holanda

A impressionante goleada sobre a Espanha valorizou demais o jogo de hoje em Porto Alegre. Holanda e Alemanha surgiram como os grandes times desta primeira fase. E se o Brasil for segundo e a Holanda primeira do seu grupo, este será o enfrentamento brasileiro nas oitavas de final. Deus nos livre. Pelo menos por enquanto

Limites

Estes não são os limites da Seleção Brasileira. Ela pode muito mais. Temos laterais do Barça e do Real. Os mexicanos não tem nada parecido. Nossos jogadores atuam nos melhores times da Europa. Os mexicanos, na sua maioria, no seu pais. O Felipão precisa responder porque o Brasil está jogando tão pouco. Não dá pra ficar esperando só pelo Neymar. Se alguns estão mal, basta substituir jogadores. E espera-se que alguma organização o time possa apresentar. Trabalho para o treinador, que decepciona até este momento.

De menos

Com uma grande campanha na fase de eliminatórias da Copa, a Bélgica chegou no Brasil sendo uma das expectativas mais promissoras. Mas no primeiro jogo foi mal. Enfrentou a Argélia completamente retrancada e não conseguiu apresentar bom futebol. Ganhou por 2 a 1, mas deixou uma impressão menor do que aquelas que se apresentaram bem na primeira rodada.

Demais

A Copa está demais. Grandes jogos, muitos gols, estádios lotados, milhares de turistas colorindo as ruas das principais cidades brasileiras. Tudo tem funcionado bem. Mas seria importante lembrar que a confraternização dos povos é marcante. As pessoas convivem com civilidade nos estádios e nas ruas.

Mexicanos

Eles saíram radiantes do Castelão. Um empate com sabor de vitória. Eram 30 mil. Cantavam suas músicas, carregavam seus sobreiros, eram acompanhados de linda mulheres. Vieram de navio, de avião, do jeito que foi possível. São alegres, carinhosos e amam seu país, apesar das grandes dificuldades que enfrentam. Principalmente na guerra contra o narcotráfico. Dá gosto de ver a torcida mexicana.

Clic do dia

00a198b1 O Brasil literalmente sucumbiu à forte e eficiente marcação mexicana.

Hulk ou Ramires?

17 de junho de 2014 10

O atacante brasileiro é duvida. Pode não começar o jogo de hoje contra o México. Ramires deve ser seu substituto. Muda o esquema da Seleção Brasileira. Hulk é força e velocidade, além de ser um atacante. Ramires joga mais atrás, com mais técnica, protege melhor defensivamente, mas ataca muito menos. Sobraria para Oscar a tarefa de se juntar aos atacantes.

Para Ramirez, uma função pelo lado mais defensiva. Não há outro jogador com a característica de Hulk. Ontem ele ficou no hotel fazendo tratamento. Fez exame de imagem e não há problemas. Deve jogar. Senão, como expliquei acima, muda o time brasileiro na sua forma de atuar.

Praticidade
A Alemanha enfiou uma goleada em Portugal. Mostrou a forma prática de jogar, o que é histórico nos times da Alemanha, mas desta vez mostrou também jogadores de altíssima qualidade. Müller fez três gols. É o goleador da Copa. Jogador maravilhoso.

Mas tem Özil, Göetze e tantos outros. Um time forte, veloz, bem posicionado e com grandes jogadores. Um verdadeiro favorito para ganhar esta Copa do Mundo.

Cristiano Ronaldo
O melhor do mundo não conseguiu jogar. Muito pela incrível efetividade do time alemão. Também pela gesto irresponsável do zagueiro Pepe, que cavou sua expulsão no primeiro tempo, deixando o time português com um jogador a menos.
Mas também ele fez muito pouco. Esteve irreconhecível.

México
Nosso adversário traz milhares de torcedores. Um grande navio ancorou na noite de ontem no Porto de Fortaleza trazendo 3,6 mil pessoas para torcer pelo México. Serão 30 mil no Castelão, é o que se diz.

E fazem muita festa com seus enormes sobreiros, uma espécie de pilha mexicana. E tem os Mariachis, grupos musicais que cantam as canções características de país. Fortaleza vive uma grande festa. Assim é a Copa do Mundo.

Demais
Os jogadores espanhóis fizeram o maior fiasco da Copa até agora. Ontem, depois de duro treinamento, fizeram um churrasco na sua concentração em Curitiba para tentar levantar o astral de todos. Amanhã, no Maracanã, joga tudo contra o Chile. Ou ganha e segue viva, ou perde e faz um fiasco histórico. O campeão do mundo e bi da Eurocopa estaria sendo eliminado na primeira fase.

De menos
Comparando os times que já fizeram estreia na Copa do Mundo com a Seleção Brasileira, dá um certo medo. A Holanda e a Alemanha, por baixo, mostram muito mais do que o Brasil. Felipão garante que vai melhorar muito. E precisa. Com a bolinha do primeiro jogo não temos condições de chegar ao ambicionado Hexa.

Clic do Dia 

00a1883c
O Português Pepe, mais uma vez, mostrou-se violento e desequilibrado, prejudicando sua seleção, com um expulsão totalmente descabida, ainda na primeira etapa.