Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts com a tag "Dunga"

Esquerda e direita

04 de março de 2013 7

Diego Forlán é mesmo diferenciado. Dirão que está arrebentando porque é Gauchão. Mas é Gauchão para todo mundo, e ele tem sido destaque. Ontem, fez dois gols maravilhosos, um com um chutão fantástico de fora da área e outro quando cortou duas vezes o zagueiro que o marcava e chutou no canto. Ele foi a figura do jogo. Deu o óbvio. O Inter foi melhor do que o Esportivo e ganhou o jogo.

A diferença entre os dois times é muito grande, e o resultado foi absolutamente natural. O pé esquerdo de Forlán no primeiro gol e o direito no segundo são apenas a confirmação dessa diferença. O Inter vai para Ijuí fazer a final da Taça Piratini no próximo domingo, contra o São Luiz.

Reunião

Dunga teria ficado sabendo de reunião dos árbitros que queriam prejudicá-lo. É dificuldade pessoal que o técnico do Inter tem. Sempre estão contra ele. No caso da imprensa, o Brasil já sabe. Para Dunga, qualquer jornalista se forma na faculdade para prejudicá-lo. Para a arbitragem, o mesmo. Eles existem para expulsá-lo. Acho que o profissional deve se dar conta de que vira o fio nas reclamações. Vai a campo para arrumar confusão e a encontra. Mas o mundo não está contra o Dunga.

São Luiz

O técnico Paulo Porto tem nas mãos um time forte e com alta capacidade nas bolas aéreas. Trata-se de uma equipe que só empatou um jogo sob seu comando. E foi contra o mesmo Caxias que ele derrotou no sábado. O jogo em questão foi na fase classificatória.

No seu estádio, o 19 de Outubro, com campo menor, o São Luiz é perigoso. Para ganhar a Taça Piratini, o Inter precisará jogar bem. O Caxias foi lá e não segurou o São Luiz. Será uma grande final.

Você sabia?

* Que o Inter gostaria de tirar a final do Estádio 19 de Outubro?
* Que Dunga não informou ninguém da direção sobre a tal reunião dos árbitros denunciada por ele?
* Que o técnico do Inter deverá escalar o mesmo time pela terceira vez?
* Que o gramado da Arena, longe de ainda estar em perfeitas condições, já está bem melhor do que contra o Huachipato?

Time titular

29 de janeiro de 2013 1

A decisão do técnico Dunga é acertadíssima. O time titular, depois de uma longa preparação, precisa jogar. Jogaria em Caxias do Sul, mas a tragédia de Santa Maria impediu a partida. Neste caso, que seja amanhã no Vieirão.

Será um jogo pelo Gauchão, mas ao mesmo tempo uma preparação para o Gre-Nal de domingo em Erechim. Não seria prudente jogar um clássico como sendo a primeira partida do ano, principalmente porque a musculatura dos jogadores vai se soltando com os jogos.

Não será um jogo fácil porque o Novo Hamburgo só somou um ponto em três jogos e precisa de resultado. Mas isso também pode ter o lado bom da exigência ao novo time colorado treinado por Dunga. Tem a estreia de Gabriel, que é uma grande atração, e tem a mão do treinador que a gente vai começar a conhecer no Vieirão.

Zagueiro

Um problema que deve deixar Luxemburgo com dificuldade para dormir: a lesão de Cris. O zagueiro mostrou em Quito que está em dia com sua condição física, que tem personalidade e liderança.

Foi uma das grandes figuras do time. Não teve estranhezas, jogou com normalidade. Sem ele restam Grolli e Bressan, jogadores que não foram devidamente testados e cuja condição técnica é muito suspeita. Um problemão.

500 dias

Não houve solenidades, mas a data está determinando que estamos chegando perto do grande evento do ano que vem que é a Copa do Mundo. Muita coisa por fazer, muitas obras prometidas e não realizadas.

Quanto aos estádios, apesar de algum atraso, todos devem estar concluídos. O Beira-Rio é um dos mais atrasados, mas tem até março do ano que vem para ser reformado. As obras de mobilidade urbana também estão indo, aos trancos.

Você sabia?

* Que todos os ingressos da arquibancada da Arena já foram vendidos?

* Que dos outros ingressos, 50% já foram comercializados?

* Que a LDU não aceitou a transferência do jogo porque tem três jogadores convocados para a seleção equatoriana?

Os atacantes

16 de janeiro de 2013 1

O Grêmio tem muitos atacantes, a maioria centroavantes, jogadores de uma única função. São eles Marcelo Moreno, Willian José, André Lima e, até mesmo Kleber. Como jogador de velocidade, que ocupa o lado do campo, só existe Leandro e seus problemas de convívio constante com a bola.

Por isto é que a direção persegue, já há bom tempo, quase sem limite de custos, a possibilidade de ver Eduardo Vargas contratado. O chileno é único. Ocupa o lado do campo, imprime velocidade e se completa com qualquer outro da relação de atacantes. Um jogador que cumpre uma função para a qual não existe alguém, com esta característica. O negócio anda para um lado, para outro, e parece estar próximo. Seria muito importante para a longa temporada que o Grêmio tem pela frente.

Retorno

Não me surpreende no meu retorno de férias o domínio amplo que Dunga exerce sobre seus comandados. É sua especialidade botar ordem na casa e deixar claro quem manda. Não sei se Dunga é bom estrategista.

Na Seleção, convocava quem queria e, a partir daí, montava seu esquema. No clube é diferente. Com os jogadores que tem ele vai ter que armar o time. As primeiras informações, ainda carecendo de maior tempo de trabalho e de chegada dos reforços, me dão a esperança de que ele vai saber tirar o melhor do grupo.

Equilíbrio

No ano passado, toda vez que Vanderlei Luxemburgo ousou tirar o equilíbrio do time se deu mal. Desta vez ele começa com dois volantes, dois meias e dois atacantes.

Dunga parece querer o mesmo no Inter. Vai ter Ygor e Willians como volantes, os argentinos Dátolo e D’Alessandro como meias e os atacantes Forlán e Leandro Damião. São jogadores de alta categoria que podem, dentro deste equilíbrio, formar um grande time de futebol.

Você sabia?

* Que a Copa Cidade Verde, que está em disputa em Três Coroas, recebe mais de 23 mil atletas?

* Que o preparador físico Diego Melo, que foi demitido por justa causa pelo Grêmio porque teria ministrado doping aos jogadores das divisões de base, contratou advogado e vai acionar o Grêmio?

* Que o Grêmio ainda quer contratar mais três reforços?

* Que seria mais um zagueiro, mais um meia e mais um atacante?

Recado ao vestiário

13 de dezembro de 2012 3

Por Leonardo Oliveira (interino) – leonardo.oliveira@diariogaucho.com.br

Dunga chega ao Inter com missão semelhante com à recebida da CBF em 2006 ao assumir a Seleção. Naquela ocasião, havia clamor popular por voz forte e de comando. Era preciso resgatar alguns valores perdidos pelas estrelas milionárias. No Beira-Rio, a tarefa mais urgente é colocar em ordem o vestiário, colocar cada um no seu lugar e lembrar o básico: os jogadores estão lá para jogar, não para dirigir. E ponto. Há o consenso de que o time naufragou em 2012 no próprio vestiário, sufocado pela vaidade.

Em sua primeira entrevista, Dunga lançou os primeiros tópicos da sua cartilha. Avisou que é preciso ser competitivo, ter vontade e comprometimento com o trabalho para jogar no seu Inter. O recado está dado. Há ferramentas de sobra para montar um bom time. As carências do grupo são poucas, se comparadas com a de outros clubes. Falta alguém para dar um norte. O Inter aposta que a seriedade de Dunga indique esse caminho.

Gurizada

Dunga foi criado no Beira-Rio. Chegou ao Inter com 14 anos. Alguns até desconfiavam de que aquele guri atarracado, um tanto gordinho até, fosse virar jogador. Seu passado estreita ainda mais sua relação com as categorias de base.

Ontem, Dunga deu dicas de que haverá um olhar especial na gurizada. Mas também alertou de que ninguém subirá antes do tempo. Não haverá pressa para ocupar lacunas como ocorreu neste ano. Nem todos conseguem entrar, jogar e ficar, como fez Fred.

Moreno

Há uma questão ainda a ser explicada no Grêmio. Marcelo Moreno foi o goleador em 2012, com 22 gols. Mas acabou o ano em baixa, atrás de André Lima, 12 gols. Na inauguração da Arena, viu todo o primeiro tempo do banco de reservas.

O Grêmio pagou caro por Moreno, cerca de R$ 12 milhões. Ele até justificou o investimento. Só que Vanderlei Luxemburgo pediu Willian José. Que por ser indicação do chefe chegará em vantagem na corrida por vaga. E ainda há André Lima, que se mostrou útil e ainda fez o primeiro gol da Arena. Ou o Grêmio mandará adiante quem inaugurou sua nova casa?

Você sabia?

* Danilo, aquele meia baiano que passou pelo Inter em 2004, jogará o Gauchão pelo São Luiz, de Ijuí?

* Willian Magrão, Uendel, Maylson, Matheus Magro, Júnior Viçosa, Pessalli, Bruno Collaço e Bergson são alguns dos emprestados que o Grêmio tenta passar adiante?

* Que Dunga deverá reavaliar a situação de Dátolo, e ele pode seguir no Inter?

Era Dunga

11 de dezembro de 2012 2

Não tem esta de ídolo, de ex-jogador do clube, de filho da casa. O que o torcedor espera de Dunga é que ele seja um grande técnico. Não há trabalhos antecedentes em clubes de futebol desse profissional, mas na sua passagem pela Seleção Brasileira foi muito bem.

O que Dunga não fez bem foi se relacionar, principalmente, com a imprensa. Não viu que ela faz parte deste grande negócio que é o futebol e com quem terá que conviver, gostando ou não. Mas sou daqueles que acreditam em aprendizado.

As experiências nos fazem crescer, principalmente aquelas em que não nos saímos bem. Espero que Dunga tenha apreendido lições e faça do do Inter um time maduro, competente e brigador. É isso que o torcedor quer dele.

Construção

A Arena foi inaugurada às pressas por duas razões. A primeira, porque Paulo Odone queria abri-la ainda na sua gestão. Justo e merecido. A segunda, porque havia uma multa milionária para a OAS se não entregasse a obra na data prevista.

Mas ficou muito claro para todos que ainda existe muito a fazer. Nada estrutural, tudo na área do acabamento. Mas, mesmo assim, todos saímos de lá com a certeza de que temos um estádio maravilhoso à disposição de Porto Alegre.

Goleiro

O Grêmio não precisa de goleiro. Tem um titular muito bom e dois meninos que esperam a oportunidade. A camisa 1 do Grêmio nunca foi problema no ano que está terminando. A defesa tricolor também não era problema, ela foi a segunda menos vazada do campeonato.

Problema foi a saída de Gilberto Silva. O que realmente faltou para o Grêmio este ano foi ataque. Se tiver pouco dinheiro em caixa e o fundo de investimentos for apenas uma fantasia eleitoral, sugiro aos dirigentes que contratem dois atacantes. O resto se arruma.

Você sabia?

* Que o último jogo do Estrelão, casa do Cruzeiro até agora, será disputado no domingo, dia 16?

* Que estarão presentes Rafael Sobis e Diguinho, dois jogadores que começaram a carreira no Cruzeiro?

* Que o Cruzeiro ainda não sabe em que estádio vai jogar o Gauchão 2013?

* Que o show de sábado dos artistas gremistas gaúchos vai ser a última manifestação coletiva do Estádio Olímpico?

Sacudindo a poeira

07 de dezembro de 2012 5

Finalmente, começamos a ouvir manifestações de reforços para o Grêmio. Até então só se ouviu falar da saída de Gilberto Silva, da dificuldade de contar com Souza no próximo ano, da venda de Fernando. A única manifestação favorável ao torcedor do Grêmio era a renovação de Zé Roberto, que parece estar bem encaminhada.

Essa diretoria foi eleita em outubro e pouco se ouviu falar de reforços para o time que começa a disputa da Libertadores no fim de janeiro. Ontem, saiu a informação do interesse na contratação do zagueiro Emerson, do Coritiba, um jogador de qualidade que viria para a vaga de Gilberto Silva.

Fiquei sabendo, também, que a direção corre para a contratação de dois atacantes, um setor que deixou a desejar na temporada. São medidas importantes para reforçar um time que se saiu bem este ano, mas que precisa ser melhorado se quiser ser tri da Libertadores.

Semana

Falei, por telefone, com o presidente Giovanni Luigi. Ele me garantiu que, na próxima semana, deve apresentar o grupo de profissionais e os dirigentes que vão gerir o futebol colorado em 2013.
O técnico se encaminha mesmo para ser Dunga. Não há outros nomes disponíveis. O Inter precisa de Dunga. E Dunga precisa do Inter. Paulo Paixão será mesmo o preparador físico, e Newton Drummond, o diretor de futebol. Depois é só sair na busca de reforços e fazer as dispensas. O vestiário precisa de modificações. Quem está lá sabe os que ajudam e os que prejudicam.

Arena

Estive na noite de ontem acompanhando o ensaio geral de som e luzes promovido na Arena do Grêmio. O teste foi bom, tudo funcionou muito bem, a Arena é maravilhosa. Mas ela não está
integralmente pronta, apesar da correria dos 4 mil funcionários, dos fornecedores e dos diretores.

É uma obra grandiosa, que só estará totalmente finalizada em quatro ou cinco meses. Mas o que será mostrado aos torcedores do Grêmio já é suficiente para encantar. Porto Alegre recebe um estádio de de primeira qualidade. Os gremistas estão de parabéns. O Rio Grande também.

Você sabia?

● Que a BM faz superação para garantir a segurança dos torcedores e dos moradores do Humaitá?
● Que muitos soldados foram trazidos do Interior para reforçar o policiamento?
● Que os policiais estarão a pé, a cavalo e de carro no entorno do estádio?
● Que a Rádio Gaúcha promete grande cobertura da inauguração da Arena e amplo serviço ao torcedor?

Deslocamento

06 de dezembro de 2012 6

Fiquei impressionado e emocionado quando, em Abu Dhabi, vi cerca de 10 mil colorados vibrando com seu time. Uma invasão colorada que até então não tinha visto nada parecido.

Agora é a vez do Corinthians ir para o Japão. No aeroporto de São Paulo, só para a despedida, eram 15 mil torcedores dando adeus ao time e desejando boa sorte. Segundo informações que chegam de São Paulo, pelo menos 25 mil torcedores estão deixando o país rumo a Tóquio.

Confesso que não imaginava que isso fosse possível, mas os corintianos estão enlouquecidos com a possibilidade de verem seu time campeão do mundo. Nunca se fez um deslocamento de massa desse tamanho, principalmente quando um jogo acontece do outro lado do planeta. Esse Timão é grande mesmo.

Favoritismo

O Chelsea está desmanchado. Já não é um time de primeira linha. Ganhou a Liga dos Campeões da Europa numa grande retranca. Mas, neste momento, o time está quase eliminado dessa competição, vai mal no Campeonato Inglês e o novo treinador não foi bem aceito no clube.

O Corinthians, ao contrário, aproveitou o Brasileirão colocando sempre titulares, para treinar visando essa competição. Para mim não tem dúvida, o Timão está muito próximo desse título. É meu favorito.

Salário

O jornalista de Zero Hora Luiz Zini Pires colocou, ontem, no seu blog, que o salário pedido por Dunga ultrapassa R$ 1 milhão. Dias atrás dei essa informação no Sala de Redação e ninguém levou muito a sério. Agora, outro companheiro divide comigo esse desatino, se verdadeiro for.

Como pode alguém imaginar que vá ganhar no Brasil R$ 1 milhão por mês? Se isto for verdade, Dunga está fora da casinha, e o Inter tem que encerrar as negociações com ele imediatamente.

Você sabia?

* Que os jogadores do Chelsea não concordaram com a saída do técnico italiano Roberto Di Mateo e não reconhecem o trabalho do novo comandante, o espanhol Rafa Benítez?

* Que com essa crise o Corinthians pode até ter um jogo fácil na final do Mundial de Clubes?

* Que os jogadores do Novo Hamburgo já trabalham no Estádio do Vale preparando-se para o Gauchão 2013?

Futuro preocupante

04 de dezembro de 2012 9

Até ontem o Inter não tinha técnico, preparador físico, diretor executivo, vice de futebol. Dunga se debate com Giovanni Luigi esperando receber um grande salário. O presidente não quer onerar significativamente o clube.

Dunga estaria pedindo R$ 600 mil, mesmo salário de Vanderlei Luxemburgo no Grêmio. O que Dunga não sabe é que Luxa já ganha demais, apesar de seu currículo ser imensamente superior. Mas se não houver acerto com Dunga, o que já me parece muito possível, Luigi terá poucas opções no mercado.

Como ele sonhava com um treinador de primeira linha – que Dunga acha que é -, não acertando com ele, ficará na mão de um profissional menor. O que não quer dizer que não possa ser competente. O quadro colorado neste momento é de que falta tudo.

Reforços

O Grêmio tem a comissão técnica montada, dirigentes escalados e pouca coisa definida. Souza é um problema grande, já que custa 10 milhões de euros (R$ 27,5 milhões). Zé Roberto, cujo acerto parecia encaminhado, ainda está longe da confirmação de que ficará no Grêmio.

Montillo parece distante do interesse do Tricolor. De atacantes, nada se ouviu falar. Só o que se sabe é que tudo começa na segunda quinzena de janeiro, com a pré-Libertadores. E as providências devem ser tomadas com brevidade.

Arena

O Olímpico ficou para o passado. Ainda vai receber o show da Madonna no próximo final de semana e, no dia 15, o show com astros gaúchos comandados por Luiz Carlos Borges. Tudo agora vai para a novíssima Arena erguida no Bairro Humaitá.

Ainda existem muitas obras a serem feitas no novo estádio do Grêmio. Nem tudo estará concluído até sábado. Sobre os acessos, nem se fala. Mas o torcedor quer mais é ver seu novo estádio, estar dentro dele, participar desta nova etapa do Grêmio que começa no próximo sábado.

Você sabia?

* Que o preparador físico Flávio Soares teve, segundo boletim médico do Hospital Mãe de Deus, trauma auditivo?

* Que o Grêmio já encontrou a pessoa que atirou rojões para dentro da pista atlética?

* Que Giovanni Luigi já estuda plano B em função do desacerto com Dunga?

* Que Luigi deixou Dunga pendurado quando ressaltou que não quer comprometer as finanças do clube com sua contratação?

Campeão do mundo

30 de novembro de 2012 1

Como discurso vale. Mas, na realidade, Luiz Felipe Scolari e Carlos Alberto Parreira terão que trabalhar muito para fazer o Brasil campeão do mundo. Claro que seria um fato histórico invejável, ser campeão dentro da sua casa. Mas hoje a Seleção Brasileira é 14ª colocada no ranking da Fifa. Pode se discutir os critérios adotados pela entidade, mas esta colocação dá uma ideia de que existe um time de futebol que está muito distante das melhores seleções do planeta neste momento.

Espanha, Argentina, Alemanha, Itália e outras, como o México, neste momento jogam melhor futebol que o Brasil. Poderemos crescer? Claro que sim, mas Felipão não terá, nem de perto, aquele timaço de 2002 que encantou o mundo e ganhou o Mundial no Japão e na Coreia do Sul. Os limites desta vez são muito grandes, só Neymar tem pinta de craque – ainda por confirmar na Seleção – e não existem mais Ronaldos, Rivaldos e outros menos votados.

Dunga

Se arrasta penosamente o acerto do Inter com Dunga. Pelo que fiquei sabendo, depois de longa reunião entre o presidente Giovanni Luigi e o técnico tudo estaria acertado. Dunga pediu então ao presidente para resolver questões internas com sua família. Ficou de responder na quarta ao meio-dia e ontem conversou com o presidente.

Luigi chegou a dizer que não tem mais obrigação de esperar por Dunga. Ele se sente liberado para negociar com outro profissional. O que não se sabe é se ele tem este profissional para contratar. Mas ainda espera por Dunga, seu plano A.

Zé Roberto

Afirmei que Montillo não é o jogador que o Grêmio precisa, mesmo reconhecendo sua grande capacidade, porque tem Elano e Zé Roberto. Sempre discursei que a necessidade primeira é a contratação de dois atacantes.

Um leitor me escreve afirmando que Fábio Koff tem razão, lembrando que Zé Roberto pode ficar fora do Gre-Nal. Eu lembro a este leitor que o ataque do Grêmio será formado por Leandro e André Lima. Quem gosta deste ataque?

Você sabia?

* Que o custo do Estádio Centenário, em Caxias do Sul, para o Inter jogar em 2013 será de R$ 100 mil por partida?

* Que o Cruzeiro pretende jogar no seu novo estádio ainda no Gauchão do ano que vem?

* Que a Rádio Gaúcha tem programação especial no sábado e no domingo do Estádio Olímpico?

Civilidade

28 de novembro de 2012 3

As eleições de um clube de futebol dividem as pessoas. Alguns exageros são ditos de parte a parte. As pessoas fazem acusações descabidas – muitas beirando a irresponsabilidade – tudo dentro de um clima eleitoral. Passado o episódio, todos torcem para o mesmo clube e o que se exige é que volte a civilidade.

Os gremistas estavam ansiosos para ver Paulo Odone e Fábio Koff se encontrarem, falarem de transição, colocar o objetivo comum na frente dos problemas pessoais. Odone sempre esteve aberto, Koff demorou um pouco mais. Mas agora os dois se encontraram e selaram a paz. Foi ontem, na sala presidencial do velho Olímpico, que ocorreu o encontro.

Esta paz é muito rentosa para o Grêmio que entra num momento histórico.

Históricos

Fábio Koff e Paulo Odone estão entre os mais importantes presidentes da história do Grêmio. Nas mãos de Koff os grande títulos, nas mãos de Odone a Arena e o momento mais crítico do clube, quebrado financeiramente e na Segunda Divisão.

Odone recuperou o Grêmio, deu-lhe uma casa nova. Koff deu ao clube sua dimensão internacional. São dois dirigentes que merecem todo respeito e agradecimento do torcedor. Uma briga entre os dois só tem um perdedor: o Grêmio.

Treinador

Foram duas reuniões no dia de ontem, outra foi marcada para amanhã. Giovanni Luigi e Dunga estão, certamente, acertando detalhes que são fundamentais para um treinador. Podem e devem estar falando dos jogadores, dos que devem sair, dos que serão preservados, das contratações necessárias.

Existe ainda a discussão sobre quem vai trabalhar no vestiário. São muitos pontos a serem acertados, não há porque ter pressa neste momento. Claro que o salário do treinador já está acertado.

Você sabia?

* Que o Novo Hamburgo contratou o atacante colombiano Jeferson Angulo?
* Que o último clube deste jogador foi o Once Caldas?
* Que Angulo já atuou pela seleção da Colômbia?
* Que o Grêmio oferece ao Cruzeiro Marcelo Moreno mais uma boa quantia em dinheiro para ter Montillo?
* Que este jogador ficou fora de muitos jogos do Cruzeiro neste Brasileirão?