Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Vereador promete insistir até ter assinaturas para CPI do transporte coletivo

31 de agosto de 2017 1

Gilson de Souza (PSD) alega suposta quebra do contrato por parte da Blumob (Foto: Lucas Correia, BD, Jornal de Santa Catarina)

O vereador Gilson de Souza (PSD) promete insistir na tese de que a Blumob descumpriu parte do contrato de concessão do transporte coletivo de Blumenau até conseguir o mínimo de cinco assinaturas – já tem três, a dele e a dos oposicionistas Jovino Cardoso (PSD) e Adriano Pereira (PT) – necessárias para instalar uma CPI e investigar o caso.

No centro da discussão, como o blog já destacou, está a pintura dos ônibus mais antigos da frota da empresa, que circulam desde a época da operação emergencial, da cor branca para o prata.

A medida está prevista no edital e, segundo o pessedista, foi lançada na planilha de custos da tarifa reajustada a R$ 3,90. Como ainda não houve a pintura, o parlamentar em primeiro mandato diz que o usuário está pagando por algo que não foi feito. Ele cobra adesão à CPI sobretudo daqueles que falam em “nova política”.

O requerimento aprovado na semana passada pela Câmara que questiona o Seterb sobre a situação e pede esclarecimentos sobre uma quantia estimada em R$ 1,44 milhão necessária para a pintura dos ônibus ainda não foi respondido.

Na sessão de terça-feira, o líder do governo, Sylvio Zimmermann (PSDB), informou que a comissão criada para fiscalizar o cumprimento do contrato já havia feito questionamento semelhante em julho. O vereador Marcelo Lanzarin (PMDB) sugeriu que esta verba seja aplicada em reformas nos terminais e nas estações de pré-embarque.

Em todo caso, o governo tem a faca e o queijo na mão. Basta que apresente uma boa justificativa para a situação que a CPI possivelmente será enterrada.

Comments

comments

Comentários (1)

  • Ana Beatriz diz: 31 de agosto de 2017

    Com as mudanças que nós eleitores, proporcionamos com nossos votos, não haveria de ter mais gente agindo com responsabilidade na Câmara Municipal de Vereadores de Blumenau? Cadê aqueles que enchiam a boca para falar em ‘nova política’?

Envie seu Comentário

%d blogueiros gostam disto: