Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Blumob sugere usar dinheiro da pintura dos ônibus em comunicação visual nos terminais

15 de setembro de 2017 11

Foto: Reprodução

Não foram bem recebidas por boa parte dos vereadores de Blumenau – inclusive alguns da base aliada – as sugestões da Blumob para compensar a não pintura dos ônibus mais antigos da frota da empresa, como estava previsto no edital de licitação do transporte coletivo. As propostas foram apresentadas nesta quinta-feira pelo presidente do Seterb, Carlos Lange, em reunião na Câmara. Duas delas foram descartadas: a redução da tarifa - pelo impacto ser ínfimo, de menos de 1 centavo – e melhorias na garagem dos veículos.

Curta Pedro Machado no Facebook

A preferida da autarquia é utilizar o dinheiro não investido em melhorias na comunicação visual dos terminais - incluindo os dois futuros, na Água Verde e na Itoupava Central -, com identificação de rotas e terminais por cores e símbolos de acordo com a característica de cada região, o que segundo o Seterb facilitaria a assimilação das linhas e a locomoção dos usuários (veja as propostas abaixo). Diversos parlamentares, porém, criticaram a sugestão, alegando que ela não melhora a vida dos passageiros. Seria melhor, por exemplo, reformar os banheiros dois terminais, indicaram alguns vereadores.

Veio de Marcelo Lanzarin (PMDB) uma pertinente observação neste debate. Diz ele que, antes de decidir o direcionamento desta verba, é preciso saber, de fato, quanto a pintura do restante da frota custaria. Nos cálculos de Professor Gilson (PSD), seria necessário um valor em torno de R$ 1,4 milhão para converter os atuais 142 ônibus brancos em prata. O pessedista tenta emplacar uma CPI para investigar suposta quebra de contrato da Blumob e alega que o usuário está pagando por algo que não foi feito, já que este desembolso estaria incluso na planilha de custos que determinou a tarifa a R$ 3,90.

Já para a Blumob bastariam, e aí está uma das novidades do dia, R$ 264,7 mil. Isso dá algo em torno de R$ 1.864 por veículo, quantia considerada muito baixa pelos mais céticos. Eis, como se vê, uma discrepância significativa de valores.

De acordo com Lange, a Blumob apresentou ao Seterb documentos que mostram que é possível fazer o serviço por essa quantia. Ainda assim, informações complementares foram solicitadas à empresa. O presidente da autarquia alega que, por pertencer a um grande conglomerado, a concessionária tem condições de diminuir os valores normalmente praticados pelo mercado. Ele também sugere que os preços apontados por vereadores sejam apresentados com bases de cálculos, para incluí-los nesta discussão.

Lange não descarta que outras sugestões do que fazer com a verba sejam colocadas sobre a mesa. Uma consulta pública chegou a ser ventilada, mas ainda não há nada concreto neste sentido.

O que já parece ser uma unanimidade é que não faz sentido pintar ônibus velhos que em pouco tempo serão substituídos por novos. A prefeitura tropeçou ao não pensar nisso lá atrás e agora, mesmo tendo notificado a empresa a respeito, se complica ao tentar explicar por que a Blumob não cumpriu com o acordado.

Confira abaixo como ficaria a comunicação visual proposta pela empresa:

 

 

 

 

 

 

Comments

comments

Comentários (11)

  • MARCOS NASCIMENTO diz: 15 de setembro de 2017

    A proposta da empresa é muito melhor do que pintar ônibus velhos de 2008, 2009 e 2010 de cinza.
    Agora cá entre nós: que pintura VAGABUNDA que o SETERB escolheu para a cidade de Blumenau heim ??? PQP ! Porquê não se inspiraram na pintura de Marília (SP), Brusque (SC) e Florianópolis ???
    MELHOR AINDA: Seria o retorno da pintura pelos serviços tal como ocorria na época do PT na prefeitura onde dependendo da linha o ônibus tinha uma cor diferente.
    SETERB se inspirem em exemplos positivos como o que vem de PONTA GROSSA (PR) por exemplo onde há diferenciação da pintura pelos serviços.
    CREIO QUE em 2018 a cidade de Blumenau ganhará mais 142 ônibus novos pois Napoleão quer ser governador e não vai querer fazer feio e deixar a sua administração ser tão criticada por causa do transporte coletivo. E tem mais, CREIO QUE pelo menos metade dos 142 ônibus novos a chegarem em 2018 terão AR CONDICIONADO e serão deslocados para as linhas troncais. Então, os 104 ônibus cinza atuais serão deslocados para as linhas alimentadoras e então BLUMENAU voltará a ter pelo menos 2 cores diferentes: a cinza (para os ônibus dos bairros) e uma outra pintura (que espero seja tão bonita como a de LONDRINA ou MARÍLIA para os ônibus de linhas troncais e interbairros.

  • Nanda diz: 15 de setembro de 2017

    Um coisa é fato: não compensa pintar ônibus velho pra daqui a pouco trocar tudo. Pega esse dinheiro e arruma esses banheiros que são uma vergonha. Raramente preciso utilizar um mas em 4 anos que utilizo o Terminal do Aterro o banheiro se encontra no mesmo estado. O da Fonte tbm. O “menos pior” ainda é o do Terminal da Proeb.

  • Cleiveson Nunes diz: 16 de setembro de 2017

    O comentário anterior da Nanda, condiz com a nossa realidade. Um serviço de transporte precisa ser completo na sua totalidade. Não adianta apenas me locomover e quando for usar um banheiro, ele cheira mal e a descarga não funciona. Sugiro também a redução da tarifa de domingo, percebe-se que nesse dia o fluxo de passageiros diminuiu. Então! que volte a um preço justo pros nossos domingos.

  • Jonas diz: 16 de setembro de 2017

    Concordo com o Marcos, essa pintura prata é tão morta, tão avulsa. Deveriam aproveitar que os onibus são novos e trazer um novo layout tanto interno quanto externo. Esse caderno técnico do Seterb é arcaico, não contempla novas tecnologias, nem conforto ao usuário. Poderia ter um letreiro com os números da linha atrás do onibus, poderiam ter mais assentos internos, poderia ter novas pinturas, deveria ter linhas expressas terminal/terminal com ar condicionado, mas não tem nada disso e eles insistem em dizer que esse é o melhor pra população. Até a empresa, com experiência em várias operações espalhadas pelo país, já falou que o serviço poderia ser melhor se não tivesse essa regulamentação tosca e despreparada do Seterb. Mas o que fazer né? Eles não têm ouvidos pra nós, não adianta mandar email, ligar, chamar na ouvidoria… ninguém liga pra opinião do usuário. Ao menos a empresa conseguiu colocar duas roletas em alguns dos ônibus.

    E sobre a matéria, eu gostei muito da nova comunicação visual mais intuitiva, mas realmente não adianta ter plaquinha bonita num terminal com telhado caindo (oi, Fonte!), a prefeitura vira a responsável pelos espaços públicos mas não faz a manutenção, então tivessem deixado a responsabilidade pra Blumob, pelo menos esse valor da pintura poderia ser revertido em melhoria dos espaços físicos.

  • Lauro wehmuth diz: 18 de setembro de 2017

    Acho desnecessário a pintura dos ônibus velhos. Deixando na cor branca, é fácil identificar a troca gradativa por veículos novos.
    Acho até absurdo gastar dinheiro com pintura, pois será mais fácil identificar a troca por ônibus novos.
    A COR PRATA ESTÁ ÓTIMA.

  • gw diz: 18 de setembro de 2017

    Só agora enxergaram que pintar os ônibus não seria necessário??? Porque foi colocado no edital de licitação??? muito estranho

  • DECO diz: 18 de setembro de 2017

    Parabéns ao seterb e seus grandes técnicos!! òrgão mais lixo de BNu, mas de longe…

  • carlos diz: 18 de setembro de 2017

    Isso aí vai ficar enrolando na gaveta de alguém, realmente não é válido pintar ônibus velho, conforme o contrato em pouco tempo já serão trocados, então pra quê pintar?

    O comentário do Jonas é perfeito, o Seterb nunca dá ouvido pro usuário, todo mundo pediu ar condicionado nos ônibus e vê se escutaram, “Ah por que daí o usuário vai pagar mais caro”… fod*%¨# pagamos mais caro por que é caro colocar isso, chega de sempre ficar chorando e falando que governo é isso e aquilo. A gente tem que tomar atitudes e brigar pelo o que a gente quer. Tem que parar de essa empresa imprestável do Seterb tomar atitudes que, na cabeça deles, são ao nosso favor.

    As placas ficaram muito boas e realmente ajudaria a identificar pra qual lugar ir, iria ajudar muito quem vem de fora, igual tem em outros estados e países que se importam com o transporte da cidade.

    Faz e pronto, bota pros imprestáveis desses vereadores votar logo e manda fazer…

  • Emir diz: 18 de setembro de 2017

    Podem dar a desculpa que quiser, contrato é feito para ser cumprido. Já começaram a não fiscalizar e fazer vista grossa. Qual o próximo item da licitação que não vai precisar cumprir? Assim fica fácil ganhar…

  • Vinícius diz: 18 de setembro de 2017

    Belas placas e ótima iniciativa. Está na hora de arrumar essas orientações dos terminais, pra alguém de fora pegar ônibus em Blumenau precisa de 1 semana de treino.

  • Djalma diz: 19 de setembro de 2017

    Srs Vereadores, Seterb e Prefeitura. Contrato é para ser cumprido e não modificado já no inicio. Porque não pensaram, e se é que utilizam esta artimanha, no inicio das negociações? Esta parecendo que não aprenderam nada. A pintura concordo que o cara que indicou esta é míope, deve estar enxergando outra cor no final. MAs contrato é contrato. Ou voltem com a Gloria e Rodovel.

Envie seu Comentário

%d blogueiros gostam disto: