clicRBS
Nova busca - outros
08 mar17:40

Parceria assegura reconstrução do trapiche

O Sindicato da Indústria da Construção e Mobiliário (Sinduscon) de Pelotas e Região assinou nesta segunda-feira (8), durante a primeira reunião-almoço do ano, o convênio tripartite envolvendo Prefeitura de Pelotas e Valverde Praia Clube (VPC) que estabelece as responsabilidades dos entes envolvidos nas obras e ações para a reconstrução do Trapiche do Laranjal. A plataforma, erguida em 1968, sofreu interdição do Ministério Público Federal pela falta de segurança da estrutura, abalada no ano de 2001 por uma ressaca das águas da Lagoa dos Patos.

Durante o ato de assinatura, o prefeito Adolfo Fetter Junior, o presidente do VPC, Sérgio Almeida e o presidente do Sinduscon/Pelotas, Rui Idiarte Lucas destacaram a importância do trapiche como ponto turístico da praia e como local adequado para a prática da pesca profissional.

- É uma grande honra para o Sinduscon participar desta obra que ficará na história da cidade. Esta é uma resposta positiva dada pelo nosso setor à comunidade que tão bem acolhe nossos projetos e programas propostos – disse Lucas.

Além de anúncios e discussões de temas polêmicos, como a votação da PEC 231/1995 que tenta reduzir a jornada de trabalho no País, os construtores ouviram a palestra do novo superintendente Extremo Sul da Caixa, Ruy Fernando kern, que falou sobre números da instituição financeira e reafirmou a parceria com a construção civil local para a realização de novos projetos.

- Já executamos 18 condomínios do PAR nesta localidade. Vamos avançar nos outros programas para diminuir o déficit habitacional local e oferecer mais qualidade de vida e infraestrutura à população – disse.

Projetos – Em sintonia com os objetivos de Kern na Superintendência Extremo Sul, a secretária adjunta de Habitação, Claudia Dêntice da Silva Leite e o prefeito Fetter Junior entregaram projeto para a construção de 871 unidades habitacionais através do Programa Minha Casa, Minha Vida, destinadas às famílias de zero a três salários mínimos residentes nos bairros Getúlio Vargas, Vila Governaço e 22 de Maio. Duas construtoras do sindicato executarão as obras: Serial Engenharia e ACPO.

Por

Comentários