clicRBS
Nova busca - outros
26 jan12:48

Praia do Cassino comemora 121 anos

Guilherme Mazui, Zero Hora

De um desejo da elite da metade sul do Estado, nasceu o Cassino, em 26 de janeiro de 1890. A ação, capitaneada por Antônio Cândido Sequeira, criou o primeiro balneário organizado do Brasil. Com o aval do governo da província, escolheu-se a área conhecida como Costa do Mar ou Mangueira, em Rio Grande.

O nome Cassino surgiu mais tarde. O Hotel Atlântico, ainda em funcionamento, tinha uma sala de jogos com roleta. Era o Hotel do Casino, seguindo a grafia italiana. Daí o batismo. A Companhia Balnear Atlântica, criada para gerenciar o novo balneário, dividiu a área em 72 lotes, de um quarteirão. Os terrenos das margens da Avenida Rio Grande foram todos vendidos à elite de Rio Grande, Pelotas, Jaguarão, Camaquã e Bagé.

O primeiro chalé do Cassino foi construído pela família Raffo, em 1890. Como os donos dos casarões eram estrangeiros ou descendentes de imigrantes, as famílias hasteavam as bandeiras de seus países de origem nos pátios. Inglaterra, Portugal, Espanha e Itália predominavam. Inspirado em moldes europeus, o Cassino mantinha hábitos importados.

O cricket, um dos esportes mais populares da Inglaterra, era praticado em Rio Grande. Para ir ao novo balneário era preciso pegar um bonde do Centro até a entrada da cidade, de onde partia o trem. Já ao Cassino, as pessoas iam em bondes puxados por mulas até a beira-mar. Nascia aí o hábito de entrar na orla em veículos.

Mas, alguns costumes elitistas ficaram no passado, afinal de contas, o balneário se orgulha de ser um espaço acolhedor, para todas as classes sociais e tribos culturais.

CLICRBS RIO GRANDE

Por

Comentários