clicRBS
Nova busca - outros
18 abr18:10

Roger Coutinho conversa com o público no espaço Ágape

Daniela Meine, Leitora-Repórter

O Ágape, espaço de arte, convida o público para visitação da exposição Imersões, de Roger Coutinho, até o dia 29 de abril, e para um encontro com o artista onde ele irá relatar seu processo criativo e sua relação com a pintura. A conversa acontece nesta terça-feira (19), às 20h, na galeria de arte J.M. Moraes (Rua Anchieta, 4480). A entrada é gratuita.

Roger Coutinho é bacharel em Artes Visuais formado pela Universidade Federal de Pelotas (UFPel) desde 2006. Faz da pintura, do desenho e da fotografia as linguagens principais de uma poética visual baseada no devir, no que está por vir, no desconhecido. O artista dedica-se também às atividades de arte educação, foi professor de pintura e de fotografia no Centro de Artes da UFPel nos anos de 2009 e 2010. Atualmente coordena o ateliê de arte e recuperação de dependentes químicos no CAPS AD de Canguçu.

Sobre esta exposição nos fala a curadora Adriane Hernandez:

Os campos pictóricos de Roger Coutinho parecem ser constituídos com o fim exclusivo de nos propiciar prazer. Eles favorecem a possibilidade de um mergulho vertiginoso, como em um meio aquoso, que é quando nos percebemos envoltos em tramas de cores e linhas, sem o peso da gravidade a nos empurrar para baixo. Tal tramado, sempre inusitado, advém de um misto de racionalidade e espontaneidade, ao qual o artista empreende sua luta de forças contrárias diante da tela e, por vezes submerso nela, tal sua capacidade de se deixar envolver. O observador, ativado pela possibilidade de imersão, exclui seu corpo da força física submetida naturalmente e, às vezes com pressão impactante, no dia a dia terrestre. Agradável encontro este, que nos concede, pela transcendência, vislumbrar na gestualidade do artista um novo mundo, distendido e rendido à beleza.

Por

Comentários