Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Cariocas diferenciam preços dos ingressos de acordo com os jogos, SC tem que ficar de olho nessa ideia

19 de janeiro de 2015 0

Desde o dia 13 de janeiro estou fazendo interinamente a coluna do colega Miguel Livramento no Jornal Hora de Santa Catarina. Decidi publicar aqui no blog o que escrevo para a coluna.

Uma ideia interessante

Foram aprovados no Rio de Janeiro preços de ingressos de acordo com a partida e estádio. Exemplo: se o Volta Redonda enfrenta o Madureira o ingresso mínimo custará R$ 5. Em clássicos, o mais barato custará R$ 50. A ideia é interessante e tem como intenção aumentar o público nos estádios.

No ano passado, o Campeonato Catarinense teve um média de público de 3.610 torcedores. Quem sabe essa ideia carioca pode funcionar aqui no Estado. Vale a pena ficar de olho na experiência do Rio de Janeiro e ver se pode ser adaptada aqui. No ano passado, Atlético-Ib 3×1 Juventus teve apenas 122 pessoas no Estádio Hermann Aichinger, pela 2ª rodada do Hexagonal.

Prejuízo de R$ 9 milhões ao Timão

Matéria do jornal Lance! revela que o Corinthians já perdeu R$ 9 milhões com o goleiro Renan, revelado pelo o Avaí. O arqueiro chegou a ser convocado para a Seleção Brasileira em 2010 e foi negociado com o time paulista em 2011. No entanto, lá não conseguiu ter uma sequência de jogos. Foram apenas três, com duas derrotas e uma vitória. Depois disso foi emprestado para cinco times. Na última sexta-feira foi apresentado no Caxias, time do técnico Paulo Turra, também ex-Avaí. Com salário de R$ 80 mil pago pelo Timão, o goleiro segue buscando uma regularidade para dar a volta por cima.

Foto: Renan foi apresentado no Caxias na última sexta-feira. Foto: Jonas Ramos/Agência RBS

Foto: Renan foi apresentado no Caxias na última sexta-feira. Foto: Jonas Ramos/Agência RBS

Ligeirinhas

• Assisti à partida Figueirense 1 (1) x 1 (4) São Caetano pela Copinha. O Alvinegro recuou bastante depois de abrir o placar e permitiu o empate na segunda etapa.

• Apesar da eliminação, o que vale a pena são as promessas da categoria de base alvinegra. Vale a pena ficar de olho em Matheusinho, meia-atacante que acabou perdendo um dos pênaltis.

• O Guarani perdeu para o Operário-PR por 1 a 0 em Palhoça. Nada de terra arrasada. O Bugre continua sua preparação para o Estadual, a missão de continuar na elite será dura este ano.

Envie seu Comentário