Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Posts com a tag "Vídeo"

Vídeo: 14 minutos apenas com dribles de Pelé

21 de agosto de 2013 0
Foto: Arquivo

Foto: Arquivo

Pelé marcou 1229 gols. Marca que até hoje nunca foi alcançada, mas o Rei também era conhecido por seus dribles, na maioria das vezes curtos e que deixavam para trás marcadores e abriam o caminho até o gol.

Por isso coloco aqui um vídeo com 14 minutos de dribles de Pelé que ajudam pessoas como eu, que não tive o prazer de assistir o Edson Arantes do Nascimento ao vivo, a entender melhor porque ele é o melhor de todos os tempos.

(Via Trivela)

Raúl completa mil jogos como jogador profissional

30 de abril de 2013 0

Foto: Divulgação/Fifa

No último domingo na vitória do Al Sadd por 3 a 1 em cima do Al Rayyan na Copa do Catar o atacante Raúl Gonzalez completou 1000 partidas profissionais. Raúl tem uma forte ligação com o Real Madrid, time que o revelou e onde ele passou 16 temporadas até se transferir para o Schalke 04 em 2010.

Raúl é o maior artilheiro da Liga dos Campeões. Ao total são 71 gols marcados por Real Madrid e Schalke. Durante muito tempo ele foi uma das grandes estrelas da seleção espanhola, em uma época em que a Fúria era conhecida como a seleção do quase, por sempre ter condições de vencer, no entanto nunca conseguir.

Hoje, Raúl está jogando no Catar na equipe do Al Sadd, como quase todo grande jogador em fim de carreira o espanhol foi aumentar o pé de meia. Com 35 anos a aposentadoria está chegando e o jornal espanhol Sport publicou em janeiro que o atacante auxiliar técnico de Guardiola no Bayern de Munique. Bom, vamos esperar para ver.

O 1000 jogos de Raúl

Jogos e gols por times

Real Madrid C: 8 jogos (16 gols)
Real Madrid B: 1 jogo (0 gols)
Real Madrid: 741 jogos (323 gols)
Schalke 04: 98 jogos (40 gols)
Al-Sadd: 30 jogos (11 gols)

Com a Fúria

Sub-18: 2 jogos (4 gols)
Sub-20: 5 jogos (3 gols)
Sub-21: 9 jogos (8 gols)
Seleção olímpica: 4 jogos (2 gols)
Equipa principal: 102 jogos (44 gols)

Total: 1000 jogos (451 gols)

• Bom abaixo um vídeo com 10 gols de Raul na Liga dos Campeões com a camisa do Real Madrid

Homenagens no esporte americano após as explosões em Boston

18 de abril de 2013 0

Na segunda-feira bombas explodiram na chegada da Maratona de Boston, nos Estados Unidos, matando até agora três pessoas e ferindo mais de cem. Nos dias seguintes o esporte americano começou a homenagear seus irmãos de Boston feridos por esse atentado.

• Você pode saber mais sobre o atentado em Boston aqui

Diversas foram as homenagens, mas a mais marcante aconteceu na noite de terça-feira quando o New York Yankees, o maior rival do Boston Red Sox, tocou a músico Sweet Caroline, que é uma espécie de hino para o Red Sox.

Após a homenagem o autor da música Neil Diamond escreveu no twitter:

- Obrigado NY Yankees por tocar Sweet Caroline para o povo de Boston. Vocês marcaram um home run nome meu coração. Com respeito. Neil.

Sweet Caroline começou a ser tocada no Fenway Park, o estádio do Boston Red Sox, em 1997, porém apenas em 2002 virou “obrigação” tocar a música em todas. Veja abaixo o vídeo com os torcedores cantando Sweet Caroline:

Em Cleveland, outra homenagem bacana. Os Indians receberam o Boston Red Sox e antes da partida foi tocada a música “Sweet Caroline”. No banco de reservas um recado escrito a mão:

Homenagem de Cleveland. Foto: Jason Miller/AFP

- De nossa cidade para sua cidade: nossos corações e preces vão para você Boston. Com amor, Cleveland – dizia o recado ao lado de uma camisa do Red Sox com as palavras “Boston forte”.

Outra homenagem bacana foi do jornal Chicago Tribune. Na capa do seu caderno de esporte o Tribune estampou uma manchete dando apoio aos compatriotas e ressaltando que, neste momento, Chicago também torce para os times de Boston. Na capa foram citados os times de Boston de diversos esportes: New England Patriots (futebol americano), Boston Celtis (basquete), Boston Bruins (hóquei), Boston Red Soxs (beisebol) e New England Revolution (futebol).

Confira a capa do Chicago Tribune

Em vídeo, Fifa mostra jogadores revelados nos Mundiais Sub-20

15 de abril de 2013 0

Nos frames do vídeo é possível ver Robben cabeludo, Messi magrinho, Ronadlinho sem cabelo e um Figo garoto

No dia 21 de junho na Turquia será disputado a Copa do Mundo Sub-20. A competição é disputada desde 1977, quando a União Soviética foi a campeão. Faltando 67 dias para o início da competição, a Fifa fez um vídeo com imagens de grandes jogadores que foram revelados no Mundial. Nem sempre o destaque do Mundial se transformou em craque, como o volante Essien, de Gana. Apesar de ser um bom marcador, o ganês não é nenhum craque.

A forma que o vídeo foi montado é bacana, porque mostra imagens dos jogadores durante a disputada do Mundial Sub-20 e depois alguns lances dos jogadores quando profissionais, geralmente em Copa do Mundo.

O Brasil é o atual campeão com a Seleção sendo comandada por Oscar, que hoje joga no Chelsea. No entanto, não vamos poder defender o título já que os garotos não conseguiram a classificação para o Mundial desde ano.

O Brasil foi uma decepção no Sul-Americano Sub-20 no início do ano ficando em penúltimo lugar no Grupo B, com apenas quatro pontos. Os representantes da América do Sul no Mundial da Turquia são: Chile, Paraguaia e Uruguai. A Seleção não ficava fora de uma Copa do Munda da categoria Sub-20 desde 1979.

Como a Fifa não permite embedar o vídeo, confira ele clicando aqui. E veja o Robben com cabelo e o Ronaldinho sem.

O primeiro encontro entre PSG e Barcelona na Liga dos Campeões, em 1995

02 de abril de 2013 4

Matéria do jornal El Mundo Deportivo sobre a eliminação do Barcelona pelo PSG em 1995. Foto: Reprodução

A partida de hoje entre Paris Saint-Germain e Barcelona pelas quartas de final da Liga dos Campeões não é o primeiro confronto entre essas equipes na maior competição de clubes do mundo. Na temporada 1994/95 os dois times se encontraram na mesma fase.

Na época o craque do time de Paris era o brasileiro Raí que marcou um gol no jogo decisivo nos Parque dos Príncipes e ajudou na classificação do PSG para as semifinais. A primeira partida foi disputada no Camp Nou e teve o placar de 1 a 1, com gols de Igor Korneyev para o Barça e George Weah para o time francês.

No jogo da volta o PSG venceu o Barcelona de Guardiola, Hagi, Koeman e Stoichkov por 2 a 1 com direito a gol de Raí. Até hoje essa foi a melhor campanha do Paris Saint-Germain na Liga dos Campeões. A campanha só acabaria na semifinal, contra o Milan (que seria derrotado pelo Ajax, o grande campeão).

Olhando o jornal El Mundo Deportivo do dia 16 de março de 1995 fica evidente que o time que um dia foi reconhecido como Dream Team estava desmoronando. Um dos craques da equipe, o búlgaro Hristo Stoichkov, de temperamento explosivo, tinha um desentendimento com o técnico Johan Cruyff e alguns dias antes da partida decisiva contra o PSG declarou:

- É Cruyff ou eu.

A diretoria ficou com o treinador, que continuaria no comando do time catalão até o fim da temporada 1995/96.

Ficha técnica da partida decisiva:

15/03/1995 – PSG 2 x 1 Barcelona

PSG

Lama, Cobos, Colleter, Kombouaré, Raí, Le Guen, Bravo, Guérin, Weah, Valdo, Ginola.

Técnico: Luis Fernández

Barcelona

Busquets, Ferrer, Sergi, Koeman, Nadal, Bakero, Iván, Stoichkov, Eusebio, Hagi, Óscar

Técnico: Johan Cruyff

Gols: Bakero, aos 49, Raí aos, 27, e Guérin, aos 37 minutos do 2º tempo
Árbitro: Gerd Grabher.
Estádio: Parc dels Prínceps
Público: 45.574

• Assista ao gol marcado por Raí