Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Bustos tem lugar no sistema tático de Tite

28 de outubro de 2008 6

Bustos tem lugar no time titular do Inter/Juliano Schüler, blog Pré-Jogo

Embora o lateral-direito Bustos não seja craque, ele é melhor do que o titular Ricardo Lopes e também do que o reserva Ângelo no Inter. Ainda mais quando se analisa o sistema tático do colorado. Aqui no blog Preleção nós já conversamos sobre a maneira como Tite arma o Inter: um 4-5-1, com centralização de jogadas no trio Nilmar-D`Alessandro-Alex.

Isso também provoca a centralização da marcação adversária, concentrada à frente da própria área. A conseqüência é a abertura dos lados para o apoio dos laterais colorados, o que não acontece com Ricardo Lopes nem Ângelo pela direita. Na esquerda, também não ocorria o apoio de Gustavo Nery, mas contra o Atlético-MG o criticado Marcão – que também já foi objeto de análise do Preleção – parece ter corrigido.

Muitos leitores do blog justificam a falta de jogadas pelos lados porque o Inter não tem um centroavante de referência. De nada serviria chegar à linha de fundo e forçar o Nilmar a disputar cruzamentos com zagueirões. Eu concordo. A força do Inter está na proximidade de Nilmar-D`Alessandro-Alex, e em suas triangulações com bola no chão, à procura dos espaços às costas dos zagueiros, das diagonais e dos chutes a média distância.

Mas há um contraponto. A passagem dos laterais não exige que eles recebam a bola, nem que façam chuveirinho. O simples avanço de Bustos (que eu reivindico no time titular) ou de Marcão abriria a marcação dos adversários, proporcionando mais espaço para o trabalho do trio ofensivo à frente da área. E isto é possível no 4-5-1 de Tite, que atua com três volantes – Edinho centralizado, Magrão pela direita e Guiñazu pela esquerda – ou seja, farta cobertura para o avanço dos laterais.

Outro contraponto é o aproveitamento de Marcão contra o Atlético-MG, incluindo um cruzamento para gol perdido por Alex (mesmo sem um atacante de referência na área). Defendo ainda a entrada de Bustos no time porque ele é um jogador com capacidade técnica – e já atuou no meio-campo em clubes colombianos – para ingressar na diagonal, ou para tabelar com Alex – duas funções que Ricardo Lopes e Ângelo ignoram porque sequer passam da linha intermediária.

Lembro do dia 23 de abril, quando o Inter aplicou 5 a 1 no Paraná. Dos pés de Bustos saíram cruzamentos para dois gols, e de uma cobrança de lateral dele, saiu mais um. Ele participou de três gols com avanços eficientes. Reparem no vídeo abaixo como ele percebe o espaço aberto pelo lado e se apresenta para receber nos dois primeiros gols. Falta esta jogada no Inter de Tite. E eu não acredito que Bustos tenha desaprendido tudo isso seis meses depois.

Postado por Eduardo Cecconi

Comentários (6)

  • Filipe diz: 29 de outubro de 2008

    Os colorados devem lembrar de (acho que foram) 4 passes/jogadas iniciadas por Bustos no 8 x 1 contra o Juventude. Pessoal só lembra de jogador que faz gol. Tem que lembrar do cara que coloca a bola pro jogador fazer o gol.

  • LUIS FELIPE FISCHER diz: 29 de outubro de 2008

    O Bustos jogando com uma perna só e de costas é MUITO melhor que os dois perna de pau que o Tite tem colocado em campo.

  • Antonio Magalhaes diz: 29 de outubro de 2008

    Pessoal tudo certo, menos o marcão ele compromete o trabalho do time inteiro assim como o edinho. No caso do marcão qualquer eu disse qualquer jogador tem vitória pessoal em cima dele quando parte para cima e quando é perto da área é o caos. Quando ao edinho não é jogador para o inter muito fraco muito mesmo, boa pessoa esforçado mas devia jogar em um time menor ou lá nas arabias.

  • Wagner – ñ tem à ver com o post….Bustos já falei… diz: 28 de outubro de 2008

    Agora o Luxa viu o q já tinha falado aqui, no Lédio e no Nando…globoesporte.com – Após reunião de 1h10m, Luxemburgo faz mudanças e escala o Verdão no 4-4-2-…falei q o elogiado pela Globo, recuo do Martinez, como o do Edinho, era a mesma burrice que tirou o Inter da Libertadores 2007..é 352! é um à menos no meio!..Luxa é outro que acham o máximo e para mim tá na média…coisa que já percebi à muito, só mesmo Mano, tenho certeza que sacou…claro, não estou falando dos técnicos europeus…

  • Fabio Alves diz: 29 de outubro de 2008

    Ele não é uma ovelinha!!!
    Não faz parte do grupinho!! Não aceito este tipo de atitude do Tite e como sou sócio do Inter, por ter tanta polêmica com este jogador, que todos dizem ser melhor que os outros que estão jogando sequer fica no banco, gostaria de uma explicação mais convincente sobre o assunto… A imprensa deveria questionar mais a respeito ou que nos informe realmente o que há com este jogador. Ta ficando chato esse papo.. Todos sabem que Bustos é melhor do que os que estão aí!!

  • Marcelo S. Coelho diz: 2 de novembro de 2008

    Mais um post brilhante, ótimo blog!

Envie seu Comentário