Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Uma safra razoável no sub-20 da dupla Gre-Nal

22 de dezembro de 2008 32

Montagem com fotos Divulgação e Marcos Nagelstein

Gremio e Inter nos deixaram mal-acostumados. Em poucos anos, já foram revelados nos estádios Olímpico e Beira-Rio craques como Ronaldinho Gaúcho, Anderson, Lucas, Carlos Eduardo, Alexandre Pato, Nilmar, Rafael Sóbis, e muitos outros jovens que ainda buscam espaço – como Douglas Costa e Wálter, por exemplo.

Talvez por isto a dupla Gre-Nal não tenha me empolgado neste Brasileirão sub-20. E não estou falando sobre resultados e desempenho, que foram ótimos – afinal, o Grêmio foi campeão e o Inter chegou em 3º – mas sim sobre novos talentos, revelações, jogadores aptos a integrar com sucesso o grupo principal em 2009.

No campeão Grêmio, a análise pode ter sido prejudicada pela postura da equipe. Dentro de um 4-4-2 convencional, a estratégia de Julinho Camargo foi extremamente cautelosa, defensiva e ortodoxa. O time apresentou raras variações táticas, pouco se arriscou e não foi brilhante. O dilema é: o sistema se apresentou desta forma pela carência de virtuosos, ou foi a estratégia que bloqueou o surgimento de mais qualidade?

Independentemente da resposta, eu reconheci como pronto para integrar o grupo principal apenas um jogador do Grêmio: o volante Bruno Renan. O camisa 8 tricolor é um segundo volante de muita qualidade, bom passe, posicionamento preciso, coragem para jogar e se aproximar dos atacantes, e marcação determinada. É um bom jogador para disputar posição na vaga de Rafael Carioca, e ser testado neste Gauchão. Outros dois atletas foram muito badalados – Mithyuê e Paulinho. O meia-atacante foi eleito o melhor do Brasileirão sub-20, mas oscila demais. É decisivo – assim foi contra Inter e Sport – com gols e assistências em rompantes. Isso é excelente. Porém, durante a maior parte do jogo, ainda se equivoca em lances fáceis (domínio, passe e condução).

Mithyuê precisa de tempo para se aprimorar, e chegar aos profissionais sem ser “queimado”Já o capitão Paulinho é um volante muito afobado, que comete faltas em excesso sem a bola – às vezes com virilidade demais – e se atrapalha com a bola, errando passes e cedendo contra-ataques. Também não o considero preparado para jogar nos profissionais. De resto, o goleiro Fernando foi mal, os laterais se mostraram burocráticos e a dupla de zaga ainda não é de confiança plena, embora tenha sido segura com Wágner e Jean.

Os atacantes foram a maior decepção, para mim: Rafael Martins não emplacou e Rafael Paraíba se assemelha a Marcel. Gostei do reserva Wesley, que tem mais movimentação, mais qualidade no drible, e finaliza melhor – foi o artilheiro da equipe mesmo no banco. Mas Roberson, que jogou a Lupi Martins, para mim é o melhor entre todos.

No Inter, mais valores surgiram do meio para a frente, sem provocar entretanto nenhuma comoção. O principal foi o atacante Marquinhos, veloz e oportunista. Artilheiro da competição, Marquinhos pode começar a reivindicar as mesmas oportunidades que Wálter e Guto receberam. O Gauchão é uma competição oportuna para isto.

Éber não foi tão badalado, mas também me agradou. Não consegui definir exatamente se ele é um segundo atacante ou um meia ofensivo – ou alguma outra alternativa que me fugiu à percepção. Mas ele aparece na área com freqüência, conclui bem e participa da articulação ofensiva. Outro atleta com alguma condição de começar a ser testado.

O volante Paulinho, que já está integrado ao grupo principal, tem boa capacidade técnica e vigor na marcação. Não me impressionei a ponto de pensar que ele vai ultrapassar Sandro na hierarquia. Acredito que o volante revelado neste ano seja o substituto de Edinho – caso o capitão da Sul-Americana deixe o clube – e Paulinho aguarde, e enquanto isso, aprimore-se.

Do lateral-direito Daniel, outro atleta esperado no grupo principal, não sei o que falar. Vi um bom jogo contra o Flamengo, e partidas apenas comuns contra Grêmio e Náutico. Não sei em qual atuação de Daniel eu confio – na primeira, ou nas duas últimas. Precisa apoiar mais, como fez contra o Flamengo.

Dediquei quatro parágrafos para cada equipe. Agora, deixo o espaço dos comentários para que os leitores do blog tragam também suas observações sobre os jogadores da dupla Gre-Nal na sub-20. Sintam-se à vontade para trazer pontos de vista diferentes, destacar atletas que ignorei ou análises que faltaram…

Postado por Eduardo Cecconi

Comentários (32)

  • borracho diz: 22 de dezembro de 2008

    Tu viu todos os jogos (da Lupi Martins tambem)? Roberson, Tiago Dutra e Douglas Costa servem a seleçao sub-19 e sao as maiores apostas. Sobre o Paulinho, ele era meia, mas foi improvisado de volante por isso ele esta meio “afobado”, talvez se desse melhor de segundo volante (e bater nunca foi defeito nos jogadores do Gremio :D nao achas?). Outro q nao jogou agora foi o Thiago Santos, lateral direito q parece ser bom e sabe bater faltas tambem. Wesley tem entrado bem no ataque mesmo.

    Resposta do Cecconi: Olá, tudo bem? Assisti aos jogos da Lupi e do sub-20 que passaram na TV (Sportv e TVCom). Gostei muito do Roberson. Tiago Dutra era o capitão da equipe, eu acho, mas não reparei nele. Do time do sub-20, destaco mesmo o Bruno Renan. E pela idade – 17 anos – deve crescer muito ainda. Valeu pelo contato. Abraços!

  • ezequiel diz: 22 de dezembro de 2008

    Minhas impressões: o Grêmio nao teria goleiro se nao fosse o longo contrato com o Victor, Marcelo e Mateus. o Fernando não é nada confiável. Wagner é um bom zagueiro, joga simples. o Jean me pareceu estabanado demais. Paulinho e Bruno são ótimos volantes. Paulinho mais parecido com Eduardo Costa (mas abusando demais das faltas) e o Bruno mto parecido com o Lucas (apesar de nas categorias de base eu nunca ter visto um bom jogo do Lucas), velocidade, chute e força. (continua…)

  • ezequiel diz: 22 de dezembro de 2008

    Minhas impressões (continuando):
    Mithyuê (que nome, heinhô) é mto bom, tem futuro, faz pco tempo q tá na grama, só precisa de pco mais de adaptação. tem algo que falta mto no time principal: chute de média distância (com pontaria)

    os atacantes realmente me decepcionaram, apesar de q achei dentro da área serem bons, mas nao podem buscar o jogo pq nao sabem chutar de fora da area.
    o Wesley é o melhor dos 3 e o Paraiba o pior.

  • Arievilo diz: 22 de dezembro de 2008

    Não tenho o hábito de julgar jogadores precocemente( o tempo pode vir a me desmentir) mas, pela amostragem desse sub-20…realmente, foi decepcionante. destaco apenas 2 jogadores da dupla Gre-Nal: Bruno Renan(Grêmio) e Bruno(Inter).

  • Raphael Nunes diz: 23 de dezembro de 2008

    Eduardo, o Grêmio poderia muito bem contratar o Nenê, ex-Santos. É um meia esquerda, jogador que chuta forte com a canhota, tem o estilo de jogo parecido com o do Hugo. Lembra dele? Jogou a Libertadores de 2003 no Santos do Leão, que o contratou após bela passagem pelo Palmeiras em 2002, pois apesar do descenso do time paulista ele foi o goleador da equipe. É um jogador que acrescentaria. Quem concordar comigo, por favor, insistam neste jogador! Eduardo, faça uma enquete com esse nome, por favor

  • rodrigo diz: 23 de dezembro de 2008

    esse ano tanto o gremio quanto o inter nao tiveram times brilhantes, pois os jogadores com maiores potenciais de ambos os times ou estava na seleção sub-19 ou no elenco profissional, msm assim em ambos os times tinham alguns jogadores que davam gosto ver jogar!

  • Gustavo diz: 22 de dezembro de 2008

    Assisti apenas a final do campeonato e, baseado neste jogo, concordo plenamente com todas as avaliações que fizeste no texto. O Bruno Renan foi muito bem e mostrou ter personalidade, além de qualidade técnica.

  • HELOÍSA PIRES diz: 25 de dezembro de 2008

    O TIME DO INTER É MUITO MELHOR. ISSO TAMBÉM É DITO POR MUITOS GREMISTAS AQUI EM RIO GRANDE. OS JOGADORES SÃO MAIS TÉCNICOS, MAIS BRILHANTES. PERDEU. CONJECTURAS DA VIDA.

  • borracho diz: 22 de dezembro de 2008
  • borracho diz: 24 de dezembro de 2008

    Concordo com oq falaram, nao acho o Wagner tao bom zagueiro assim como a imprensa esta falando(nao me passa segurança, talvez por lembrar do gauchao..). Dos jogos desse campeonato q eu vi, achei o Jean melhor. Outro zagueiro q parece ser muito bom eh o Gerson q vai jogar a Copa SP (mas ainda eh muito novo, so 16 anos!)

  • borracho diz: 22 de dezembro de 2008

    Bruno Renan foi diferenciado mesmo, mas q eu me lembre no jogo contra o Ipatinga ele nao foi muito bem (mas acho q eh normal oscilar um pouco com essa idade..)

  • borracho diz: 22 de dezembro de 2008

    O melhor da safra: Douglas Costa! http://br.youtube.com/watch?v=OYrB4joRsdw Tu acha q ele ja deveria começar de titular em 2009, ou eh melhor ir entrando aos poucos mesmo com tanta habilidade?

    Resposta do Cecconi: Mais abaixo na lista de posts do blog procura um texto em que coloco o Douglas Costa como titular do Grêmio. É sobre o Alex Mineiro o título. Gosto do futebol do Douglas Costa, tomara que ele se firme em 2009. Abraço!

  • Lucas diz: 22 de dezembro de 2008

    Entrei para comentar, mas já escreveram o que eu ia falar… O melhor do sub20 do Grêmio já está nos profissionais…

    E ainda assim tem jogador para ser campeão. As categorias de base do tricolor são ótimas…

    Eu acho que o Wagner, zagueiro, é só bom e não vai emplacar nos profissionais como estão falando…
    Não dá pra entender o Colaço ser reserva mesmo. Ele é forte, vai pra cima e tem técnica…
    O BRuno Renan e o Mithiue são promessas, mas precisam de + tempo,

  • melinho diz: 23 de dezembro de 2008

    concordo com a maioria.pedrinho é bom em tudo,tiago e roberval devem subir também.bruno renã e mitiue tem muito futuro.

  • borracho diz: 24 de dezembro de 2008

    Ah, vlw por reponder! E sem querer chato, mais uma pergunta pra ti, tu acha q o Mattioni poderia ser improvisado como meia direita (ou winger no lugar do souza naquele teu 4-4-2 tipo o san lorenzo)?

    Resposta do Cecconi: acho que na meia o Mationi não se daria bem, mas como winger em uma segunda linha de quatro seria ideal – é só pegar o exemplo do Guerrón na LDU – um lateral apoiador na asa direita da linha de meio campo. Abração!

  • Steffano Rau Studzinski diz: 22 de dezembro de 2008

    Acho que no Gremio o destaque foram mesmo os ja citados, mas tem que dar realmente mais tempo ao Mithyue, pq o Ceslo eh o maior queimador de jogadores que ja passou pelo Gremio, na frente ate do Mano Menezes… Pelo Inter, falta destacar que o melhor jogador disparado das categorias de base ta na selecao sub-20, que eh o Tales (Nao o Tales Cunha, o Tales mesmo!). O Abel subiu ele um pouco rapido demais (alias ele subiu pro junior rapido demais), mas ele ja se adaptou. Vai ser o ano dele!

  • Fernando diz: 22 de dezembro de 2008

    O curioso é que o Bruno Renan é o mais jovem do elenco, o único nascido em 91, o que reserva um futuro brilhante para o garoto, o Mithyuê tem tudo pra emplacar, mas precisa de mais tempo de adaptação, o Rafael Martins seria uma boa alternativa de grupo. No mais, Tiago Dutra e Roberson, que não atuaram no campeonato, já são apontados como as grandes promessas do clube e deverão subir a serra em janeiro

  • paulo silva diz: 22 de dezembro de 2008

    Concordo que a forma retrogada do Julinho Camargo, sim ele mesmo, podou descaradamente o talento do lateral esquerdo BRUNO COLLAÇO, este atleta eu já vi jogando em muitas competições, é um ala excelente, técnico, mas por interesses qu não nos cabe, colocou o Marçal como titular, extremamente limitado, mas mesmo assim de ala, álias muito mal por sinal. No esquema tátic dele Bruno Collaço tinha que ficar plantado. Podou e não deixou aparecer o lateral esquerdo promissor que já treina c/celso

  • Lucas Winckler diz: 22 de dezembro de 2008

    Daniel? Uma inapelável “naba”. Apoiar contra o Flamengo eu apóio. Esse time do Inter só foi marcado com dedicação uma vez no campeonato e foi sua única derrota. Usam salto plataforma. O time do Grêmio acho que tem que trabalhar mais a cabeça, quando foi colocado “na parede” soube reunir forças e partir pra cima, COM QUALIDADE (Wagner, Marçal, Paulinho, Bruno Renan, Mithyuê e Rafael Martins tem futebol, tem que trabalhar a ATITUDE deles). Entendo a frustração com o futebol, afinal ganhou a zebra.

  • Samuel Sérgio Ritter diz: 23 de dezembro de 2008

    Achei interessante tua observação sobre os atacantes do Grêmio. Os reservas se destacam mais do que os titulares. Carlos Eduardo estava prestes a ser dispensado pelo Grêmio, mas não tinha ninguém para a posição e deram chance para o muleque. O conceito de atacante e centroavante no Grêmio é muito tosco. O clube precisa rever seus conceitos sobre o que são jogadores de futuro e o são juniores esforçados.

  • Gremistão diz: 22 de dezembro de 2008

    Cecconi, acho que você não assistiu toda a competição, eu assisti todos os jogos e mais a Lupi martins, o Paulinho é um ótimo volante, na final concordo que não se destacou, mas foi um dos mais regulares do time analisando todos os jogos dessas duas competições. Tem mais um que não jogou o sub-20 (acho que se lesionou)mas foi, para mim, o melhor do Grêmio na Lupi Martins: se chama Tiago Santos (Tiaguinho) que mesmo sendo lateral direito foi artilheiro do Grêmio nessa competição.

  • Erik – Rio de Janeiro diz: 22 de dezembro de 2008

    Concordo com quase tudo que escrevestes. Acrescento que no time do Grêmio vários jogadores eram reservas, mas mesmo assim tiveram garra. O Mithyuê lembra o Douglas do São Caetano, que era lento e jogava apenas numa zona do campo. Já no Corinthians do Mano passou a jogar mais centralizado distribuindo passes e infiltrando-se em tabelas na área adversária.Promete;assim como Bruno Renan,Rafael Martins,Wesley,Paulinho,Jean e Marçal.Só que temos que ter calma com estes,como tivemos com o Adilson.

  • Luiz Carlos Knopp diz: 22 de dezembro de 2008

    Cecconi, de todos que vi jogar, acho que somente um está pronto para ser titular: Paulinho (Inter), os demais terão que trabalhar muito ainda.

  • Lucas de Souza Gutierrez diz: 22 de dezembro de 2008

    Discordo um pouco de ti. O Paulinho me pareceu muito bom. Ele até pareceu afobado, mas pq chamou o jogo pra si por saber ser melhor que os outros. Outra: O Thiago (lat dir) é excelente, mas nao jogou por lesão. Thiago Dutra, Maylson nas seleção de base e Roberson machucado desfalcaram. Todos esses são nomes pros próximos anos: Thiago D., Paulinho, Bruno R., Mithyue, Thiago, Roberson, Wagner e Maylson. 8 ao todo, sem contar os q já tão no grupo principal. A SAFRA É FENOMENAL, ñ razoável.

  • João diz: 22 de dezembro de 2008

    Barbaridade, Felipe, não é possível se traçar paralelos entre o futebol de hoje e o futebol em que desfilaram Pelés e Garrinchas. Não há condição. Quando eu vejo, por exemplo, o Edmundo, com quase 40 anos, demolindo defesas com meros passes precisos e dando dribles em pouco espaço, eu imagino que se o Pelé jogasse hoje quebravam a perna dele todos os jogos. Habilidade, técnica, velocidade, objetividade, visão de jogo, isso tudo juntos, é algo imbatível em qualquer época. O tema é interessante.

  • Lovatto diz: 22 de dezembro de 2008

    Amigo. Pelo que vi a dupla grenal perdeu alguns anos apostando nesse meninada. A esperança é de que algum deles desponte sem mais nem porque, pois se o critério for futebol isso está faltando a quase todos os atletas. O futebol virou só vontade e físico, sem qualquer classe de um Pinga ou Aloisio que vi surgir no meu Internacional do passado. Isso sem contar os demais craques, os citando apenas pelo exemplo vitorioso. Parece uma gurizada quebradora de bola e burocrática,infelizmente.

  • vinicius diz: 22 de dezembro de 2008

    post bem bacana, parabens. sobre os jogadores do inter: gostei do marquinos tb, e do wagner… cuja posição acho q é meia direita q volta pra marcar…algo parecido como um terceiro homem do meio..atua na faixa do campo ontem o andrezinho melhor se apresentou… e esse daneil vo te conta, muito fraco…nao sei como a direção se ilude com uns guris as vezes..em 15 min vi q o negão nao servia… me fez lembrar o tempão q perdemos com caras com ricardo de jesus e guto…mas é isso..abraço

  • David da Silva Pache diz: 22 de dezembro de 2008

    Amigo Lovatto esse futebol clássico que vc viu não existe mais, futebol evoluiu e hj o jogador tem que ter primeiro preparo físico dps técnica, se conseguir reunir os dois é craque(R. Gaucho, Káka, Adriano(imperador), Ronaldo). Quanto a meninada, gostei mto do Mityue a de se fazer a resalva q fazem apenas 3 meses q ele treina na grama e já está mostrando resultado o Paulinho é um volante a lá Grêmio, mas precisa melhorar o passe. Bruno Renan será tão bom quanto Lucas e Carioca mas daqui 1 ano

  • Serginho Dutra diz: 22 de dezembro de 2008

    Discordo totalmente em relação ao Grêmio,estão esquecendo que do time do Brasileirão (adulto),varios jogadores eram na verdade sub-20 (Rafael Carioca,William Magrão,Hélder,Douglas,Wágner,Felipe,).E ainda tem os desfalques do Tiago Dutra e Roberson,os dois melhores do time.O Bruno Renan tem 17 anos.Então não venham com esse papo,pois o tricolor continua sendo o maior revelador de talentos do Brasil,sem dúvidas.

  • Filipe Baggio D´Avila diz: 22 de dezembro de 2008

    Olá Eduardo! Gostaria de sugerir um tema para futuro post. A.Fergusson comparou CR7 a Maradona e Pelé, o que gerou polêmica. Embora prefira jogadores mais pragmáticos, não acho absurdo a comparação. Não te parece que Pelé JAMAIS faria o mesmo sucesso hoje? Sempre que vejo os lances, percebo o tempo de sobra que ele tinha para dominar e fazer a plasticidade da jogada. Hoje isto é inviável. (sem falar na diferença de preparação física) Humildemente, peço que explore a questão. Forte abraço!

    Resposta do Cecconi: Olá Filipe, tudo bem? Pelo que entendi acompanhando as notícias de hoje, na verdade um repórter fez uma pergunta a Fergusson comparando C.Ronaldo a Maradona. E o técnico do Manchester enumerou diversas ressalvas. Acho que sobre as ressalvas inteligentes do Fergusson podemos sim encontrar material para um novo post. Valeu pela sugestão! Abraços.

  • PVC diz: 23 de dezembro de 2008

    Concordo contigo, o volante Bruno Renan apesar de ser o mais novo(17 anos) do grupo do gremio é o que parece ter melhor potencial.

  • Dado Borgez diz: 23 de dezembro de 2008

    Discordo de ti Ceconni:acho que deste time sub-20 podem subir Wagner(já está no grupo), Paulinho e Bruno Renan. O Paulinho é muito bom jogador, só foi prejudicado pelo esquema, pois ficou de meia centralizado no Four-Four-Two (confuso por sinal), sem o apoio do Diego, que é uma nulidade. Como o Bruno Renan subia muito e Mithyuê não voltava para fechar a marcação como um Winger, o Paulinho ficava sozinho á frente dos zagueiros, e teve que abusar das faltas quando não havia outro recurso(CONTINUA)

Envie seu Comentário