Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

A palavra errada para a tragédia em Santa Maria é fatalidade

30 de janeiro de 2013 15

A capacidade de sair de si mesmo para avaliar qualquer tipo de grande fato que ocorre na nossa volta. Quase impossível. Poucos humanos tem isso. É capacidade de poucos olhar algo em volta e avaliar com os olhos de outros. Qualquer erro do outro, qualquer defeito, qualquer situação vivida sempre é enxergada na nossa visão, nos nossos ideais, com as nossas vontades.
Somos egoístas. Todo tempo.

A incapacidade da boate Kiss, a imperícia de quem a libera abrir as portas, o show pirotécnico em local fechado, enfim, não é uma fatalidade. É um crime. Fatalidade seria se um tsunami invadisse as ruas de Santa Maria. E por isso a dor briga com a indignação. (SEGUE)

TEXTO DO POTTER SEGUE AQUI

The following two tabs change content below.

Potter

Luciano Lopes, apelido Potter, jornalista desde o inverno de 2002. Foi estagiário da Rádio Gaúcha no setor “rádio-escuta”: sentado, com o computador aberto no Word 97, ouvindo emissoras concorrentes. Na Atlântida desde dezembro de 2002. Y, Na paz, Night Club, Barracão, Bola nas Costas e Pretinho Básico são alguns dos programas que fez ou faz parte. Além da labuta online nos blogs do Pretinho, Bola e ATL POP. Em 2004 foi para o Papo Clip da TVCOM. No Patrola da RBSTV entrou em janeiro de 2009. Desde 2013 na ZeroHora.com.

Latest posts by Potter (see all)

Comentários via Facebook!

Comentários (15)

  • Willy diz: 30 de janeiro de 2013

    Com certeza pretinhos, isso é crime e mais de uma dúzia de pessoas deverão ao meu ver serem indiciadas e culpadas pela tragédia.
    Ao meu ver que libera o funcionamento de uma biroska nessas condições é tão culpado quando aos proprietários caras de pau. Prissão com pena pessada para todos os culpados e que sirva de exemplo para o resto do Brasil.
    Pois infelizmente estamos no país do faz de conta ………
    - faz de conta que tem segurança
    - faz de conta que tem justiça
    - faz de conta que tem eduação
    - faz de conta que tem saúde
    e faz de conta que tem leis

    Viram no que deu ………… agora dizem que é uma fatalidade!

    Prissão para todos os culpados.

  • israel diz: 30 de janeiro de 2013

    concordo plenamente, foi um crime que com responsabilidade poderia sim ter sido evitado, um crime de muitos culpados, e o pior de tudo um crime que fez muitas vitimas, que se não fosse por irresponsabilidade, por impericia, por virarem as costas para a segurança de todos os jovens que acabaram perdendo a vida.
    que a justiça seja feita.

    e que DEUS de força a todas as familias.

  • Rochelle diz: 30 de janeiro de 2013

    Perfeito texto Potter. Não houve fatalidade, mas sim uma soma de erros gravíssimos e que precisam ser devidamente apurados e responsabilizados.

  • Daniel diz: 30 de janeiro de 2013

    Caro Potter!
    Ouvi o programa de hoje (13:30h) e depois fiquei pensando… Já tive uma clínica que ficou 06 meses com o alvará vencido em Florianópolis, devido a dificuldade de agendamento dos bombeiros, pois, pasmem quando ligava para agendar, o atendente dizia que não tinha previsão da visita, pois não possuíam efetivo o suficiente para o trabalho.
    Então comecei a raciocinar… se, em uma casa noturna, onde as pessoas vão se divertir, onde, se não todos, a maioria “anda”, verificamos uma grande tragédia, imaginem se o “fogo” fosse em um hospital!!! Acredito sim, que temos que nos preocupar e cobrar uma atitude das autoridades em questão, mas não somente nos bares e casas noturnas, mas sim, em TODO ESTABELECIMENTO que necessite do tão FAMOSO alvará de funcionamento. #ficaadica.
    Abraço a todos;
    Daniel.

  • Rodrigo Ludwig diz: 30 de janeiro de 2013

    Sonhos Interrompidos

    O que dizer quando a vontade de falar é imensa, entretanto as palavras insistem em não sair? Aos que afirmam não aguentar mais ler histórias sobre a tragédia da cidade de Santa Maria, pergunto: qual a receita secreta para simplesmente trocar de assunto, virar a página e ir em frente? Qual a fórmula para ser indiferente a tantas histórias comoventes, onde centenas de jovens perderam a vida precocemente? Qual o segredo para adotar uma postura desinteressada frente ao acontecimento que entristeceu todo o nosso amado Rio Grande do Sul e o mundo? Expliquem-me, pois eu não tenho essas respostas. É impossível parar e simplesmente mudar de assunto, fechar os olhos e fingir que está tudo bem. Não está tudo bem. Não há como não pensar nas vidas de todos aqueles jovens que foram prematuramente interrompidas. Jovens como eu e, provavelmente, como você que lê esta crônica. Como desconsiderar todos os sonhos que foram ceifados abruptamente? Ser indiferente aos relatos de quem acabou de perder o amigo, o amor de sua vida ou o seu filho? Não dá. A dor de todas essas pessoas ecoa em mim também. E falo isso porque não canso de ler os relatos dos heróis que salvaram vidas e, principalmente, daqueles que deram a sua própria na tentativa de salvar alguém. Não canso de ler as inúmeras demonstrações de solidariedade, mensagens de apoio que certamente fazem a diferença neste momento de dor. Em especial aos manifestos dos meus conterrâneos do Rio Grande do Sul, todas essas declarações evidenciam o quão solidário é esse povo. Só Deus sabe o orgulho que tenho de ter nascido nesta terra. Tudo o que aconteceu em Santa Maria nos suscita indignação, raiva, mas, sobretudo… Tristeza! Jovens não deveriam morrer. Pais não deveriam passar pelo sofrimento de ter que enterrar seus filhos. É desumano, é cruel, é doloroso, é contrariar a lei natural da vida. Espero sinceramente que o incêndio na Boate Kiss não seja apenas um dos tópicos mais comentados na internet por alguns dias e depois caia no ostracismo. Que este terrível acontecimento que tirou a vida de tantos jovens gaúchos faça com que tenhamos uma fiscalização rígida por parte do Poder Público em casas noturnas para que eventos dessa ordem não voltem a acontecer. Que os proprietários de baladas e bares nos propiciem um lugar em que possamos nos divertir em segurança. E que momentos de celebração não se tornem novamente motivo de tristeza e desolação. E quanto aos culpados? Que isto fique por conta de quem cabe apurar. O que cabe a todos nós é ajudar. Doe sangue. Procure se informar de como você pode fazer a sua parte e faça. Expresso minhas condolências às famílias e amigos de todas as vítimas. Que Deus lhes ilumine e console pela imensa dor que estão sentindo. Escrevi esta crônica na esperança de conseguir exprimir por meio de palavras tudo o que está apertado dentro de mim e não consigo dizer como gostaria. Talvez o escritor gaúcho Fabrício Carpinejar esteja certo, as palavras perderam o sentido.

    Rodrigo Ludwig

  • Virginia diz: 30 de janeiro de 2013

    É uma lamentável perda, sou de Joinville e, não conheço Santa Maria, não conheço nenhumas das pessoas que ali estavam, não conheço nenhuma família que ali perderam seus familiares, mas parece que alguém da minha família estava ali. Peço a Deus para iluminar a todos que perderam um ente querido, pois o sofrimento destas pessoas é enorme. Infelizmente o ser humano tem uma percepção de aprendizado muito ruim, que é o aprender pelos erros, não está certo. Temos que aprender na hora que temos amor, paz e vida. E infelizmente no Brasil, ainda por cima, as autoridades só se sensibilizam quando há uma tragédia e o pior de tudo isto, é após a perda de um ente querido você vê na mídia o impura impura para saber quem realmente são os culpados. Vi uma reportagem hoje, dia 30/01/13, colocando a culpa nos Bombeiros, isso é um absurdo. São pessoas que tem famílias, que disponibilizam a sua vida para ajudar o próximo. Aqui em Joinville, é bem interessante que, os Bombeiros que atuam na sua maioria, são Bombeiros Voluntários, são pessoas que doam seu tempo para ajudar o próximo. Agora as pessoas que não querem pagar pelo erro cometido querem jogar a culpa em pessoas do bem!?! Chega dessa palhaçada! Chega de ser egoísta e querer tirar a culpa das costas de quem realmente tem culpa! Chega dessa palhaçada! Vamos cuidar do próximo, vamos orar para que essas famílias tenham a forças para recomeçar, que esta longa caminhada Deus é o melhor caminho!

  • cleber rios duarte diz: 30 de janeiro de 2013

    com certeza nao foi uma fatalidade foi um crime pois eu trabalho com prevençao de incendio e aquela casa nao tinha sinalizaçao,extintores falharam,alvara de licença vencido e o delegado ainda vem dizer que nao tem provas concretas para manter esses carniceiros presos,pelo amor de DEUS nem de transito esse louco tem que cuidar meu

  • Everson diz: 31 de janeiro de 2013

    Potter faço de suas palavras as minhas. No domingo a noite olhando o Tele Domingo meus olhos se encheram vendo vários caixões sendo enfileirados.
    Hoje quando vejo alguma cena do acidente (premeritado) paro no tempo como um telógio sem pilha e fico a pensar na dor que muitas pessoas estão sentindo e os familiares que iram sentir para o resto da vida.
    Somos egoistas mesmo e temos muitas vezes pensamentos insanos. Pois me veio na cabeça quantas pessoas tem culpa em tudo isso e o que essas pessoas vão fazer quanto a todas essas pessoas mortas(desculpe a expressão mas é assim que temos que falar com os causadores pois são todos uns assassinos) quem sabe se dessemos uma arma na mão de cada culpado para que eles mesmo se julgassem e tomassem as devidas atitudes com sigo mesmo, será que eles teriam uma atitude de uma pessoa com razão da verdade ou carregariam essa culpa em uma amargura entranhada para o resto da vida??
    Sei que isso é um pensamento meio fora da realidade, mas quem saiba com isso os responsáveis por toda essa desgraça se punam pela atrocidade que fizeram!!

  • Taise Lencina diz: 31 de janeiro de 2013

    Eu, hoje como de costume fui para o trabalho as 13:15h ouvindo o pretinho básico.ACchei fantástica a posição de todos no programa com relação ao ocorrido de Santa Maria -RS.
    Concordo plenamente que a RBS foi muito feliz coma sua atitude de suspender o Planeta Atlântida! Amei o texto de abertura do programa, onde dizia que o Brasil é o país da negligência, onde dizia que tudo nesse país cai no esquecimento.Amei o texto não por palavras bonitas, por que não tinha palavras bonitas.Tinha palavras que relatam o dia a dia ,que relatam as verdades do país.Procurei o texto para divulgar no facebook, mas não encontrei:/
    Queria divulgar para a menor parte de ouvintes Brasil que AINDA não ouve a atlântida, que AINDA não acompanha o pretinho básico!!!
    ”Se todo o Brasil estivesse ouvido aquele texto…!”

  • Bruno diz: 31 de janeiro de 2013

    Temos que acaba com as palhaçadas desse pais….é só não esquecermos…continuar pressionando…lembrando…compartilhando em redes sociais….CHEGA!!!
    Citando Arnaldo Jabor:
    (…)Sabe como é que os ‘ressentimentos passivos’ se transformarão em participação ativa?
    De onde virá o grito de ‘basta’ contra os escândalos, a corrupção e o deboche que tomaram conta do Brasil? (…)
    (…)Algo me diz que mais uma vez os gaúchos é que levantarão a bandeira.(…)

    Ta na hora de salvarmos esse País!!!

  • Eweton Linck diz: 31 de janeiro de 2013

    Quero deixar a minha indignação registrada para as nossas autoridades “competentes”.No ano passado quando liberaram o estádio Beira Rio em meio aos escombros para jogos,fui totalmente contra,sorte que não houve nenhuma tragédia.No final do ano passado liberaram a Arena,sabendo que o estádio só ficaria pronto em março.Ontem aconteceu aquele acidente,sorte que ninguém se machucou gravemente.Mas aí eu pergunto,vai ter que acontecer outra tragédia para se respeitarem as leis,os prazos pra que a gente possa frequentar um lugar público com segurança? Quantas pessoas entre adultos,jovens e crianças frequentam os estádios da dupla grenal,ou qualquer outro estádio no Brasil? Fico triste em ver que os interesses particulares e financeiros estão acima das vidas das pessoas.E fico mais triste ainda que quase ninguém comentou este incidente de ontem,que poderia ter sido mais grave do que foi.Independente de amores clubisticos.Tá mais do que na hora,autoridades de fazer valer as leis,ou quantas tragédias mais vão ter que acontecer! Um grande abraço aos pretinhos,acompanho vcs todos os dias nos dois horários.Façam valer como sempre o poder da voz de vocês,chega não aguento mais ver tristeza nas radios,jornais e tvs. Ewerton Linck,Pelotas-RS

  • Fernando D. diz: 31 de janeiro de 2013

    Olá Potter!

    Sempre escuto o programa das 18hs e gostaria de dar os parabéns pelo programa de ontem do Pretinho Básico pela solidariedade demonstrada,
    Apesar de ser de Novo Hamburgo e não ter conhecidos na tragédia do dia 27/01, me comove as cenas, relatos e a dor de diversos pais e familiares
    que ainda diariamente sofrem com o ocorrido. Me sensibiliza, como deveria sensibilizar a todos, afinal poderia ser qualquer um de nós.

    Como trabalho com desenvolvimento de websites, desenvolvi um memorial online em homenagem aos jovens que se foram – http://www.lutosantamaria.com.br
    A ideia, além do memorial, é conseguir o endereço dos familiares de Santa Maria para enviar cartas, lembranças e homenagens dos seus filhos.
    Fazer mais do que palavras, reunir a força que temos nas redes sociais para mobilizar uma grande ação solidária

    Se possível, divulgar no programa iria ajudar MUITO (afinal nenhum veículo de comunicação em massa divulgou ainda..)
    Conto com a solidariedade de vocês !! Abraço galera!!

    (Estarei tentando enviar este mesmo email para outros integrantes do programa!)

    Abraço e obrigado!!!
    Fernando Dondé
    (51) 81213633

    http://www.lutosantamaria.com.br

  • JOSE ALDAIR diz: 4 de fevereiro de 2013

    Potter,
    É dever de vcs do PB que fazem tantas festas pelo Estado, exigir através dos produtores que o alvará dos estabelecimentos estejam em dia. A partir de agora toda a sociedade tem que efetuar MARCAÇÃO CERRADA contra a irresponsabilidade desses canalhas.

  • tiago diz: 7 de fevereiro de 2013

    o q deixamos passar despercebido é que isso acontece o tempo todo em todos os lugares, não desastres mas sim negligencia como aconteceu este fim de semana em Caxias do Sul com um conhecido de minha esposa, o guri de 24 anos entrou no hospital para uma cirurgia de apendicite, nada de complicações na cirurgia, no pós operatório já no quarto ele começou a vomitar sangue e a mãe deste guri chamou a enfermeira que disse assim:
    isso é normal e eu já vou medica-lo ainda estou na minha hora de intervalo, estou muito cansada já vou atende-lo.
    ele morreu nesta noite
    este é um caso que eu na minha ignorância fiquei sabendo porque estava de férias na casa de uma tia, imagina quantas vezes em todas as cidades de SC e RS acontece todo dia e não ficamos sabendo
    de quem é a culpa disso?
    é minha que não fiscalizei quem eu botei no poder para ver se este estava executando seu trabalho
    fica a dica
    abraço

  • Elson Silva diz: 11 de fevereiro de 2013

    Face – Voto Nulo Por Santa Maria
    ‘VOTO NULO NOS PROXIMOS 238 ANOS’ – desafio lançado por ‘Tubarc’ um cientista jogado no lixo como estes jovens. Justiça é fazer o Brasil o país do VOTO NULO para ser o país do futebol, carnaval, e Democracia Nula. Saímos da ditadura que impôs uma democracia sem escolha. Não adianta ir de novo para as ruas para protestar como o Lula e a Dilma, porque sempre está piorando. O voto NULO enraizado na nossa cultura é a melhor opção na consciência do brasileiro quando teclar na urna. Dizem que não sabemos votar o voto obrigatório. O voto NULO sempre será a voz do basta contra a democracia falsa, cara, ineficiente, corrupta que não cuida da coisa publica de todos. Quando o Brasil se tornar o país do voto NULO Santa Maria vai poder brilhar como o último basta do nosso desespero pela falta de HONESTIDADE no jeitinho brasileiro. Esta tragédia nos une numa causa única – Santa Maria abençoai o voto NULO – Chega!

Envie seu Comentário