Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Os melhores não campeões da história da NBA

08 de setembro de 2014 0
Bookmark and Share
Foto: NBA.com/Reprodução

Foto: NBA.com/Reprodução

O Prime Time faz uma série de posts com os melhores jogadores da história que nunca chegaram ao título nas grandes ligas americanas. Hoje, é a vez da NBA. Já falamos de NHL, MLB e NFL.

Karl Malone
Malone levou o Utah Jazz a um patamar inédito para a franquia. Foram duas finais e números expressivos. Mas o Chicago Bulls de Michael Jordan e Scottie Pippen foi o adversário nas duas vezes. A ironia do destino impediu as conquistas. Na última temporada da carreira, em 2003/2004, foi para o Los Angeles Lakers de Kobe Bryant e Shaquille O’Neal para tentar o único anel da carreira. Chegou às finais mais uma vez, mas voltou a ser derrotado. Desta vez, pelo Detroit Pistons. Malone foi o jogador mais valioso da NBA duas vezes e teve 14 aparições no All-Star Game.

Charles Barkley
Barkley foi MVP da NBA em 1993, tem o número 34 aposentado em dois dos três times em que atuou na NBA – Philadelphia 76ers e Phoenix Suns. Ainda passou pelo Houston Rockets. Encerrou a carreira em 2000 sem chegar perto de colocar um anel.

John Stockton
Stockton foi um dos grandes armadores da história. Atuou com Karl Malone no lendário Utah Jazz da década de 1990 – ele ficou na equipe de Salt Lake City durante toda a carreira, entre 1984 e 2003. Teve 10 aparições no All-Star Game e foi eleito o MVP do All-Star Game em 1993.

Patrick Ewing
Ewing foi um dos principais nomes do New York Knicks. Ficou na franquia nova-iorquina entre 1985 e 2000, mas não conseguiu quebrar o tabu de títulos da equipe. Nos anos finais da carreira, ainda passou por Seattle Supersonics e Orlando Magic. Foram 11 aparições no All-Star Game, a eleição de calouro do ano em 1986, o número 33 aposentado no Knicks, mas nenhum título.

Allen Iverson
Iverson é discutivelmente o jogador mais habilidoso da história. O MVP da NBA em 2001 levou o Philadelphia 76ers às finais em 2001, mas o time acabou derrotado em cinco jogos pelo Los Angeles Lakers. O armador jogou no time da Pensilvânia entre 1996 e 2006 – depois, voltou entre 2009 e 2010. Passou ainda por Denver Nuggets, Detroit Pistons e Memphis Grizzlies.

Envie seu Comentário