Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Indeciso sobre futuro, Maikon Bonani descarta jogar em outra liga

26 de março de 2015 0
Bookmark and Share
Bonani está sem time desde que foi dispensado pelo Titans, em agosto. Foto: Divulgação

Bonani está sem time desde que foi dispensado pelo Titans, em agosto. Foto: Divulgação

Maikon Bonani teve duas chances no Tennessee Titans (2013 e 2014). Em ambas, no entanto, acabou cortado ao fim da pré-temporada. No segundo ano, ganhou mais espaço com o corte de Rob Bironas — que morreu de forma trágica em um acidente automobilístico meses depois. Mas, mesmo assim, não ganhou a posição e foi dispensado junto com seu principal concorrente, Travis Coons — o Titans optou por contratar o veterano Ryan Succop, ex-Kansas City Chiefs.

Sem contatos para voltar à NFL na pré-temporada de 2015, o brasileiro está dividido. Ainda que tenha o desejo de retomar a carreira, já começa a planejar o futuro fora dos gramados — mas não longe do esporte.

Dos Estados Unidos, onde ainda vive, Bonani conversou por telefone com o Prime Time e falou sobre as expectativas para o futuro, o desempenho de Cairo Santos na NFL e a única certeza esportiva que tem no momento: não pretende jogar em outras ligas, como CFL ou AFL.

Prime Time — Como tem sido sua vida fora da NFL?
Maikon Bonani — Eu estou vivendo uma vida de atleta. Continuei treinando depois que fui cortado. Por enquanto não apareceu nada, estou 50-50. Às vezes acho que vou parar e continuar minha vida, às vezes acho que vou continuar. Ainda não me decidi.

Prime Time — Recebeu algum contato nesta intertemporada?
Bonani — Não, por enquanto, não.

Prime Time — Você pensa em jogar em outra liga?
Bonani — Não, eu não pensei nisso. Se caso a NFL não der certo, vou parar com o futebol americano. Gostaria de ficar dentro do esporte, em termos de ajudar dentro do esporte, mas praticar, não. Estou construindo uma família, preciso pensar no meu futuro.

Prime Time — O que faz fora do esporte?
Bonani — Me formei em Ciência do Exercício, que é uma espécie de Educação Física. Eu não sei ainda o que vou fazer. Estou naquele período de decisão, conversando com pessoas, estudando várias oportunidades aqui. Então ainda não sei.

Prime Time — Como foram os dois períodos no Tennessee Titans?
Bonani — Foi uma experiência única. Fico magoado que não deu certo, mas é uma experiência para o resto da vida. Foi uma competição entre mim e o rapaz (Travis Coons), acabamos os dois sendo cortados. Decidiram ir com um veterano (Ryan Succop). É uma decisão do time, preferiram na hora H ir com um veterano. Faz parte do negócio, eu entendo.

Prime Time — O que você achou da primeira temporada do Cairo Santos?
Bonani — O Cairo é um chutador tão bom que nem precisa manter o olho nele. Teve uma temporada boa, com certeza. Começou errando um ou dois chutes, mas chutou muito bem. Estou muito orgulhoso dele.

Envie seu Comentário