Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts com a tag "New York Yankees"

O adeus de Derek Jeter ao beisebol

29 de setembro de 2014 0
Bookmark and Share
Jeter encerra a carreira depois de 2.747 jogos pelo Yankees. Foto: Al Bello/Getty Images/AFP

Jeter encerra a carreira depois de 2.747 jogos pelo Yankees. Foto: Al Bello/Getty Images/AFP

Acabou. Depois de 20 temporadas, Derek Jeter dá adeus ao New York Yankees e à Major League Baseball. Um dos grandes shortstops da história do beisebol fez seus atos finais no Fenway Park, casa do eterno rival Boston Red Sox, neste domingo.

Jeter deixa a MLB com 14 aparições no All-Star Game, cinco títulos de World Series, um prêmio de MVP das finais e outros prêmios individuais e números marcantes. O legado do camisa 2 ficará para sempre na memória dos fãs de Nova York.

Os prêmios de Derek Jeter:

— 14 seleções para o All-Star Game (1998, 1999, 2000, 2001, 2002, 2004, 2006, 2007, 2008, 2009, 2010, 2011, 2012, 2014)

— Jogador mais valioso da World Series (2000)

— Novato do ano (1996)

— 5 vezes Gold Glove Award (2004, 2005, 2006, 2009, 2010)

— 5 vezes Silver Slugger Award (2006, 2007, 2008, 2009, 2012)

— 2 vezes AL Hank Aaron Award (2006, 2009)

— 1 vez Roberto Clemente Award (2009)

Números da carreira:

— 3.465 rebatidas,  o sexto maior número na história das grandes ligas; o maior para um shortstop; o maior do New York Yankees.

— Lidera os números do New York Yankees em partidas disputadas (2.747), aparições no bastão (11.195), corridas, rebatidas duplas (544) e bases roubadas (358).

— É o líder em partidas disputadas, rebatidas e corridas em pós-temporadas.

— É um dos 13 jogadores na história com pelo menos 3 mil rebatidas e com um aproveitamento de pelo menos 31% no bastão ao longo da carreira.

Derek Jeter honra despedida e decide vitória em último ato no Yankee Stadium

26 de setembro de 2014 0
Bookmark and Share
Jeter fez sua última partida no Yankee Stadium. Foto: Al Bello/Getty Images/AFP

Jeter fez sua última partida no Yankee Stadium. Foto: Al Bello/Getty Images/AFP

Um mito que soube encerrar sua trajetória como tal. Derek Jeter fez, na noite desta quinta-feira, sua última partida no Yankee Stadium e, de forma histórica, conseguiu a rebatida que impulsionou a corrida da vitória do New York Yankees sobre o Baltimore Orioles por 6 a 5. O ídolo ainda fará três jogos finais em uma série contra o Boston Red Sox, em Massachusetts, antes de encerrar a carreira – lá, jogará apenas como rebatedor designado.

Yankees e Orioles anotaram duas corridas ainda na primeira entrada. Com mais três na sétima, o time de Nova York ficou perto da vitória. No entanto, no que parece ter sido obra do destino glorioso de Jeter, o Orioles empatou o duelo na parte de cima da última entrada. Restou ao shortstop a bola do jogo. E ele correspondeu. Como sempre.

A vitória não altera o cenário da divisão Leste da Liga Americana. O Orioles está classificado para os playoffs, com o título divisional garantido, e o Yankees está eliminado. Por um dia, isso não importou.

Yankees usará acessório nos uniformes em homenagem a Derek Jeter

03 de setembro de 2014 0
Bookmark and Share

Derek Jeter entrou em seu último mês de carreira. O shortstop, então, receberá homenagens do New York Yankees nas próximas semanas. O próximo domingo foi declarado o “Derek Jeter Day” e, além disso, o time usará ao longo de setembro um acessório ao uniforme em referência ao jogador.

jeter2

Jeter atua no Yankees desde 1995. No período de quase duas décadas, ele foi cinco vezes campeão da World Series e apareceu em 14 All-Star Games.

As melhores jogadas da carreira de Derek Jeter

30 de agosto de 2014 0
Bookmark and Share
Jeter se aposentará aos 40 anos. Foto: Rich Schultz/Getty Images/AFP

Jeter se aposentará aos 40 anos. Foto: Rich Schultz/Getty Images/AFP

Derek Jeter está prestes a encerrar a sua longa e brilhante carreira na Major League Baseball. O shortstop deixa o melhor beisebol do mundo com cinco títulos de World Series e 14 aparições no All-Star Game — tudo, entre 1995 e 2014, pelo New York Yankees.

Veja os grandes momentos da carreira de Jeter:

Imagens: YouTube

Derek Jeter ganha homenagem e tem rosto desenhado em fazenda

18 de agosto de 2014 0
Bookmark and Share

O shortstop Derek Jeter, de 40 anos, está na última temporada de sua carreira. Para homenageá-lo, a fazenda VonThun, em Nova Jersey, desenhou o seu rosto em grandes proporções em um gramado. O camisa 2 jogou toda a carreira, de 1995 a 2014, pelo New York Yankees — com cinco títulos de World Series e 14 aparições no All-Star Game.

Foto: Von Thun's Country Farm/Divulgação

Foto: Von Thun’s Country Farm/Divulgação

Os times das ligas americanas mais odiados no Brasil

07 de agosto de 2014 0
Bookmark and Share

odiados

Ao longo da semana, fizemos posts sobre os times das ligas americanas mais odiados nos Estados Unidos (veja aqui: NBA, NFL, MLB e NHL). Mas o site Reddit também fez o levantamento de rejeição ao redor do mundo, e nós apresentamos os mais odiados no Brasil.

NBA

O grande número de torcedores que o Miami Heat ganhou desde que juntou o Big Three com LeBron James, Dwyane Wade e Chris Bosh, em 2010, é bem considerável. Mas gerou ódio, na mesma proporção. Mesmo com a saída de LeBron, o Heat continua como time mais odiado no Brasil.

odionba

 

NFL

O New England Patriots é um dos times mais tradicionais nos Estados Unidos, e ao mesmo tempo que tem a maior torcida no Brasil, também tem a maior rejeição. Fica claro que é difícil ser indiferente à equipe de Tom Brady — e a sempre citada relação entre NFL e Gisele Bündchen torna a rejeição mais fácil para os fãs mais clássicos do futebol americano.

odionfl

 

MLB

À exceção da Oceania, o ódio pelo New York Yankees é uma tendência mundial da qual a América do Sul não está livre. A popularidade da equipe nova-iorquina é muito grande, todos conhecem a franquia. Ao mesmo tempo em que é a mais odiada, certamente é a que tem mais bonés em pessoas que nunca viram uma partida de beisebol na vida.

odiomlb

 

NHL

A tendência de ódio mundial na NHL é pelo Boston Bruins. Mas África e América do Sul fogem dessa realidade. Enquanto os africanos não gostam do Winnipeg Jets, os sul-americanos odeiam o Montréal Canadiens. Os brasileiros não se dão muito bem com o maior campeão do hóquei na história da América do Norte.

odionhl

 

Os times da MLB mais odiados nos Estados Unidos

05 de agosto de 2014 0
Bookmark and Share

Vamos a mais um post da série “Os Times Mais Odiados”. Depois de NBA e NFL, agora é a vez de saber qual é o time da MLB que gera mais ódio em cada estado dos Estados Unidos. Os dados são de uma pesquisa realizada pelo site Reddit.

O New York Yankees é o odiado em mais lugares. Em Nova York, o título é do Boston Red Sox devido à rivalidade com o Yankees. O Los Angeles Dodgers domina a rejeição na costa oeste e o Angels, no Texas.

Veja:

mosthatedmlb

Torcedor do Yankees acha anel do Red Sox e... devolve ao dono

29 de julho de 2014 0
Bookmark and Share
Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

A rivalidade entre New York Yankees e Boston Red Sox, uma das maiores e mais antigas da Major League Baseball (MLB), ficou de lado por um fato curioso em Nova York. O dono de um restaurante em Manhattan, torcedor fanático do Yankees, encontrou em seu estabelecimento um anel do Red Sox referente ao título da última temporada.

Para a sorte do dono da joia, Luigi Militello teve um bom coração e resolveu devolvê-la. O dono do anel é Drew Weber, proprietário do Lowell Spinners, filial do Boston Red Sox nas ligas menores, e que frequenta o restaurante de Militello.

- Comecei a procurar em meu apartamento e comecei a ter palpitações. O suor escorria da minha testa. Eu olhava para o meu dedo e não estava ali – contou Weber, em entrevista à agência AP.

- Sendo um Yankees-Red Sox, comecei a brincar com ele. Disse que não seria tão fácil ter o anel de volta. Brinquei muito com ele – comentou Militello.

Os dois combinaram um encontro para que Weber reencontrasse a joia.

Advogado de Alex Rodriguez pode processá-lo por falta de pagamento

03 de julho de 2014 0
Bookmark and Share
A-Rod responderá a processo por não pagar honorários advocatícios. Foto: Jonathan Daniel/Getty Images/AFP

A-Rod responderá a processo por não pagar honorários advocatícios. Foto: Jonathan Daniel/Getty Images/AFP

Alex Rodriguez está suspenso da temporada 2014 da MLB pelo caso Biogenesis, em que atletas fizeram uma espécie de tratamento para ter ganho de desempenho de forma ilegal. Além da punição, o terceira base do New York Yankees pode sofrer outro revés: um de seus advogados, David Cornwell, no caso irá processá-lo por falta de pagamento de honorários advocatícios. As informações são do jornal New York Daily News.

O valor reclamado por Cornwell chegaria a cerca de US$ 500 mil. A MLB e a associação de jogadores da liga já foram notificadas da intenção do advogado em processar A-Rod. O jogador alega, de acordo com a reportagem, que não fez o pagamento por ter recebido orientações erradas de Cornwell.

De acordo com o Código de Responsabilidade Profissional para os advogados dos Estados Unidos, Cornwell teria direito de revelar segredos passados por A-Rod durante o processo para se defender das acusações do jogador.

Rodriguez, que completa 39 anos no fim do mês, está na MLB desde 1994, com passagens por Seattle Mariners e Texas Rangers antes de chegar ao Yankees em 2004. Com 14 aparições no All-Star Game e um título de World Series, em 2009, o terceira base só poderá voltar a jogar em 2015 – a punição de 162 jogos é estendida aos playoffs caso necessário.

Subway Series na história: os confrontos nova-iorquinos que decidiram a MLB

11 de junho de 2014 1
Bookmark and Share

subwayseries

A Subway Series nasceu como um apelido às World Series decididas entre times de Nova York – uma referência aos times interligados por linhas de metrô da maior cidade dos Estados Unidos. Hoje, serve para chamar qualquer confronto entre times nova-iorquinos, sejam na World Series ou na temporada regular – como Yankees e Mets jogam em ligas diferentes, não se enfrentam em playoffs antes da decisão.

Dois times que estão na Califórnia hoje jogaram em Nova York até 1957. O Giants (hoje San Francisco, antes New York) e o Dodgers (hoje Los Angeles, antes Brooklyn). Eles foram responsáveis por grandes duelos contra o Yankees, que foi fundado como Baltimore Orioles e está na Big Apple desde 1903 – até 1912 como New York Highlanders, e desde então com o nome atual.

Quando Giants e Dodgers se mudaram para a costa Oeste, Nova York ficou cinco anos com apenas um time, o Yankees, até que foi criado o New York Mets em 1962 – a ideia era fazer com que a cidade tivesse uma franquia em cada liga da MLB.

Giants e Dodgers nunca se enfrentaram na decisão enquanto estavam em NY. Com isso, o Yankees apareceu em todas as decisões em Subway Series. A última delas, em 2000, a única com aparição do Mets – que conseguiu apenas uma vitória.

As finais da MLB em Subway Series:

1921: Giants 5-3 Yankees

1922: Giants 4-0-1 Yankees

1923: Yankees 4-2 Giants

1936: Yankees 4-2 Giants

1937: Yankees 4-1 Giants

1941: Yankees 4-1 Dodgers

1947: Yankees 4-3 Dodgers

1949: Yankees 4-1 Dodgers

1951: Yankees 4-2 Giants

1952: Yankees 4-3 Dodgers

1953: Yankees 4-1 Dodgers

1955: Dodgers 4-3 Yankees

1956: Yankees 4-3 Dodgers

2000: Yankees 4-1 Mets

Números da Subway Series na World Series:

New York Yankees – 11 títulos/3 vices

New York Giants – 2 títulos/4 vices

Brooklyn Dodgers – 1 título/6 vices

New York Mets – nenhum título/1 vice