Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts com a tag "Oklahoma City Thunder"

De sexto homem a astro: o novo James Harden no Houston Rockets

17 de fevereiro de 2015 0
Bookmark and Share
Antigo coadjuvante no Thunder, Harden virou protagonista no Rockets. Foto: Stephen Dunn/Getty Images/AFP

Antigo coadjuvante no Thunder, Harden virou protagonista no Rockets. Foto: Stephen Dunn/Getty Images/AFP

Quando se envolveu em uma grande troca com o Oklahoma City Thunder para ter James Harden, nem o próprio Houston Rockets esperava um crescimento de desempenho tão grande do armador. Menos de três anos depois de mudar de cidade, o barbudo se tornou um dos melhores jogadores da NBA e candidato ao prêmio de jogador mais valioso da temporada 2014/2015.

No Thunder, Harden era ofuscado por Kevin Durant e, principalmente, Russell Westbrook. Apesar de ser uma peça importante no elenco, a terceira escolha do draft de 2009 era apenas reserva — e mantinha médias relativamente boas, mas nunca acima dos 17 pontos por jogo.

Para manter Harden, o Thunder exigia uma renovação contratual. Ela não aconteceu e o time preferiu trocá-lo. Enviou o armador junto com Daequan Cook, Cole Aldrich e Lazar Hayward para ter Kevin Martin, Jeremy Lamb, duas escolhas de primeira rodada e uma de segunda.

O negócio era caro. Por isso, Harden precisaria render mais em um papel mais importante no Rockets. Quando chegou, tinha a relevância de um líder técnico. Ganhou a parceria de Dwight Howard, mas seguiu como o grande nome da equipe dentro da quadra. E não decepcionou.

Em sua terceira temporada no Texas, o shooting guard virou uma estrela de alto rendimento. Com uma impressionante média de 27,4 pontos por jogo, foi uma escolha óbvia para o All-Star Game e comanda a boa campanha do Rockets, que teve 36 vitórias e 17 derrotas, no quarto lugar do disputado Oeste, até a parada para o jogo das estrelas.

Westbrook comanda, e Oeste vence o All-Star Game em Nova York

16 de fevereiro de 2015 0
Bookmark and Share
Westbrook ficou a um ponto do recorde de Wilt Chamberlain no ASG. Foto: Andrew D. Bernstein/NBAE via Getty Images/AFP

Westbrook ficou a um ponto do recorde de Wilt Chamberlain no ASG. Foto: Andrew D. Bernstein/NBAE via Getty Images/AFP

Pela primeira vez, a seleção da Conferência Oeste venceu um All-Star Game da NBA no lendário Madison Square Garden, em Nova York. Na noite deste domingo, o time ocidental foi comandado por Russell Westbrook, que marcou 41 pontos – segunda maior marca da história do jogo – e foi eleito o MVP da partida. No fim das contas, o Oeste bateu os donos da casa por 163 a 158.

O Oeste controlou as ações no início do jogo e abriu 11 pontos ainda no primeiro quarto – Westbrook, com 27 pontos, quebrou o recorde para o primeiro tempo no jogo das estrelas. No segundo e terceiro quartos, o Leste teve uma participação importante de LeBron James e cestas de três de Kyle Korver para encostar e até passar à frente em alguns momentos.

No período decisivo, a parceria dos ex-colegas de Oklahoma City Thunder Westbrook e James Harden garantiu, ajudada pelas 15 assistências de Chris Paul no jogo, definiu o duelo.

Russell Westbrook se tornou o segundo MVP do Thunder desde que a franquia se mudou para Oklahoma City. Ele terminou a partida com 41 pontos e cinco rebotes. James Harden teve 29 pontos, oito rebotes e oito assistências, seguido por 18 pontos de LaMarcus Aldridge e 15 de Stephen Curry.

Pelo Leste, o cestinha foi LeBron James, com 30 pontos, além de sete assistências e cinco rebotes. Korver teve 21 pontos – todos em bolas de três -, enquanto John Wall anotou 19 pontos e sete assistências.

O Oeste chegou a quatro vitórias nas últimas cinco edições do All-Star Game. No entanto, a vantagem histórica ainda é do Leste: são 37 vitórias e 27 derrotas.

Cavs, Thunder e Knicks acertam troca tripla e Dion Waiters vai para OKC

06 de janeiro de 2015 0
Bookmark and Share
Waiters reforça o elenco do Thunder. Foto: David Liam Kyle/NBAE via Getty Images/AFP

Waiters reforça o elenco do Thunder. Foto: David Liam Kyle/NBAE via Getty Images/AFP

Uma troca tripla agitou a NBA nesta segunda-feira. De acordo com o jornalista Adrian Wojnarowski, do Yahoo Sports, Cleveland Cavaliers, Oklahoma City Thunder e New York Knicks acertaram um negócio grande – o principal jogador movido é Dion Waiters, que deixa Cleveland a caminho de Oklahoma City.

O negócio:

- Cavaliers recebe J.R. Smith (NYK), Iman Shumpert (NYK), escolha de primeira rodada do Thunder;
- Thunder recebe Dion Waiters (CLE);
- Knicks recebe Lance Thomas (OKC), Alex Kirk (CLE), Lou Amundson (CLE) e escolha de segunda rodada de 2019 do Cavaliers.

A negociação tem objetivos diferentes para os três times. O Cavaliers quer reforçar sua rotação e ter uma escolha de draft a curto prazo. O Thunder busca dar suporte a Kevin Durant e Russell Westbrook. Enquanto isso, o Knicks procura abrir espaço no teto salarial e economizar – como parte deste processo, o pivô Samuel Dalembert deve ser dispensado.

Madison Square Garden e Quicken Loans Arena têm as cervejas mais caras da NBA

26 de dezembro de 2014 0
Bookmark and Share
Cerveja mais barata no Madison Square Garden custa US$ 10,50. Foto: Nathaniel S. Butler/NBAE via Getty Images/AFP

Cerveja mais barata no Madison Square Garden custa US$ 10,50. Foto: Nathaniel S. Butler/NBAE via Getty Images/AFP

O New York Knicks definitivamente não tem sido uma opção atrativa para os fãs da NBA. Além de um time modesto com uma campanha ruim, o torcedor que quiser ir ao Madison Square Garden e beber uma cerveja precisa desembolsar o maior valor entre todas as arenas do melhor basquete do mundo. Um copo de 600 ml custa US$ 10,50 ao consumidor.

O pior custo-benefício é na Quicken Loans Arena, do Cleveland Cavaliers. O menor copo é de 350 ml e custa US$ 7,25, ou US$ 0,60 por onça.

Na Chesapeake Energy Arena, casa do Oklahoma City Thunder, o copo tem 400 ml, mas custa apenas US$ 5. Na Philips Arena, do Atlanta Hawks, um copo de 700 ml custa US$ 7,50. A média por onça é a mesma nos palcos de Thunder e Hawks, custando US$ 0,33 por onça.

Os valores levam em consideração as cervejas mais baratas de cada arena. No gráfico abaixo, entre parênteses, estão as porções em onças — cada onça equivale a 0,029 litro.

cervejanba

Kevin Durant dá tênis a garoto que teve calçado roubado em Detroit

08 de dezembro de 2014 0
Bookmark and Share
Foto: Twitter/Reprodução

Foto: Twitter/Reprodução

Há algumas semanas, o jovem Anthony Cupp comprou um par de tênis de Kevin Durant, mas a alegria durou pouco. Ele foi assaltado e perdeu os calçados. Neste domingo, Cupp teve uma surpresa — desta vez, boa. O próprio Durant ficou sabendo da história e substituiu a peça roubada — além de dar uma linha completa dos artigos de sua marca.

O sorriso de Anthony mostra que provavelmente valeu a pena ter sido assaltado para ter a possibilidade de trocar uma ideia e receber um presente do atual MVP da NBA. O Oklahoma City Thunder venceu o Detroit Pistons por 96 a 94 e Durant, com 28 pontos, foi o cestinha do jogo.

 

Um novo Thunder a caminho na NBA

01 de dezembro de 2014 1
Bookmark and Share
Durant e Westbrook tentam recolocar o Thunder nos trilhos. Foto: Stephen Dunn/Getty Images/AFP

Durant e Westbrook tentam recolocar o Thunder nos trilhos. Foto: Stephen Dunn/Getty Images/AFP

O começo não foi dos melhores, nem poderia ser. Sem suas duas principais estrelas, o Oklahoma City Thunder cambaleou na largada da temporada da NBA e experimentou as últimas posições da disputada Conferência Oeste. Aos poucos, um novo Thunder vai surgir. Semana passada, Russell Westbrook retornou – desde então, já fez três jogos. A expectativa é que o atual MVP da liga, Kevin Durant, retorne dentro de uma semana.

Durant sofreu uma fratura no pé há seis semanas. A previsão de retorno era de um mês e meio a dois meses. O camisa 35 voltou a treinar e não relatou dores. Assim que tiver plenas condições físicas, retorna às quadras.

O Thunder tem cinco vitórias e 12 derrotas, em 13° lugar no Oeste. Em uma conferência tão disputada, certamente os desfalques no início do campeonato vão se refletir no fim. Mas OKC é forte e, mesmo que termine a temporada regular em uma posição incômoda, tem chance de ser competitivo contra qualquer adversário.

A dois anos da agência livre, Kevin Durant já está entre Thunder e Wizards

30 de novembro de 2014 0
Bookmark and Share
Durant está entre OKC e Washington. Foto: Harry How/Getty Images/AFP

Durant está entre OKC e Washington. Foto: Harry How/Getty Images/AFP

Atual MVP da NBA, Kevin Durant será agente livre em dois anos. Considerado o segundo melhor jogador da atualidade, Durant viu o melhor voltar para casa — LeBron James no Cleveland Cavaliers — e passou a estudar um retorno ao Distrito de Colúmbia. Natural de Washington, Durant cogita jogar pelo Wizards a partir de 2016.

Até agora, Durant prefere evitar o tema. Afirma apenas que tem duas temporadas de contrato com o Thunder. Nos bastidores, segundo a imprensa americana, o camisa 35 deixa claro que seguir em OKC e jogar em Washington são as únicas alternativas — ou seja, possíveis tentativas de Houston Rockets, Dallas Mavericks e Los Angeles Lakers têm poucas chances de sucesso.

O ala admite que será difícil eventualmente deixar a parceria de Russell Westbrook. Mas no Wizards teria a companhia de duas jovens promessas: John Wall e Bradley Beal, com quem já interagiu na seleção americana. Durant chegou à NBA em 2007, ainda no Seattle Supersonics, e acompanhou a realocação do time para Oklahoma City.

Depois de Durant, Westbrook sofre fratura e desfalca o Thunder

31 de outubro de 2014 0
Bookmark and Share
Westbrook será reavaliado para definir gravidade da lesão. Foto: Frederic J. Brown/AFP

Westbrook será reavaliado para definir gravidade da lesão. Foto: Frederic J. Brown/AFP

O Oklahoma City Thunder tem sido forçado a lidar com uma série de lesões. Depois de Kevin Durant ter quebrado o pé, contusão que o tira das quadras por um período de seis a oito semanas, o armador Russell Westbrook teve uma pequena fratura na mão na derrota da equipe para o Los Angeles Clippers, nesta quinta-feira.

Durante o segundo quarto, Westbrook foi atingido pelo cotovelo de Kendrick Perkins na disputa de um rebote. Ele deixou a quadra imediatamente e não voltou mais. Em oito minutos em quadra, o armador fez apenas dois pontos, além de quatro assistências.

Na estreia do Thunder na temporada, na quarta, Westbrook assumiu a condição de líder do time na ausência de Durant. Mesmo com a derrota para o Portland Trail Blazers por 106 a 89, o camisa 0 fez 38 pontos. Ainda não há um tempo exato para a recuperação do jogador.

O Thunder está junto com Utah Jazz e Los Angeles Lakers como os únicos times da Conferência Oeste que ainda não venceram na temporada. Sebastian Telfair deve ganhar espaço no time durante a ausência de Westbrook. O time volta a quadra neste sábado, às 22h, contra o Denver Nuggets.

Resultados da NBA nesta quinta-feira:

Orlando Magic 98-105 Washington Wizards

Minnesota Timberwolves 97-91 Detroit Pistons

Cleveland Cavaliers 90-95 New York Knicks

Dallas Mavericks 120-102 Utah Jazz

Los Angeles Clippers 93-90 Oklahoma City Thunder

Thunder constrói quadras de basquete a jovens afetados por tornado

26 de outubro de 2014 0
Bookmark and Share
Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

O estado de Oklahoma é tradicionalmente um dos mais atingidos por tornados nos Estados Unidos. Há pouco mais de um ano, um deles afetou a cidade de Moore, deixando inúmeros desabrigados. Nesta semana, o Oklahoma City Thunder inaugurou três quadras de basquete construídas na cidade como parte do reinício da região.

— Me sinto bem em estar aqui novamente. Na primeira vez aqui depois do tornado, foi muito triste. Vir aqui e ver todas essas casas novas faz parecer um novo lugar — disse Serge Ibaka, pivô do Thunder.

Veja:

Imagens: Oklahoma City Thunder/YouTube

Kevin Durant fratura o pé e pode desfalcar o Thunder por dois meses

13 de outubro de 2014 1
Bookmark and Share
Durant perderá o início da temporada. Foto: Scott Halleran/Getty Images/AFP

Durant perderá o início da temporada. Foto: Scott Halleran/Getty Images/AFP

Atual jogador mais valioso da NBA, o ala Kevin Durant desfalcará o Oklahoma City Thunder nas primeiras semanas da temporada 2014/2015. Neste domingo, foi constatada uma fratura no pé direito, que pode tirar o jogador de ação por até dois meses.

A lesão é chamada de “fratura de Jones”. Durant sentiu um desconforto no local no treino de sábado e, avaliado, teve a lesão diagnosticada. O osso quebrado é o quinto metatarso. Contusões deste tipo normalmente requerem cirurgia e o período de recuperação é variável, mas a previsão inicial é de seis a oito semanas.

Na temporada passada, Durant teve médias de 32 pontos, 7,4 rebotes e 5,5 assistências por jogo, eleito o MVP da NBA. Sem o seu principal astro nas primeiras partidas, o Thunder precisará apostar em Russell Westbrook e Serge Ibaka na largada do campeonato.