Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts do dia 21 setembro 2011

O maior erro de arbitragem do futebol brasileiro

21 de setembro de 2011 10

Em uma enquete rápida no meu twitter (@julimarpivatt0), perguntei aos seguidores o maior erro de arbitragem que eles lembram. Uns falaram da final do Brasileiro de 1995, quando o árbitro Márcio Rezende de Freitas foi decisivo no título do Botafogo. Também lembraram da semifinal do Paulista de 1998, entre Corinthians e Portuguesa. E até da decisão entre Corinthians e Brasiliense na Copa do Brasil de 2002.
Todas são histórias mais recentes e que você deve ter acompanhado. Eu, apesar de não ter visto, sempre penso na final da Copa do Mundo de 1966, quando a Inglaterra venceu com um gol irregular. Pela importância, eu acredito que tenha sido o maior erro da história do futebol. Mas em terras brasilerias, eu sempre ouvi falar da final do Campeonato Paulista de 1973, para mim o erro mais grotesco do futebol brasileiro, responsável por colocar um asterisco na lista de campeões.
Santos e Portuguesa se enfrentaram pela decisão do título. Após dois empates em 0 a 0 (no tempo normal e na prorrogação), a partida foi para os pênaltis. O Santos perdeu a primeira cobrança e converteu as outras duas. A Portuguesa perdeu as três primeiras, mas ainda tinha chances de empatar. O árbitro Armando Marques se confundiu na contagem e encerrou a partida quando a Lusa perdeu a terceira cobrança. O Santos fez a festa no gramado e a confusão só foi resolvida horas depois.
Dirigentes da Federação Paulista de Futebol procuraram Marques, que reconheceu o erro. Chegou a se cogitar a possibilidade dos atletas voltarem para cobrar as penalidades restantes, mas muitos já haviam até deixado o vestiário. Para evitar confusão, houve um consenso e os dois times foram declarados campeões daquele ano.

E para você, qual foi o maior erro de arbitragem do futebol? Quem sabe com a ajuda de vocês eu monte uma lista com os jogos mais polêmicos.

No vídeo abaixo, exibido pelo exinto Canal 100, os melhores momentos da final paulista de 1973.

Aniversariante do Dia: Amax, do Acre

21 de setembro de 2011 0

Clube: Amax Esporte Clube
Fundação: 21/9/2009 (2 anos)
Cidade: Xapuri (AC)
Estádio: Álvaro Abrahão (2 mil lugares)
Site: Não tem
Principais Títulos: Nenhum
Situação atual: Foi um dos clubes a disputar a primeira edição da Segunda Divisão do Campeonato Acriano (sim, a reforma ortográfica mudou o gentílico). Apesar de ter se classificado em primeiro lugar na fase inicial, parou nas semifinais ao ser derrotado pelo Galvez por 2 a 1. O Andirá foi o campeão e subiu para a divisão principal.
História
Amax é a abreviação para “Associação dos Militares e Amigos de Xapuri”. Foi criada em 2007, mas virou clube apenas em 2009. Venceu as duas primeiras competições amadoras que disputou na cidade e aceitou o convite da Federação Acreana de Futebol, que criou mais uma divisão. E fez bonito ao emplacar a melhor campanha da primeira fase. Ainda não decidiu se voltará a disputar uma competição profissional no ano que vem.

Abaixo, o vídeo da primeira vitória da história do clube no futebol profissional, 1 a 0 sobre o São Francisco, em julho deste ano.