Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Jogos Históricos: São Paulo campeão brasileiro de 1986

25 de fevereiro de 2013 0

Em pé: Fonseca, Gilmar, Wagner Basílio, Dario Pereyra e Bernardo; agachados: Müller, Silas, Careca, Piter e Sidney; Nelsinho não apareceu para a foto

O futebol brasileiro é conhecido pelos regulamentos mirabolantes e por competições inchadas (estas, pelo menos, ficaram no passado). O Campeonato Brasileiro de 1986, vencido pelo São Paulo, terminou só no dia 25 de fevereiro de 1987.
Tente entender o regulamento: os 44 participantes foram divididos em quatro chaves, com os seis primeiros colocados passando de fase diretamente. Outros oito melhores classificados se juntaram aos 24 classificados, assim como os campeões das quatro chaves do Torneio Paralelo, somando então 36 times. Eles se dividiram novamente em quatro chaves de nove times cada. Para o mata-mata passaram os quatro primeiros colocados e, a partir de então, foram até a final.
O São Paulo acabou batendo o Guarani na decisão, nos pênaltis. A melhor campanha foi do time de Campinas, com 53 pontos em 34 jogos. O tricolor somou 47 pontos, com 17 vitórias, 13 empates e quatro derrotas, marcando 62 gols e sofrendo 22.

Guarani 3 x 3 São Paulo (3×4 nos pênaltis)
Data:
25/2/1987
Local: Brinco de Ouro, Campinas (SP)
Árbitro: José de Assis Aragão (SP)
Público: 37.370 espectadores
Gols: Nelsinho (contra) (G) aos 2min e Bernardo (SP), aos 9min do primeiro tempo; Pita (SP), a 1min, e Marco Antônio Boiadeiro (G), aos 7min do primeiro tempo da prorrogação; João Paulo (G), aos 5min, e Careca, aos 14min do segundo tempo da prorrogação.
Pênaltis: Guarani – Tosin, Valdir Carioca e Evair; São Paulo – Dario Pereyra, Fonseca, Rômulo e Wagner Basílio.
Cartão vermelho: Vagner.
Guarani:
Sérgio Néri; Marco Antônio, Valdir Carioca, Ricardo Rocha e Zé Mario; Tosin, Tite (Vagner) e Marco Antônio Baiadeiro; Catatau (Chiquinho Carioca), Evair e João Paulo.
Técnico: Gainete.
São Paulo:
Gilmar; Fonseca, Wagner Basílio, Dario Pereyra e Nelsinho; Bernardo, Pita e Silas (Manu); Muller, Careca e Sidney (Rômulo).
Técnico: Pepe.

Envie seu Comentário