Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Aline volta em coletâneas

31 de março de 2011 0

Muita gente só tomou conhecimento da personagem Aline depois que ela estrelou um seriado. Mas a garota, famosa por ter dois namorados, já era bem rodada muito antes de virar atração da Rede Globo.

Criada pelo cartunista gaúcho Adão Iturrusgarai nos anos 1990, Aline tem longa ficha corrida de ofensas à moral e aos bons costumes. Ninfomaníaca assumida e praticante, Aline volta às livrarias com duas novas coletâneas: Antrologia, que reúne tiras produzidas entre 2003 e 2010, e o pocket book Aline 5, com material mais antigo.

Os livros foram lançados para coincidir com a estreia da nova temporada do seriado, onde a personagem era interpretada por Maria Flor. O problema é que o programa acabou cancelado por conta da baixa audiência, antes mesmo de os últimos dois episódios terem ido ao ar.

Em Antrologia, Aline coloca seu mau comportamento em prática nas mais diversas situações, para desespero de seus namorados Otto e Pedro. A garota se vê às voltas com um vizinho serial killer (que mais é perseguido por ela do que a persegue), é sequestrada (e dá uma canseira nos sequestradores) e chega a fundar uma igreja.

De tanto aprontar, vai para o inferno, onde parte o coração do capeta. No pocket book, a insaciável jovem cede um pouco de espaço para seus coadjuvantes. Os eternos vagabundos Otto e Pedro tentam achar rumos para suas vidas, mas um não dá certo como saxofonista e o outro descobre que é um péssimo vendedor.

O pai de Aline, Estevan, tenta manter o ritmo de sua namorada mais nova. Legítimo herdeiro do humor dos Los Três Amigos Angeli, Laerte e Glauco (que o adotaram como um quarto amigo no início de sua carreira), Adão é um dos caras que mantêm acesa a chama da tosqueira e da bagaceirice no quadrinho nacional.

Aline pode ter morrido na TV, mas, para alívio de seus inúmeros amantes, seu espírito de porco continua vivo nas HQs.

Antrologia, de Adão Iturrusgarai
L&PM Pocket. 127 págs. R$ 36

Numas de Colegial, de Adão Iturrusgarai
L&PM Pocket. 126 págs. R$ 11

Texto publicado no caderno Variedades do Diário Catarinense de 31/03/2011

Envie seu Comentário