Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts com a tag "Betha Teixeira"

Prêmio Vitor Mateus Teixeira

03 de dezembro de 2012 0

Em reunião de Mesa, realizada no dia 13 de novembro, a Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul homologou a lista dos vencedores da edição 2012 do Prêmio Vitor Mateus Teixeira, que abrange 19 categorias. Os agraciados são artistas e veículos de comunicação que enaltecem a música gaúcha.
A distinção faz uma homenagem a Teixeirinha, além de valorizar a cultura do Rio Grande do Sul. A lista com os agraciados será publicada em Resolução de Mesa no Diário Oficial do Legislativo gaúcho.
Os certificados e troféus serão entregues no dia 4 de dezembro, a partir das 19h, no Teatro Dante Barone da Assembleia Legislativa (Praça Marechal Deodoro, 101).
Além disso, um livro contendo uma biografia resumida de Teixeirinha e as trajetórias dos vencedores será distribuído aos presentes.
Os agraciados já podem entrar em contato com a Divisão de Prêmios para tratar da publicação, pelos telefones (51) 3210-1112 e (51) 3210-1247.
Confira os vencedores nas respectivas categorias:
Cantora: Marlene Pastro
Cantor: Adair de Freitas
Declamador: Patrocínio Vaz Ávila
Declamadora: Jurema Pereira Chaves
Trovador: Santo de Castilhos Homem
Trovadora: Xirua
Compositor(a): João Sampaio
Instrumentista: Maurício Marques
Arranjador(a): João Bosco Ayala
Pajador(a): Jadir Oliveira
Produtor(a) Musical: Ayrton dos Anjos
Capa de Disco: Assim na Terra – Vinicius Brum
Veículo de Divulgação de Artista Gaúcho(a): Programa América Canta – Valdir Ribeiro – Guaíra FM – Santa Rosa
Grupo de Show: Grupo de Danças Populares Andanças/UFRGS;
Grupo de Baile: Os Bertussi
Grupo de Dança Gaúcha: CTG Rancho da Saudade
Bandinha Típica Alemã: Fritz 4;
Conjunto ou Intérprete de Música Teuto-Rio-grandense: Os Três Xirus
Conjunto ou Intérprete de Música Ítalo-Rio-grandense: Délcio Tavares

A comissão julgadora reuniu representantes do Sindicato dos Compositores Musicais do RS – SICOM/RS; MTG; FGTF; Sindicato dos Músicos Profissionais do RS; Fundação Vitor Mateus Teixeira; e do Departamento de Relações Públicas e Atividades Culturais da ALRS.
O prêmio foi criado em agosto de 1997, por iniciativa do então deputado estadual Giovani Cherini.

Teixeirinha
Teixeirinha nasceu na cidade de Rolante, no interior do Rio Grande do Sul, em 03 de março de 1927, e faleceu em 04 de dezembro de 1985. Sua consagração artística veio em 1961, quando seu disco “Coração de Luto” vendeu mais de um milhão de cópias. Ele foi autor de cerca de 1.200 composições, das quais mais de 700 foram gravadas, e lançou 69 discos. Além de músico, ele foi ator e produtor de filmes.

Querência Amada marca presença na Semana Farroupilha

21 de setembro de 2011 0

A comunicadora Betha Teixeira, da Rádio Rural, apresentou o seu programa Querência Amada durante a Semana Farroupilha direto do Galpão da RBS no Parque da Harmonia.

Confira alguns momentos:

Betha Teixeira e Jairo Reis com Érlon Péricles.

O programa Querência Amada, com Betha Teixeira, que resgata a história e a música de  Teixerinha vai ao ar de segunda à sexta, entre 20h e 22h.

Entrevero na Rural

21 de setembro de 2011 0

A Rádio Rural apresentou durante a Semana Farroupilha o programa especial Entrevero Rural, direto do Galpão da RBS no Acampamento Farroupilha, no Parque Maurício Sirotsky Sobrinho.

Ancorado pelos comunicadores da emissora: Betha Teixeira, Jairo Reis, Ernesto Fagundes e Laírton Pinheiro, conhecido como Marreka, o programa debateu temas relevantes e recebeu músicos gaúchos.

As fotos abaixo, mostram  alguns momentos do Entrevero Rural:

"Um amigo é para sempre"

26 de abril de 2011 0

“Quero deixar meu registro de saudade daquilo que de melhor conheci em Rui Biriva: o comunicador. Quando da criação da Rádio Rural, em 1999, tive a felicidade de encontrá-lo nas reuniões de pré-inauguração, que  nos possibilitou sermos colegas e amigos. Seu programa, aos sábados ao meio-dia, era um dos melhores momentos da rádio. Sem demagogia e com toda sinceridade, eu tentava não perder nenhum, pois ali me divertia muito com o Rui Biriva comunicador que sabia cativar e atender aqueles ouvintes sedentos da música e da cultura gaúcha pelo Brasil afora, independentemente se era seu fã ou de outro colega cantor; ele tratava todos igual, com a mesma alegria e descontração. Quando seu programa saiu do AR, senti sua falta e, até hoje, sei que muitos sentem. Mas, aquilo que é fato fica e não sai de nossa memória e coração.

Que fique para sua família e nós, seus amigos e fãs, o que de mais marcante Rui Biriva deixa: o exemplo de superação e alegria. A gente fica cantando o que ele cantou: “….um amigo é para sempre…! e, assim, ele permanece entre nós.

Betha Teixeira