Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Praia cheia e tranqüila em Viña del Mar

13 de março de 2008 3

Sobra pouco espaço na areia, mas não tem confusão, garante a Vera/Vera Nunes

Acostumada ao burburinho das praias gaúchas (sabe Capão no auge da temporada?!), minha amiga Vera Nunes voltou impressionada com o que considerou uma contradição numa praia chilena: areia lotada e silenciosa. É possível? Veja o que a Vera conta:

“A foto é do balneário mais popular do Chile, VIÑA DEL MAR, cuja freqüência é intensificada pela proximidade com Santiago (120 quilômetros de distância). Uma das coisas curiosas é que muitas pessoas vão à praia vestindo roupas do dia-a-dia. Shorts, camiseta e casaco são trajes comuns, talvez para “encarar” as águas gélidas do Pacífico.

Outra característica interessante é tranqüilidade à beira da praia. Não existem churrasquinhos, nem pagodes, nem gritarias. A boa educação dos chilenos pode ser conferida até mesmo num final de semana de superlotação como este da foto.”

Postado por Rosane Tremea

Comentários (3)

  • Rosane Tremea diz: 13 de março de 2008

    Esse é um ingrediente bem importante. Não beber álcool na beira da praia (e olha que eu gosto de uma caipirinha à beira mar!)pode ajudar mesmo a manter o clima tranqüilo.

  • Gilberto Jasper diz: 13 de março de 2008

    Olá, Rosane/Vera!
    Pela nota sobre Viña Del Mar, nota-se que em alguns lugares as pessoas realmente se parecem com seres humanos. Ao contrário de tantas praias que mais parecem locais onde os veranistas vão para encher a cara, ouvir som a todo volume, jogar futebol e frescobol e esquecer da vizinhaça…
    Como se vê, nem tudo está perdido! Parabéns pela nota!

  • Vera Nunes diz: 13 de março de 2008

    Ou Rô!

    Descobri mais: é proibida a venda de bebidas alcoólicas na beira da praia. Com certeza, isso deixa so chilenos bem calmos :-)

Envie seu Comentário