Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

No dia dos namorados, a Verona de Romeu e Julieta

12 de junho de 2008 0

De longe não são as mais interessantes atrações de VERONA
, a segunda maior cidade do Vêneto, mas é impossível visitar a cidade italiana sem passar pelas casas de ROMEU e JULIETA.
Eis o balcão que inspira apaixonados nos últimos 500 anos. Foto: Rosane Tremea


Vi no Fantástico do último domingo estatísticas sobre as visitas às casas do eterno casal de namorados, uma das representações do amor mais reproduzidas nos últimos séculos: são 2,5 milhões de turistas por ano. Julieta recebe 5 mil cartas por ano. Em geral, elas são jogadas sobre sua tumba (eu mesma escrevi um bilhetinho e joguei lá!).
A história trágica do casal de namorados, pertencentes a famílias rivais, foi escrita por Luigi da Porto de Vicenza, em 1520. Desde então, não dá para contar a quantidade de filmes, peças de teatro, espetáculos de dança etc baseados em Romeu e Julieta.
Visite as principais atrações de Verona (um outro dia escrevo sobre elas), mas vá também à Casa de Julieta (Via Cappello, 27) para subir ao famoso balcão, à de Romeu (Via Arche Scaligeri) e à Tumba de Julieta (na Via del Pontieri, no claustro de San Francesco al Corso).



No balcão da casa de Julieta, se estiver com a bem-amada, você pode aproveitar e recitar Shakespeare:


What light through yonder window breaks? It is the east, and Juliet is the sun.

(Qual é a luz que brilha através daquela janela? É o Oriente, e Julieta é o Sol.)


Filme bacana feito a partir da eterna história de amor é Shakespeare Apaixonado.



E, pra complementar, aí vai a cena II do segundo ato da peça de William Shakespeare (clique para assistir a cena).



Postado por Rosane Tremea

Envie seu Comentário