Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Anote a dica para viajar (no cinema) no final de semana

18 de junho de 2010 0

Tem um filme em cartaz que já está no número 2 e eu recomendo aos amigos: é ruim, mas eu adorei. Fazer o quê? Tem coisas ruins que a gente adora. Aí fui procurar referências sobre o filme que eu quero sugerir agora, CARTAS PARA JULIETA (Letters to Juliet), e encontrei a definição do meu primeiro chefe como jornalista, o crítico de cinema LUIZ CARLOS MERTEN, do Estadão. E ele diz isso sobre o filme: é ruim, mas é bom.

Merten tem lá suas muitas referências, que passam pelo

Candelabro Italiano (no vídeo acima) e vão até onde o extenso conhecimento cinematográfico dele alcança. Eu não vou tão longe. Gostei por que gosto de comédia romântica e por que comédia romântica que se passa na Toscana é elevada à enésima potência. Esqueça Tony Ramos e a novela das 8 da Globo. Há muitos anos, desde que conheci a região, tenho dito que esse é um lugar para se viver, em algum momento da vida, nem que seja por pouco tempo. Quem sabe um dia?!

Mas se nem eu nem você podemos viver por lá, quem sabe transportar-se até lá no cinema. A trama que leva Vanessa Redgrave de volta à Toscana é óbvia, mas nem tanto. O final é feliz, como sempre nas comédias românticas, mas você torce por ele. E tem umas cenas tão lindas! Não me pergunte o motivo, mas uma que mais me tocou foi a que ela, Vanessa, se oferece para pentear os cabelos da jovem Amanda Seyfried. E diz algo do gênero: “Toda pessoa deveria ter o direito de ter os cabelos penteados”.

E os desencontros e os encontros. Mas, principalmente, aquela paisagem da Toscana. E Siena. E Verona. Vá dar uma olhada. Depois a gente conversa.

Envie seu Comentário