Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Enfim, uma visita ao Museu do Pão

14 de junho de 2011 10

É muito legal receber material de divulgação de todo lado e ser abastecida pelos leitores, mas eu sempre prefiro conferir com meus próprios olhos. Não por desconfiança, mas por curiosidade e vontade de conhecer lugares novos.

Por isso já estava meio “passada” com a impossibilidade de chegar ao Museu do Pão, mais um caso daqueles “tão perto, tão longe”.

Pois, afinal, cheguei lá, num roteirinho que fiz pelo Vale do Taquari, uma região linda do Rio Grande do Sul.

O Museu do Pão fica no Moinho Colognese, na pequena e simpática ILÓPOLIS (que, como eu costumo brincar, é uma das cidades da “grande Anta Gorda”), a 200 quilômetros de Porto Alegre.

O Colognese é um dos seis a integrar o CAMINHO DOS MOINHOS, uma iniciativa que pretende recuperar antigos moinhos abandonados, não apenas para restaurá-los, mas para dar-lhes vida nova, reintegrá-los às comunidades para os quais foram tão importantes em outras épocas.

No Museu do Pão, inaugurado em 2008, há uma pequena coleção de objetos utilizados pelos imigrantes italianos do Vale do Taquari, refazendo a trajetória da produção do alimento “do grão ao prato”.

Uma outra linha do tempo resume 14 mil anos da presença do pão na história da humanidade e das religiões.

Há, ainda um pequeno auditório para documentários, filmes e palestras.

E, óbvio, um espaço para oficinas onde se pode aprender a fazer pães e outras delícias. Não é apenas uma viagem no tempo. É, também, uma viagem que pode ajudar a delinear o futuro dessas comunidades.

Comentários (10)

  • Enfim, uma visita ao Museu do Pão | Viagem diz: 14 de junho de 2011

    [...] o post completo no blog Recortes de Viagem: Enfim, uma visita ao Museu do Pão var a2a_config = a2a_config || {}; a2a_localize = { Share: "Compartilhar", Save: "Salvar", [...]

  • Lidia Mazzola diz: 14 de junho de 2011

    Nada como resgatar as tradições…

  • Gabriela diz: 14 de junho de 2011

    Só para constar, Ilópolis é cidade vizinha a Anta Gorda.

  • Clovis diz: 14 de junho de 2011

    Olá. Leio sempre seu site e gostaria que corrigisse o equívoco. Ilópolis não pertence a grande Anta Gorda. Ilópolis fica no centro dos 4 municípios e por uma séria de qualidades é o pólo regional. Logo dentro da grande Ilópolis estão incluidas as regiões periféricas de Anta Gorda, Putinga e Arvorezinha.
    eheheh
    abraços e parabéns pelo seu blog.

  • Clóvis diz: 14 de junho de 2011

    Quem pertence a grande Anta Gorda é Itapuca. Vc está confundindo as coisas, ehehehe

  • ciro comiran diz: 14 de junho de 2011

    Parabéns Rosane pela forma como vc viu a obra de Manuel Touguinha, um trabalho digno de nota.

    abs

    ciro comiran

  • ciro comiran diz: 14 de junho de 2011

    Parabéns Rosane pela forma como vc viu a obra de Manuel Touguinha, um trabalho digno de nota.

    abs

    as fotos tb estão belissimas.

    ciro comiran

  • Paulinha diz: 15 de junho de 2011

    Itapuca é o distrito de Anta Gorda. Lá se encontra a Gruta Nossa Senhora de Lourdes, fica a dica galera!!
    Abraços

  • Marizangela diz: 15 de junho de 2011

    Olá Rosane!

    A Associação dos Amigos dos Moinhos do Vale do Taquari – AAMoinhos, entidade mantenedora do Complexo Arquitetônico do Museu do Pão, Oficina de Panificação e Moinho Colognese, responsável pelos de mais projetos da Rota “Caminho dos Moinhos”, em nome de seu Presidente – Diretor Geral, agradece o espaço de divulgação proporcionado.

    Att,

    Marizangela

Envie seu Comentário