Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Museu do Pão e intercâmbio na Itália

06 de março de 2012 3

Em fevereiro, no dia 22, o Complexo Arquitetônico do Museu do Pão, Oficina de Panificação e Moinho Colognese de Ilópolis completou quatro anos.

E mereceu, há poucos dias, destaque no The Wall Street Journal. Não é a primeira vez. Outros jornais e revistas já falaram sobre essa miragem na pequena Ilópolis, que fica a 200 quilômetros de Porto Alegre, e arquitetos de vários pontos do mundo já estiveram ali para conhecer a obra que consegue colocar em harmonia o antigo e o novo.

O legal é que se trata de um museu vivo, onde se mesclam história e arquitetura com oficinas, cursos etc com a participação da comunidade, e mais de 10 mil pessoas já passaram por ali.

O jeito encontrado para comemorar o aniversário de quatro anos também foi bacana. Nesse dia, embarcaram para a Itália 20 jovens da região que haviam participado de cursos no local para uma imersão de 12 dias em Auronzo di Cadore. A essa altura, já devem estar de volta, com muita história para contar.


Comentários (3)

  • Carlos diz: 6 de março de 2012

    Bom dia, Rosane !!
    Por que não existe mais, aqui no Brasil, pão bom ?
    Quando eu era criança lembro que os pães eram excelentes. Na Glória onde me criei, tinha um armazem, note bem, ele não fabricava pães, e sim comprava de uma padaria. O pão sovado era uma maravilha.
    E o pão da praia ?
    Era diferente do daqui.
    Também sumiu. Era ótimo !

  • João Antônio Queiroz de Carvalho diz: 6 de março de 2012

    Pessoal
    Eu sou um admirador do pão feito em uma antiga padaria de Capão da Canoa… Acho que ainda tem algo por aí… Mas admirador mesmo, eu sou de iniciativas como a do Museu do Pão, que já ouvi falar muito, mas infelizmente ainda não conheço. Seria fantástico se mais iniciativas como essa vingassem por aqui. Viveríamos em um outro mundo….
    Abraços
    João Antônio
    Destinos do Sul

Envie seu Comentário