Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Do Alasca, ao vivo

18 de julho de 2013 0

Um velho (e querido) conhecido costumava dizer que não precisava fazer malas, sair por aí a pé, de bicicleta, carro, ônibus, trem ou avião para viajar.

Dizia que viajava com revistas, livros, dvds e programas sobre viagens. Não era necessário sair de casa, repetia ele.

Nunca concordei. Por mais que se tenha referências de lugares e cidades, nada como conferir ao vivo. Prefiro a confirmação ou a surpresa, e até mesmo a decepção!

Mas, de vez em quando, lembro dessa máxima dele. Como lembrei dias atrás quando o colega Gustavo Roth, sempre atento a vídeos de todo tipo, me encaminhou um link publicado pelo jornal inglês The Guardian.

Ele mostra uma câmera ao vivo que registra um momento da natureza que se repete ano após ano (clique no link para ver as imagens ao vivo) através dos tempos, durante o verão: ursos pardos que aguardam salmões no Rio Brooks, durante sua migração, para caçá-los, no Parque Nacional de Katmai, no ALASCA, nos Estados Unidos.

É mais do que uma câmera. São nove câmeras em HD, alimentadas por paineis solares, energia eólica e baterias, que mostram ao vivo a cena e devem permanecer ali até o final de julho.

São cerca de 70 ursos se revezando ao longo das quedas de água.


Envie seu Comentário