Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Bancos por todo lugar

08 de janeiro de 2015 0
Fotos Rosane Tremea. No Giardino di Boboli, em Florença

Fotos Rosane Tremea. No Giardino di Boboli, em Florença

Não sou fotógrafa, bem que eu queria.

Mas dificilmente, desde que comecei a fazer fotos digitais, volto de uma viagem com menos de mil fotos, por mais curta que seja.

E vou inventando temas para mim mesma.

Às vezes, invejo ideias, como essa das artistas Isabel Löfgren e Patricia Gouvêa.

No projeto Banco de Tempo, elas registraram bancos instalados em toda parte, fizeram exposição e, agora, em 2015, vão lançar um livro.

Começou no Jardim do Museu da República no Rio de Janeiro, com fotografias, video-instalações, registros/documentos e uma interferência nos bancos do parque, provocando reflexões sobre espaços, viagens e desejos ligados ao tema do tempo e à paisagem.

O ponto de partida foi uma foto do ex-presidente Nilo Peçanha, encontrada no arquivo histórico do museu, sentado em um dos bancos do jardins com seus cães.

Eu, de minha parte, gosto de fotografar bancos sozinhos, desde sempre. Vazios, me passam a ideia de solidão, de abandono, como nada nem ninguém.

Pena não ter tido a ideia (nem ter o talento) de Isabel e Patricia. Confira aqui mais imagens sobre o trabalho da Patricia.

Vou esperar para ver o que o livro delas reserva.

Fotos Rosane Tremea. Na ilha do Clube Jangadeiros, em Porto Alegre

Na ilha do Clube Jangadeiros, em Porto Alegre

Envie seu Comentário