Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Um teatro do século 19 recuperado e mais um motivo para voltar ou conhecer Jaguarão

30 de novembro de 2015 2

Você já leu muito aqui sobre Jaguarão, cidade bem lá do sul do Estado, na fronteira com o Uruguai (do outro lado do rio está a uruguaia Rio Branco).

Já faz tempo que não vou, mas a querida Lelei fez Jaguarão chegar até mim com essa belíssima notícia (não, não tinha lido nada antes disso).

No último dia 13, a cidade se reencontrou com mais um prédio histórico restaurado, o do Teatro Esperança.

Fotos Fernanda Barbier, divulgação

Fotos Fernanda Barbier, divulgação

O nome não poderia ser mais apropriado para esse prédio que ficou anos sendo reconstruído. E ficou lindo!

TheatroEsperança_Jaguarão_plateia_mezanino
As informações são da assessoria de imprensa da prefeitura e, em resumo, dizem o seguinte:

  • O prédio começou a ser construído em 1887 e inaugurado 10 anos depois. Consta como o terceiro teatro mais antigo do Estado (os outros são o Sete de Abril, de Pelotas, e o São Pedro, de Porto Alegre).
  • Ele é tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico do Estado desde 1990 e, mais recentemente, passou para a tutela e proteção do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional.
  • Na época da construção, a cidade vivia seu período áureo e ficava no roteiro de companhias artísticas que se apresentavam no Rio de Janeiro, em Porto Alegre e Pelotas e seguiam para Montevidéu e Buenos Aires.
  • Uma coisa bacana destacada pelo material que divulga a reabertura do prédio é que o espaço, naquele tempo, adaptava-se a espetáculos circences, com a remoção de cadeiras e o piso da plateia, que tinha um tablado era móvel, e se transformava em picadeiro.
  • Agora, na restauração, a primeira etapa da obra começou em 2010 e teve recursos do governo federal. Custou cerca de R$ 6 milhões. Em 2012, começou a 2ª etapa, gerenciada pela prefeitura, com investimento de R$ 4,6 milhões. O projeto de restauro é assinado pelo arquiteto Wiliam Pavão.

TheatroEsperança_Jaguarão_palco_plateia_camarotes_mezanino
Fiquei superfeliz mesmo com a novidade. Quero voltar lá pra conhecer e, quem sabe, assistir algum espetáculo.

 

Comentários (2)

  • Constantin diz: 30 de novembro de 2015

    Visitando Jaguarão em dezembro 2014, ficamos admirados com os quase 800 prédios históricos existentes, alguns em excelente estado de conservação. O teatro estava em reforma. Chama a atenção, que com todo este patrimonio, a cidade não tem o devido destaque no cenário turístico do RS. Uma pena.
    Rosane, para quem gosta de fotografar janelas e suas molduras Jaguarão é uma visita obrigatória.

Envie seu Comentário