Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Uma exposição que não dá para perder, no Margs

10 de agosto de 2016 0
Fotos Rosane Tremea

Fotos Rosane Tremea

IMG_8379

Está em cartaz desde o dia 25 de junho e você precisa anotar na agenda para não perder: vai só até 21 de agosto (terça a domingo, das 10h às 19h), no Museu de Arte do Rio Grande do Sul (Margs), a mostra A modernidade impressa: Artistas ilustradores da Livraria do Globo – Porto Alegre.

Ela é resultado da pesquisa de mais de 10 anos que a professora do Instituto de Artes da UFRGS Paula Ramos, que também é jornalista e historiadora da arte, fez para seu mestrado e doutorado. Na abertura da exposição, foi lançado livro com o mesmo título, com quase 700 páginas e mais de 1,3 mil imagens.

Principal veículo do Estado na primeira metade do século 20, a Livraria do Globo começou sua trajetória em 1883, como papelaria. Nos anos 1980, foi vendida à Rio Gráfica Editora (RGE).

IMG_8376

IMG_8378

Voltando à exposição e ao livro: eles mostram a produção visual dos lançamentos editoriais, entre os anos 1920 e 50, assinada por artistas como João Fahrion, Sotero Cosme, Nelson Faedrich e Edgar Koetz.

São de muitos deles as capas da Revista do Globo da época e as capas de livros de escritores como Augusto Meyer, Dyonélio Machado, Erico Verissimo e Mario Quintana, editados pela Globo.

IMG_8374

O tema já me interessava, já tinha lido um tanto a respeito, mas aí dei de cara com esse texto aqui de Luis Augusto Fischer, que foi o que me arrastou mesmo para o Margs.

Depois de percorrer a mostra, não bastasse estar com os olhos bem satisfeitos com o que tinha visto, ainda fui me surpreender com a comidinha caseira que encontrei no Café do Margs.

Foi uma manhã reconfortante.

IMG_8377

IMG_8373

IMG_8375

Envie seu Comentário