Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Posts na categoria "Geral"

Arquitetura e viagem: para além de edificações

04 de maio de 2016 0
Instituto Ling, divulgação

Instituto Ling, divulgação

Um curso bacana, em junho, no Instituto Ling, pode ajudar a entender melhor cidades e culturas por meio da arquitetura.

Ele vai ser ministrado pelo professor Edson Mahfuz, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

A descrição do curso, que terá três encontros, explica melhor:

“Boa parte do prazer de viajar deriva da arquitetura e do urbanismo que vivenciamos longe de casa. Mesmo quando somos conscientes dessa experiência, nem sempre entendemos os motivos de gostarmos de determinados edifícios ou espaços urbanos. No entanto, há razões muito claras para que algumas edificações sejam melhores que outras, especialmente ao considerarmos o ponto de vista de quem as usa. O curso pretende abordar a arquitetura e o urbanismo como partes de um mesmo fenômeno, em busca do entendimento daquilo que os faz tão interessantes, até mesmo ao ponto de nos deslocarmos pelo mundo para vê-los.”

Serviço

  • De 7 a 21/6, em três encontros semanais, sempre às terças-feiras
  • Das 19h30min às 21h30min
  • R$ 480 (ou 6 vezes de R$ 80)
  • No Instituto Ling, em Porto Alegre

 

Imersão no Piemonte, na Itália

29 de abril de 2016 0
IMG_0668

Fotos divulgação

E lá vão os queridos Marcelus e Suzie e seus sócios para mais uma de suas incursões turístico-gastronômicas.

Depois da Sicília, da Toscana, da Costa Brava, de Mendoza, de Bordeaux, da Provence, o pessoal do Al Mondo neste ano vai explorar o Piemonte, uma região linda do norte da Itália.

Variam as regiões, mas a fórmula segue a mesma: eles escolhem uma cidade pequena e querida, selecionam uma casa linda e, durante uma semana, proporcionam aos hóspedes jantares especiais dos quais eles podem participar desde a escolha dos ingredientes passando pelo preparo das iguarias selecionadas pelo Marcelus.

A cidade da vez é San Marzano Oliveto, na região de Monferrato, declarada pela Unesco como Patrimônio da Humanidade.

A sede do Al Mondo por ali será um casarão do início do século 20, uma construção de 1 mil metros quadrados, cercada de jardins e árvores frutíferas, incluindo parreirais com uvas moscato. A Villa San Marzano também conta com biblioteca, academia, piscina e quadra de tênis.

As viagens dos dois grupos serão entre 12 e 25 de outubro, no outono do Hemisfério Norte, mesma época em que acontece por lá a Feira Internacional das trufas brancas de Alba, que atrai visitantes do mundo inteiro.

IMG_0664

Para os passeios, livres, na região, o que o Al Mondo recomenda:

Barolo – A cidade com o mesmo nome do “vinho dos reis” é um tour perfeito para os amantes da bebida, com a possibilidade de fazer degustações dos vinhos locais, visitar o Museo del Vino no Castello Comunale Falletti di Barolo, o Museo dei Cavatappi, os abridores de garrafas, e terminar o passeio experimentando comidas típicas feitas com o próprio barolo.

Alba - Para os chocólatras, Alba é a terra natal da Ferrero. Também é terra de restaurantes recomendados pelo guia Michelin – um deles com 3 estrelas, a nota máxima – e a terra das trufas brancas do Piemonte.

Barbaresco - O vinho de mesmo nome é o maior chamariz de visitantes e a maior atração desta vila de mais ou menos mil moradores. De enoteca em enoteca, os forasteiros abastecem suas adegas com rótulos locais e conhecem o estilo de vida sossegado dos moradores. Muitos também aproveitam para visitar a Enoteca Regionale del Barbaresco, onde produtores expõem na Igreja de São Donato, do século 19.

Bra – A cidade de 30 mil habitantes é o berço do movimento slow food.

IMG_0666

Promoção de Dia das Mães leva à França

27 de abril de 2016 0

Começou no último dia 25 a campanha “Perfume de Mãe, ares da França”, do Moinhos Shopping, de Porto Alegre, que levará a vencedora para a fábrica da Parfumerie Fragonard, na França.

Fundada em 1926 por Eugène Fuchs, a fábrica foi uma das primeiras a traduzir em perfumes os aromas e essências na região da Riviera Francesa.

A viagem, de sete dias e para duas pessoas, inclui passeios pela região da Provença, com visitas às formações rochosas de Rousillon e à Abadia de Sénanque, além de estadia e tratamento de SPA no tradicional Le Couvent des Minimes Hotel & Spa by LOccitane, e dois dias livres para conhecer o Principado de Mônaco.

Para concorrer, é preciso trocar notas fiscais de compras feitas no shopping.  Cada R$ 400 em notas fiscais dão direito a um cupom, que deve ser depositado no 1° andar do shopping até o dia 9 de maio.

 

Uma (outra) conversa sobre o Caminho de Santiago

25 de abril de 2016 0
Fotos Andrea Prestes, divulgação

Fotos Andrea Prestes, divulgação

Semana passada, publiquei aqui um post sobre uma conversa que vai ocorrer nesta segunda com um jornalista espanhol sobre o Caminho de Santiago de Compostela, no Instituto Cervantes.

Pois também nesta segunda, a edição do Belezas do Mundo, promovido pelo STB na Bazkaria, vai tratar do mesmo tema.

Aqui, quem vai falar sobre o tema que mais gente tem atraído a cada ano é a jornalista e fotógrafa Andréa Prestes, que percorreu os 800 km quilômetros em 38 dias de caminhada.

As mais de 5 mil fotos resultaram num livro publicado por meio de financiamento coletivo e, no final do evento desta segunda, ela vai autografar a obra.

Caminho_Santiago_Andrea_Prestes2

Caminho_Santiago_Andrea_Prestes_1

Serviço

  • Belezas do Mundo “Caminho de Santiago”, por Andréa Prestes
  • 25 de abril às 19h30min
  • Na Bazkaria (Comendador Caminha, 324, em Porto Alegre)
  • Evento gratuito, com lugares limitados. Confirmar presença pelos telefones (51) 3061-6262, 9155-2926 ou rp@bazkaria.com.br

Andrea_Prestes

Caminho_Santiago_Andrea_Prestes5

Em Gramado, uma festa e um restaurante

21 de abril de 2016 0
Foto Cleiton Thiele, SerraPress, divulgação

Foto Cleiton Thiele, SerraPress, divulgação

A FESTA

É tempo de Festa da Colônia, que já soma sua 26ª edição em 2016.

Vai até 1º de maio, na Expogramado, em… Gramado.

Para o tradicional evento, mais de 300 famílias descendentes de italianos, alemães e portugueses organizam e participam da festa.

Com acesso gratuito, oferece música e danças folclóricas, exposição de produtos artesanais e a Festa dos Espantalhos – decoração de espantalhos que enfeitam a principal avenida de Gramado.

Serviço

  • Até 1 de maio, em Gramado
  • Na Expogramado (Avenida Borges de Medeiros, 4.111).
  • Programação completa em www.gramadotur.net.br

 

 ***

IMG_6716

O RESTAURANTE

E, uma vez em Gramado, além de visitar a festa, aqui vai uma sugestão: para uma das refeições, no sábado ou no domingo, a dica é o almoço alemão no restaurante do Hotel Ritta Hoppner.

É um rodízio com quantidades bem dosadas, com comida saborosa e variada.

O lugar é superagradável, e o atendimento gentil do início ao fim. Visitar a área externa do hotel é um belo complemento ao almoço.

Se não quiser almoçar, o restaurante também oferece um chá da tarde, com doces alemães como a tradicional apfelstrudel e outros doces da culinária alemã.

Fica na Rua Pedro Candiago, 364, no bairro Planalto, junto ao Mini Mundo, em Gramado.

IMG_6719

Encontro de peregrinos do Caminho de Santiago em Caxias

20 de abril de 2016 0

Está em cima da hora, mas talvez ainda dê para se agendar para o feriadão: a Associação dos Amigos do Caminho de Santiago de Compostela do Estado do Rio Grande do Sul (Acasargs) está promovendo o VIII ENAP – Encontro Nacional de Peregrinos do Caminho de Santiago de Compostela.

Vai ser durante o feriadão de Tiradentes, entre os dias 21 e 24 de abril, no Hotel Samuara, em Caxias do Sul (RS).

O tema do encontro é “Dos Caminhos Brasileiros ao Caminho de Santiago de Compostela”.

Um dos convidados do evento é o jornalista espanhol Manuel Rodríguez, reconhecido como um dos principais conhecedores do Caminho.

Ele também vai falar sobre o tema no Instituto Cervantes, em Porto Alegre, às 19h de segunda-feira, dia 25.

O roteiro agora é por Madagascar

20 de abril de 2016 0
Fotos Haroldo Costa, divulgação

Fotos Haroldo Costa, divulgação. Mais de 50 árvores gigantescas da espécie Adansonia gradidieri concentram-se na Alameda dos Baobás, na costa oeste de Madagascar.

E lá vai o pessoal da Viajologia Expedições, comandado pelo fotógrafo e jornalista Haroldo Costa, prepara mais uma jornada, agora em MADAGASCAR, a quarta maior ilha do mundo, localizada no Oceano Índico e considerada um laboratório natural da evolução das espécies.

Entre os destaques da paisagem, estão os gigantescos baobás, árvores que podem chegar a mais de 30 metros de altura e mais de mil anos de idade.

1-MDG_1999-proc

As árvores na Alameda dos Baobás medem até 30 metros de altura e algumas podem chegar a mil anos de idade.

Isolada do continente há 135 milhões de anos, a Grande Ilha no oceano Índico é um laboratório natural da evolução das espécies e encanta os viajantes com uma flora e fauna única.

A ilha abriga 107 espécies de lêmures, dezenas de camaleões coloridos e espécies de plantas que só existem lá.

8-MDG_6014-proc

Um camaleão-de-parson macho (Calumma parsonii), réptil endêmico que vive na floresta tropical úmida de Madagascar.

Nas duas semanas, os viajantes conhecem e fotografam os principais pontos e atrações como a famosa Alameda dos Baobás – das nove espécies de baobás que existem, seis podem ser encontradas apenas em Madagascar. A majestosa árvore é chamada localmente como “rainha da floresta” e, para muita gente, é a árvore do Pequeno Príncipe.

A expedição fotográfica passa também pelo Parque Nacional Tsingy de Bemaraha, considerado Patrimônio Mundial pela Unesco, com . O roteiro inclui trilhas e passeios de canoa para descobrir as formações rochosas calcárias. Um dos momentos mais esperados, segundo os organizadores, é a observação dos lêmures.

5-MDG_3001-proc

O Parque Nacional Tsingy de Bemaraha, considerado Patrimônio Mundial pela Unesco, é um conjunto de rochas calcárias esculpidas pela erosão da água.

7-MDG_5007-crop

O indri (Indri indri) é o maior de todos os lêmures e pode chegar a pesar até 9,5 quilos, no Parque Nacional Andasibe-Mantadia.

6-MDG_4134-crop

O varecia-preto-e-branco (Varecia variegata) é uma das 107 espécies de lêmures que vivem em Madagascar.

- Especialistas apontam que o turismo de observação de animal é uma excelente alternativa para o desenvolvimento da economia local e pode ajudar a conter o desmatamento – diz Haroldo Costa.

A viagem, em setembro, é acompanhada por Haroldo.

Informações em viajologia.com.br

4-MAD_0488-prox

Canoa na entrada de uma gruta de calcário, às margens do Rio Manambolo, na região do Parque Nacional Tsingy de Bemaraha.

3-MAG_0620-proc

Um pescador Vezo em um canal que dá acesso ao oceano Índico, no vilarejo Betania, na costa oeste de Madagascar.

 

Trilhando o interior do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina! E fotografando!

19 de abril de 2016 2
AndrÇ e Paula - foto de Everson Lopes (1 de 1)
A história da fisioterapeuta Paula Segalla, 41 anos, e do publicitário André Studzinski, 43, já é bacana por si só. Eles foram os primeiros namorados um do outro, ficaram separados por mais de 20 anos, se reencontraram e se uniram por duas paixões: as viagens de natureza e a fotografia.

Daí para chegar à PhotoTrilha não demorou. Mais do que atividade profissional, eles definem como um estilo de vida.

Em roteiros pelo Rio Grande do Sul e por Santa Catarina, o casal oferece o serviço de guia e o registro fotográfico. E esclarece que não se tratam de pacotes: eles indicam locais de acampamento ou pousadas e cada um faz sua reserva e cuida da alimentação.

flamingos em Mostardas (1 de 1)

comboio em Minas do Camaqua (1 de 1)
- Foi a forma que encontramos de incentivar os negócios locais bem como estabelecer uma relação de transparência com quem viaja conosco. Porém incentivamos muito a modalidade de acampamento. É uma forma de turismo pouco praticada no Brasil. Adotamos como estilo de vida e quem experimenta entende que, com um pouco de prática, há benefícios como dormir em lugares paradisíacos, não ter de fazer reservas ou permanecer mais tempo que o desejado num mesmo local. Também permite um contato maior do grupo, que divide a “cozinha”, a conversa que se estica noite adentro - contam.

DCIM101MEDIA
O limite de participantes de cada roteiro não são as pessoas, mas os carros que percorrem os em geral locais de difícil acesso, por estradas de chão. Em média são 10, além do deles próprios e de um de apoio, que vão à frente e ao final do comboio, com equipamentos de resgate, como guincho e cintas, GPS e radiocomunicador. E com um drone para fazer imagens maravilhosas como as desse vídeo, ao qual deram o título de “Um dia sem frescura”:
Quem costuma acompanhá-los? O perfil, segundo eles, é bem familiar, com gente dos oito aos 80 anos, muitas vezes três gerações de uma mesma família.
O espírito é que o grupo assuma o comando da aventura, com abertura para imprevistos e mudanças de planos.
No futuro, pretendem montar grupos para ir a Ushuaia, na Argentina, além do Jalapão, no Tocantins, as Chapadas dos Veadeiros e Diamantina, o Pantanal…

O próximo roteiro, neste feriado de Tiradentes, será no chamado “Caminho dos Conventos”, nome usado por antigos tropeiros que percorriam a região dos cânions catarinenses.

comboio em s∆o josÇ dos ausentes (1 de 1)

Quando custa um roteiro como este de Tiradentes?

Aqui vai a resposta que me deram: serviço de guia e captação de imagens (foto/vídeo) custa R$ 380 por carro, independentemente do número de passageiros. Passeios de um final de semana custam em trono de R$ 150. De camping cada pessoa terá um custo médio de R$ 20 por dia. Antes da viagem eles costumam fornecer uma estimava de custos.
Eles têm blog e página no Facebook:

banho de Rio - Canion no Pampa - Rio Camaqua Chico - Rinc∆o do Inferno (1 de 1)

Uma visita a San Galgano, na Toscana

18 de abril de 2016 0

De tempos em tempos, publico aqui os vídeos que a Daniella e o Alessandro produzem em suas incursões pela Itália.

Neste, eles mostram uma visita a San Galgano, uma abadia que fica a 25 quilômetros de Siena, na Toscana.

O local, que foi abandonado na Idade Média, está quase em ruínas, mantendo paredes e muros.

Algumas cenas da novela global Passione foram gravadas ali.

Deixemos que eles contem, nesta versão com legendas em português.

Para a agenda do final de abril: uma festa na minha terra e um curso de degustação na Serra

15 de abril de 2016 0

Em Anta Gorda, a 6ª FestLeite

A festa que reúne Simpósio do Leite, Seminário da Noz Pecan, Salão da Gastronomia, Feira Comercial e Industrial, shows e etc será de 28 de abril a 1 de maio, no Parque Municipal de Eventos.

A cidade é conhecida como a capital da noz pecan.

Já contei aqui: na minha casa tínhamos nogueiras gigantescas, e a colheita das nozes era sempre uma festa.

Por um bom tempo ao longo do ano, os doces todos eram baseados na fruta e é isso que se vê muito na mostra de gastronomia da festa: receitas familiares produzidas com nozes e leite, as duas estrelas do evento.

O bacana é que é quase tudo produzido com trabalho voluntário, envolvendo mais de 200 pessoas.

Na última edição, em 2014, a FestLeite atraiu 35 mil pessoas, muitas interessadas também na exposição de gado leiteiro, que deve apresentar 170 animais, com julgamento coordenado pela Associação dos Criadores de Gado Holandês do Rio Grande do Sul (Gadolando), participação da Associação dos Criadores de Gado Jersey do Rio Grande do Sul e da Associação dos Criadores Gaúchos de Zebu e Núcleo Gaúcho de Criadores de Gir Leiteiro.

Informações em festleite.com.br

***

Em Farroupilha, degustação de vinhos

A Casa Perini promove no dia 30 de abril, a partir das 14h30min, um Curso de Degustação de Vinhos.

As atividades serão comandadas pelo enólogo da vinícola, Leandro Santini, que falará sobre as variedades de uvas, peculiaridades das regiões produtoras e os tipos de vinhedos.

Os participantes poderão saber mais sobre os processos de elaboração dos vinhos, além de visitarem a vinícola. Encerrando o dia, haverá um jantar harmonizado, preparado pela equipe da Casa Perini.

A vinícola fica no Vale Trentino, em Farroupilha, na serra gaúcha.

Informações e inscrições pelo (54) 2109-7300.

Um parque de tulipas na Holanda

14 de abril de 2016 0

Ibulb-trendfotografie2
Até 16 de maio, o maior parque de tulipas do mundo, o KEUKENHOF, em Lisse, na Holanda, está de portas abertas para os visitantes.

São poucas semanas, apenas oito, para observar o mar de flores formado por 7 milhões de bulbos plantados todos os anos.

Para conferir o colorido dos 32 hectares do parque, mais de 1 milhão de turistas passaram por lá em 2015.

O espaço é dividido em sete jardins, incluindo um sensorial e outro romântico, para os apaixonados deixarem mensagens.

Há também um de esculturas, com cem obras de arte. Fica a menos de uma hora da capital, Amsterdã.

1024x768-150509LP1256
O tema da temporada de 2016 Golden Age é tema de 2016, época em que a Holanda passou por um período bem-sucedido no mercado de flores, em especial as tulipas, mas também no ramo de artes e ciências.

O destaque deste ano será um mosaico de flores com pinturas da época da Golden Age, com de 250 metros quadrados e cerca de 100 mil bulbos de tulipas, jacintos e crocus.

O plantio foi feito em duas camadas, garantindo que florescerá durante as oito semanas da temporada.

Keukenhof 2016 Strandtuin
Curiosidades sobre o parque divulgadas pela Holland Alliance (composta por NBTC Holland Marketing, KLM Royal Dutch Airlines, Aeroporto Schiphol de Amsterdã e Amsterdam Marketing):

• Fica aberto apenas oito semanas por ano

• 75% dos visitantes vêm de outros países

• Tem 32 hectares de extensão

• Todos os anos, 7 milhões de bulbos de flores são plantados

• Apresenta cerca de 20 exposições de flores a cada edição

• As flores são fornecidas por 100 expositores

• Dentro do parque há um jardim de esculturas com aproximadamente 100 obras de arte

A programação completa pode ser conferida aqui.

800x600-Keukenhof 2016 Romantische tuin

150417LL1125

Keukenhof 2016 Gouden Eeuw tuin

400x300-12990597803_116bf30f7e_o

12990457135_aaafc6ef73_o

800x600-12990530555_0eded3428a_o

Exposição de chorões no Rio Scenarium

13 de abril de 2016 1

Foto 01 Henrique
Abriu no dia 5 e vai até o final do mês de abril, no Salão Anexo do Rio Scenarium, uma exposição fotográfica de Marília Figueirêdo sobre os músicos de choro que já passaram pelo local.

A fotógrafa Marília Figueirêdo é neta de pianista, estudou saxofone e, na década de 1980, participou de uma banda de reggae. Há mais de uma década, reuniu música e fotografia, suas duas paixões.

“Os Chorões no Rio Scenarium” que ela apresenta agora resume em 30 imagens a passagem desse estilo musical pelo palco do Rio Scenarium na última década, reunindo diferentes gerações.

Estive há pouco por lá (a casa existe desde 1999) e foi uma experiência bem bacana, ainda que o lugar possa ser incluído naquela categoria “paralevarturista”. Mas isso vai ser assunto de um outro post.

A exposição fica em cartaz até 30 de abril, mas vale ir em qualquer dia para assistir aos shows (reserve!).

Fica na Rua do Lavradio, 20, no Centro Antigo do Rio.

Informações em rioscenarium.com.br

Foto 13 Joel

Programação de outono no Vale dos Vinhedos

12 de abril de 2016 0
Foto 2

Fotos divulgação

Até 19 de junho, o Vale dos Vinhedos, na serra gaúcha, preparou uma programação intensa para receber os visitantes no outono.

A região é bonita em qualquer época, mas as folhas das parreiras enfeitam ainda mais a paisagem nesta época, quando a temperatura por lá varia entre 8 e 23 graus.

O auge dos eventos será a comemoração do Dia do Vinho, entre 20 de maio e 5 de junho.

Durante o período, hotéis e estabelecimentos têm promoções especiais e descontos

www.valedosvinhedos.com.br

Foto 1

Alguns dos eventos 

  • Roteiro Cultural Ricordi d’Itália, com passeios em carroças pelo Vale.
  • Degustações como as do Drink Truck Castello Benvenutti, em 9 e 16 de abril, das 19h às 22h
  • Piqueniques no Leopoldina Jardim, de terça a domingo, das 13h às 19h
  • Jantares harmonizados Valle Rustico
  • Curso Queijos e Vinhos Casa Valduga (datas confirmadas: 22 de abril, 6 e 27 de maio, 17 de junho, 15 e 29 de julho e 12 de agosto
  • Filó Italiano – Dia Estadual do Vinho, em 4 de junho, na Casa do Filó, no Hotel Villa Michelon

Foto 3

No aeroporto de Porto Alegre

11 de abril de 2016 2

Apesar de ter ido várias vezes ao Aeroporto Salgado Filho em março, só fui me dar conta na última delas, no final do mês: a livraria (maior) que havia no saguão fechou e virou dois quiosques (ou pouco mais do que isso) – um junto ao embarque internacional e outro próximo ao embarque da TAM.

Publiquei essa nota na edição impressa e repito aqui porque realmente não me conformo. Sei que os aluguéis nos aeroportos andam insuportáveis e etc, mas eu sempre choro o fechamento de uma livraria, porque acho que sem elas estamos ficando mais pobres em todos os sentidos.

Mas o que eu mais lamentei, na ocasião, foi não haver mais guias e livros de viagem, antes com farta oferta ali. A falta de espaço não permite.

E não venha me dizer que aplicativos no celular substituem os guias… Substituem (só) em parte.

Intercâmbio na Austrália e na Nova Zelândia

09 de abril de 2016 0

Pela primeira vez, a LAE Educação Internacional promove no Brasil a EXPO Educação Austrália + Nova Zelândia, feira de intercâmbio que já ocorre desde 2010 em outros países da América Latina.

De olho nos brasileiros (que segundo eles são 22 mil estudando na Austrália e 5 mil na Nova Zelândia), no país a feira ocorrera em cinco capitais:

  • Porto Alegre (10 de abril)
  • Florianópolis (11 de abril)
  • Rio de Janeiro (12 de abril)
  • Belo Horizonte (14 de abril)
  • São Paulo (16 e 17 de abril)

O evento tem entrada gratuita. A proposta é aproximar o estudante das universidades e da cultura dos dois países, com a presença de 27 instituições de ensino australianas e seis neozelandesas.

Elas oferecem cursos de idioma, graduação, pós-graduação, cursos técnicos, mestrado, doutorado e treinamento em pesquisa.

Um aplicativo pode ser baixado no momento da inscrição para tentar encontrar o perfil de instituição que mais se encaixa com o seu interesse.

Foto divulgação

Foto divulgação

Serviço

  • Porto Alegre, dia 10 de abril
  • Das 14h às 19h
  • Associação Leopoldina Juvenil (Rua Marquês do Herval, 280 – Moinhos de Vento)