Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts na categoria "Tocantins"

Jalapão, em Tocantins, beleza única

19 de março de 2015 0
Fotos Ronaldo Mendonça, divulgação

Fotos Ronaldo Mendonça, divulgação

Recebi esta contribuição do Ronaldo Mendonça, do Ecocaminhantes, que faz roteiros bacanas por aí.

Eles falam do Jalapão, uma região no Tocantins que eu não conheço mas que aprendi a admirar a partir do meu amigo Tião Pinheiro, no início dos anos 2000, quando ainda era pouco conhecido (eu me refiro ao Jalapão, não ao Tião!).

Tião, com quem eu fazia um curso em São Paulo, me brindou com pequenas peças (quase joias!) feitas de capim dourado. Desde lá prometo ir ao Jalapão, mas não fui. Fiquei com mais vontade ainda depois das fotos e dos relatos do Ecocaminhantes.

Obrigada pela contribuição! Ah, as fotos são do Ronaldo, e o texto é da Susy Ma. 

DSC03221 - Cópia


Bem no centro do país, a 300 quilômetros de Palmas, a capital do Tocantins, encontra-se o Jalapão.

Destino de beleza única em plena mata de transição, entre o cerrado e a caatinga.

O Parque Estadual do Jalapão é afastado e de difícil acesso, mas o esforço vale a pena, pois se escondem nessa região belíssimas cachoeiras, rios de águas cristalinas, nascentes e formações rochosas variadas.

Para esta expedição, reunimos um grupo de 18 Ecocaminhantes. Foram sete dias de aventura, calor extremo, cansaço por longos trajetos nas estradas, em caminhão 4×4 e com mosquitos, mas tudo valeu a pena!

Na boléia do caminhão

Uma longinqua estrada

O nosso acampamento-base, localizado à beira do Rio Novo, um dos últimos rios de água potável do mundo e com uma prainha particular, serviu de base para as atividades de canoagem, flutuação rio abaixo e um simples banho refrescante.

Canoagem Rio Novo

Quem estava preocupado com a ideia de acampar ficou surpreso, pois as barracas eram do tipo tendas grandes, com lavabo, duas camas confortáveis e toda fechada com tela, o que nos garantiu noites de sono tranqüilas e longe dos mosquitos!

Ah… e tem até um vestiário comunitário com duchas maravilhosas para um bom banho. É realmente um lugar para relaxar e desligar da agitação das cidades e ficar longe da TV e da internet, pois lá não existe energia elétrica nem sinal de celular.

Safari Camp

Barraca

Famoso ali é o capim dourado, que só brota naquela região: sua haste fina e de intenso brilho é transformada por mãos hábeis em uma grande variedade de peças, como bolsas, brincos, pulseiras e chapéus.

Artesanato com Capim Dourado

As caminhadas programadas foram de curta distância, devido ao calor intenso, mas sempre terminando em alguma cachoeira ou rio, o que nos rendeu momentos de muita brincadeira e pura diversão.

Canyon da Sussuapara

Somente para a trilha do Mirante da Serra é que foi necessário um esforço extra. Neste dia pegamos a estrada antes do sol nascer para chegar bem cedinho à base da Serra do Espírito Santo, pois a subida de 500 metros em terreno com muitas pedras soltas, seria mais tranquila se não houvesse tanto calor. Foi difícil, após uma hora de subida, mais uma hora caminhando sobre o platô e sob o sol escaldante, mas recompensados ao chegar no mirante e admirar a paisagem e a imensidão do cerrado do Jalapão.

Serra do Espirito Santo

 

Congresso de jornalistas de turismo em Palmas (TO)

20 de junho de 2013 0

Começa nesta quinta-feira e vai até domingo, em PALMAS, a capital do Tocantins, a trigésima edição do congresso da Associação Nacional dos Jornalistas de Turismo.

O tema desta vez é O Jornalismo de Turismo e o Desenvolvimento de Novas Fronteiras Turísticas Brasileiras. Não por acaso Palmas, cidade que completa apenas 25 anos em 2014, foi escolhida como sede.

Outros temas: A Influência das Novas Mídias no Jornalismo Especializado e O Ecoturismo com Sustentabilidade.