Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Valdir Bündchen lança versão digital do livro Água Limpa na Feira do Livro

03 de November de 2014 0

Valdir

Valdir Bündchen, pai de Gisele, lotou o Auditório Barbosa Lessa na tarde desta segunda-feira (3/11). O sociólogo apresentou a versão digital do livro do Projeto Água Limpa, que cuida da preservação de nascentes, conservação do solo, combate à poluição e educação ambiental desde 2005.

— Estávamos envolvendo uma figura pública de respeito que depende de sua marca para trabalhar — pondera sobre a credibilidade do projeto que teve início como uma vontade pessoal de Gisele.

A iniciativa teve início como um piloto na região de Horizontina, mas a ideia é que a médio prazo ele cresça e se torne um programa nacional. Na palestra, ele ressalta que a mudança de cultura e a educação são os principais pilares do Água Limpa:

— Mudar culturas não é algo simples, é complicado. Mas precisa ser feito por quem tem coragem.

Para conferir o livro, basta acessar www.baas.com.br, preencher o cadastro e conferir o acervo da biblioteca.

Gisele

Confira entrevista exclusiva com Valdir Bündchen:

Qual é o próximo passo do Água Limpa?

No Vale do Jacuí, eles estão fazendo a recuperação do Guaíba liderados por Ireneu Orth, prefeito de Tapera. Se ele começar a recuperar todos os rios e as nascentes — e isso vai demorar um bom tempo — teremos o Guaíba legal. Imagina a importância disso dentro daquela filosofia do ‘pensar grande, mas começar pequeno’. É fundamental. O Água Limpa propõe coisas simples como cuidar das nascentes, pois isso terá um impacto grande no final das contas.

Como foi o início do Projeto?

Foi em 2005. A Gisele sempre gostou de assuntos relacionados ao ambiente. Ela ia para o Xingu, para vários lugares do mundo querendo ajudar, conhecer novas alternativas e pessoas que lutam para transformar sua realidade. Eu disse para ela: ‘olha, filha, vamos fazer algo perto de nossa casa. A gente vai poder cuidar e verificar.’ Foi em família que surgiu a decisão de escolher a água para criar um projeto. É um bem que atinge a todos, pobres e ricos, enfim. E resolvemos trabalhar o tema na nossa cidade.

Desde quando a temática ecológica faz parte de sua vida?

— Eu sempre gostei do assunto, de plantar árvores. Se você for na minha casa, vai ver que é quase uma floresta. Para mim, isso é uma coisa bem importante, mas para a Gisele é fundamental. Ela vive isso, respira isso e veio dela essa ideia. O sonho é dela.

Fotos: Andréa Graiz/Agência RBS e Wesley Santos/Divulgação

Envie seu Comentário